Testes e diagnósticos da rede

Junho 2017

Como testar a configuração IP

Antes de tudo, é recomendado verificar a configuração IP do computador. Os sistemas Windows propõem um instrumento de comando online chamado
ipconfig
que permite conhecer a configuração IP do computador. Este comando dá a configuração IP para cada interface, assim, um computador que possui duas placas de rede e um adaptador sem fio possui três interfaces, cada uma tendo a sua própria configuração.

Para visualizar a configuração IP do seu computador, basta inserir o seguinte comando após teclar Windows + R:

cmd /k ipconfig /all

O resultado deste comando assemelha-se a isto:

Configuração IP do Windows 
Nome do hóspede..........: CCM
Sufixo do DNS primário......:
Tipo de nó.......... : Divulgação
Encaminhamento IP ativado.......: Não
Proxy WINS ativado.......: Não
Placa Ethernet Conexão rede sem fio:
Sufixo DNS próprio à conexão:
Descrição.......... : Intel (R) PRO/Wireless LAN 2100 3A Mini PCI Adapter
Endereço físico.........: 00-0C-F1-54-D5-2C
DHCP ativado...........: Não
Endereço IP..........: 192.168.1.3
Máscara de sub-rede......: 255.255.255.0
Passarela por padrão</bold>......: 192.168.1.1
Servidores DNS..........: 193.19.219.210
193.19.219.211
Placa Ethernet Conexão à rede local:
Status dos meios de comunicação.........: Mídia desconectada
Descrição..........: Broadcom 570x Gigabit Integrated Controller
Endereço físico.........: 0F-0F-1F-CB-99-87

O resultado acima indica que o computador possui duas interfaces de rede, das quais uma sem fio. O nome da máquina na rede é CCM. A interface ethernet ligada à rede local (placa de rede) não está ativa porque o cabo está desligado. Em compensação, o adaptador sem fio está configurado.

As máquinas de uma mesma rede devem utilizar um mesmo intervalo de endereços (com endereços diferentes) e uma mesma máscara de rede. No caso de uma rede local que liga máquinas, ditas privadas, que não têm endereços IP roteáveis, os intervalos de endereços devem ser utilizados, onde a passarela por padrão designa o endereço IP da máquina que oferece o acesso à Internet.

Como devem ser os servidores DNS

Os servidores DNS (Domain Name System ou Sistema de Nomes de Domínios, em português) devem corresponder aos servidores DNS da organização. A maior parte do tempo trata-se dos servidores DNS do fornecedor de acesso.

Como acontece a saída de arquivo

Se a saída for muito longa (no caso de encontrarmos muitos mapas de túnel ipv6) ou para postar o resultado no fórum a partir de uma máquina não conectada à internet, modifique o comando da seguinte maneira para reenviar para um arquivo ipconfig.txt que poderá ser copiada em um pen drive. Pressione as teclas Windows + R e cole:

cmd /k ipconfig/all > ipconfig.txt & notepad.exe ipconfig.txt

Como testar a conexão

Para testar a conexão de uma rede, existe um utilitário muito prático fornecido por padrão com a maior parte dos sistemas operacionais, o Ping. Ele permite enviar um pacote de dados para um computador da rede e avaliar o tempo de resposta. Este comando está explicado detalhadamente nesta dica.

Para testar a rede em profundidade, basta abrir uma janela de linha de comando e efetuar, sucessivamente, as seguintes etapas:

Ping sobre o endereço de loop (127.0.0.1), representando o seu computador:

ping -t 127.0.0.1

Ping sobre os endereços IP dos computadores da rede, por exemplo:

ping -t 192.168.0.3

Ping sobre os nomes de computador, por exemplo:

ping -t Mickey

Ping sobre o computador que serve de passarela na rede local, ou seja, o computador que compartilha a sua conexão à Internet. Em geral, por convenção, ele possui o endereço 192.168.0.1:

ping -t 192.168.0.1

Ping sobre a passarela do fornecedor de acesso. O endereço da passarela do fornecedor de acesso pode ser recuperado graças ao comando
ipconfig
no computador que serve de passarela na rede local.
Ping sobre os servidores de nomes do fornecedor de acesso. O endereço dos servidores DNS do fornecedor de acesso pode ser recuperado graças ao comando
ipconfig
no computador que serve de passarela na rede local.
Ping sobre uma máquina da rede Internet, por exemplo:
ping -t 193.19.219.210

Ping sobre um nome de domínio, por exemplo:
ping -t pt.ccm.net


Se tudo isto funcionar, a sua rede estará apta a ser utilizada!

Veja também


Network tests and diagnostics
Network tests and diagnostics
Pruebas y diagnósticos de red
Pruebas y diagnósticos de red
Tests et diagnostics du réseau
Tests et diagnostics du réseau
Test e diagnostica di rete
Test e diagnostica di rete
Última modificação: 4 de abril de 2017 às 13:36 por Pedro.Saude.
Este documento, intitulado 'Testes e diagnósticos da rede', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.