O conceito de rede

Março 2017

O que é uma rede

O termo genérico rede define um conjunto de entidades (objetos, pessoas, etc.) interligados uns aos outros. Assim sendo, uma rede permite circular elementos materiais ou imateriais entre cada uma destas entidades, de acordo com regras bem definidas:

Rede (em inglês, network): conjunto dos computadores e dispositivos conectados uns aos outros. Saiba que dois computadores conectados constituem, por si só, uma rede mínima.
Instalação de redes (em inglês, networking): instalação dos instrumentos e das tarefas que permitem ligar computadores para que possam compartilhar recursos em rede.

De acordo com o tipo de entidade interessada, o termo utilizado será diferente:

rede de transporte: conjunto de infraestruturas e disposição permitindo transportar pessoas e bens entre várias zonas geográficas.
rede telefônica: infraestrutura permitindo fazer circular a voz entre os vários postos telefônicos.
rede de neurônios: conjunto de células interligadas entre elas.
rede de malfeitores: conjunto de trapaceiros que estão em contato uns com os outros (um vigarista sempre esconde um outro).
rede informática: conjunto de computadores conectados entre eles graças a cabos e trocando informações sob a forma de dados numéricos (valores binários, quer dizer, codificados sob a forma de sinais que podem tomar dois valores: 0 e 1).

Obviamente, este artigo se dedica às redes informáticas. Não existe um só tipo de rede, porque historicamente existem tipos de computadores diferentes, que se comunicam de acordo com linguagens diversas e variadas. A necessidade de contar com vários tipos de rede também se deve à heterogeneidade dos suportes físicos de transmissão que as une, quer seja a nível de transferência de dados (circulação de dados sob a forma de impulsos elétricos, luz ou ondas eletromagnéticas), quer a nível do tipo de suporte (cabo coaxial, pares entrançados, fibra ótica, etc.).

Os diversos artigos sobre o assunto pretendem descrever as características dos suportes físicos de transmissão, assim como a maneira como os dados transitam na rede.

Como estão organizados os capítulos relativos às redes

A seção de rede do site CCM está dividida em vários capítulos:

O capítulo de Iniciação às redes descreve o que é uma rede e os diferentes tipos existentes.
O capítulo sobre a Transmissão de dados trata da maneira como os dados são transmitidos no suporte.
O capítulo sobre os Equipamentos de rede descreve os diversos tipos de hardware presentes em uma empresa e permitindo conectar os computadores.
O capítulo sobre os Protocolos explica como a informação circula (a nível lógico) nas redes e, em especial, na Internet
O capítulo sobre Tecnologias enumera os diferentes meios físicos existentes para fazer transitar informações.
Na seção Prática, o capítulo sobre Internet útil dá informações para você aprender a utilizar a Internet.

Qual é o interesse de uma rede

Um computador é uma máquina que permite manipular dados. O homem, como um ser que se comunica, entendeu rapidamente a importância de ligar estes computadores entre eles para que possam trocar informações. Uma rede informática pode servir vários objetivos distintos:

O compartilhamento de recursos (arquivos, aplicativos ou hardwares, conexão à Internet, etc.),
A comunicação entre pessoas (e-mail, conversa ao vivo, etc.),
A comunicação entre processos (entre computadores industriais, por exemplo),
A garantia da unicidade e da universalidade do acesso à informação (bancos de dados em rede),
O jogo vídeo com vários jogadores.

As redes também permitem padronizar os aplicativos. Fala-se geralmente de groupware para qualificar os instrumentos que permitem a várias pessoas trabalhar em rede. Por exemplo, o serviço de e-mail e as agendas de grupo permitem comunicar mais rápida e eficazmente. Tais sistemas têm várias vantagens, como a diminuição dos custos graças ao compartilhamento de dados e dispositivos, a padronização dos aplicativos, o acesso aos dados em tempo útil, uma comunicação e uma organização mais eficazes.

Hoje, com a Internet, assiste-se a uma unificação da rede. Assim, as vantagens da implementação de uma rede são múltiplas, seja para uma empresa ou para um indivíduo.

Quais são as semelhanças entre os diversos tipos de redes

Servidores: computadores que fornecem recursos compartilhados aos usuários por um servidor de rede.
Clientes: computadores que acessam os recursos compartilhados fornecidos por um servidor de rede.
Suporte de conexão: condiciona a maneira como os computadores estão conectados entre eles.
Dados compartilhados: arquivos acessíveis nos servidores da rede.
Impressoras e outros dispositivos compartilhados: arquivos, impressoras ou outros elementos utilizados pelos internautas.
Recursos diversos: outros recursos fornecidos pelo servidor.

Quais são os diferentes tipos de rede

Distinguem-se geralmente dois tipos de redes: as redes de computador a computador (peer to peer/de igual para igual) e as redes organizadas em torno de servidores (Cliente/Servidor). Estes dois tipos de rede têm capacidades diferentes. O tipo de rede a ser instalada depende de vários critérios, como a dimensão da empresa, o nível de segurança necessário, o tipo de atividade, o nível de competência de administração disponível, o volume do tráfego na rede, a necessidades dos usuários da rede e o orçamento atribuído ao funcionamento da rede (não somente a compra, mas também a sua conservação e a sua manutenção).

Veja também


The concept of networks
The concept of networks
El concepto de red
El concepto de red
Le concept de réseau
Le concept de réseau
il concetto di rete
il concetto di rete
Este documento, intitulado 'O conceito de rede', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.