Intranet - Instalação da distribuição Linux Mandrake

Agosto 2015

Apresentação da instalação

O servidor pode funcionar com qualquer distribuição de Linux, mas escolhemos utilizar a distribuição Mandrake, que tem a vantagem de ser simples de instalar e de comportar imensas aplicações pré-instaladas.

Pode encontrar esta distribuição :

  • No site www.linux-mandrake.com (se a sua ligação o permitir)
  • No comércio por menos de 80 €
  • No CD de uma revista (cerca de 5 €, verifique na sua papelaria ou vendedor de jornais)



Antes de proceder à instalação, pode ser útil elaborar uma lista dos periféricos presentes na sua máquina e notar as referências e as características (discos duros, placa de vídeo, placa de som,…)

Fragmentação do disco duro

No início da instalação, vai ser necessário fragmentar o seu disco duro (ver o artigo sobre Fdisk a fim de separar os dados que correspondem às aplicações, os ficheiros temporários, ou ainda a memória virtual (swap).

Vamos supor que o disco duro tem uma dimensão de 10Go e que comportará :

  • um fragmento /home
  • um fragmento /tmp
  • um fragmento /var



Eis as características dos fragmentos:


Tipo de fragmento Dimensão <th>Ponto de montagem
Linux 32 Mo/boot
Linux swap128 Mo-
Linux swap128 Mo-
Linux Ext--
Linux4320 Mo/
Linux4096 Mo/home
Linux512 Mo/tmp
Linux1024 Mo/var

Etapas da instalação

A instalação do Mandrake é inteiramente gráfica, por isso basta seguir passo a passo as etapas e informar as boas opções :

  • Classe de instalação : perito
  • Utilização da máquina : servidor
  • Optimização dos discos : não
  • Nível de segurança : médio
  • sistema de ficheiros : crie um novo fragmento num espaço livre, indique o ponto de montagem e o tipo (ext2/swap)
  • Escolha os pacotes: basta instalar os pacotes necessários:
    • Mail
    • WWW
    • News Tools
    • System configuration
    • Web server
    • Network management workstation
    • Documentação

Pacotes não instalados poderão sê-lo ulteriormente, de acordo com as necessidades
  • Configuração da rede: trata-se das propriedades da rede local. Clique em rede local e deixe o sistema detectar os parâmetros físicos da sua(s) placa(s). Seguidamente , introduza os seguintes elementos:
  • Criptografia : valide com as opções por defeito
  • Configuração da impressão: complete os campos se por acaso possui uma impressora local ou de rede
  • adição dos utilizadores: os utilizadores serão criados manualmente mais tarde
  • disquete de arranque : é vivamente aconselhado criar uma para poder iniciar o servidor no caso de problemas

Aquando do reinício da máquina, poderá observar o arranque sucessivo dos diferentes serviços (é possível subir o ecrã graças à combinação das teclas <CTRL>+<PageUp>)

[Image: http://static.commentcamarche.net/...px|Ecran d'ouverture de Mandrake (/etc/issue)]


Seguidamente, ligue-se como root (super-utilizador) graças à palavra-passe que forneceu aquando da instalação

Configuração pós-instalação

Por defeito, o super-utilizador não pode ligar-se ao servidor nem por Telnet, nem por FTP por razões de segurança. Por razões práticas, e enquanto não se ligar o conjunto da intranet à Internet, vamos dar temporariamente estes direitos ao utilizador root.
Para dar a autorização ao super-utilizador para se ligar pela Telnet, é necessário editar o ficheiro /etc/pam.d/login e comentar a seguinte linha:

#auth required /lib/security/pam_securetty.so


Para dar a autorização ao super-utilizador para se conectar com FTP, é necessário editar o ficheiro /etc/ftpusers e comentar a linha seguinte :

#root

Criação de grupos e de utilizadores

Para definir um certo nível de segurança no servidor, é necessário criar utilizadores e grupos aos quais atribuiremos unicamente as autorizações necessárias.

É necessário então, num primeiro tempo, criar um grupo users que agrupará o conjunto dos utilizadores da intranet. Isto permite definir, de uma só vez, as autorizações para todos os utilizadores que pertencem a este grupo. Para criar este grupo (pode acontecer que já exista) basta utilizar a sintaxe seguinte:

groupadd users


Seguidamente, deverá criar um directório /etc/skel_intranet. Este conterá a estrutura (ou esqueleto) básica do directório de trabalho de cada utilizador.
Eis o conjunto dos comandos que permitem criá-lo :

cp -r /etc/skel /etc/skel_intranet    
cd /etc/skel_intranet    
mkdir public_html    
mkdir public_html/images    
chmod -R 755 public_html    
mkdir Maildir    
mkdir Maildir/new    
mkdir Maildir/cur    
mkdir Maildir/tmp 

Estes comandos permitem criar no directório skel_intranet um directório public_html que poderá conter a página pessoal do utilizador, bem como o directório Maildir (e as suas subdirectorias new, cur e tmp) para o correio do utilizador… Obviamente, pode acrescentar directórios suplementares ao esqueleto, se necessário.

Basta então criar cada um dos seus utilizadores com o comando seguinte:

useradd dupont -G users -m -u 500    
-k /etc/skel_intranet    
-c "DUPONT Pierre, Section Comptabilité, Poste : 89654"
  • -G : define o grupo ao qual o utilizador pertence
  • -m : criação do home directory, se este não existir
  • -u : posiciona userID se assim o desejar
  • -k : define o esqueleto a copiar para a conta (por defeito /etc/skel)
  • -c : permite acrescentar comentários



Deve atribuir os direitos apropriados à conta de autilizador com o comando:

chmod 755 /home/dupont





Pode suprimir um utilizador a qualquer momento com o comando:

userdel -r toto






[mailto:linuxdoc@free.fr Michel Maudet]

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Intranet-instalacao-da-distribuicao-linux-mandrake .pdf

Veja também


Intranet - Installing the Linux distribution Mandrake
Intranet - Installing the Linux distribution Mandrake
Intranet - Instalación de la distribución Linux Mandrake
Intranet - Instalación de la distribución Linux Mandrake
Intranet - Installation der Distribution Mandrake
Intranet - Installation der Distribution Mandrake
Intranet - Installation de la distribution Linux Mandrake
Intranet - Installation de la distribution Linux Mandrake
Intranet - Installazione della distribuzione Linux Mandrake
Intranet - Installazione della distribuzione Linux Mandrake
Este documento, intitulado « Intranet - Instalação da distribuição Linux Mandrake »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.