Transmissão de dados

Maio 2017


O que é uma linha de transmissão no suporte físico

Uma linha de transmissão é uma ligação entre duas máquinas. Designa-se geralmente pelo termo emissor a máquina que envia os dados e por receptor a que os recebe. As máquinas podem, cada uma por sua vez, receptora ou emissora (é geralmente o caso dos computadores ligados em rede).

A linha de transmissão, chamada também, de canal ou via de transmissão, não é necessariamente constituída por um só suporte físico de transmissão, é por isso que as máquinas de extremidades (por oposição às máquinas intermediarias), chamadas ETTD (equipamento terminal de tratamento de dados, ou em inglês DTE, Data Terminal Equipment) possuem cada uma, um equipamento relativo ao suporte físico ao qual estão ligadas, chamado ETCD (equipamento terminal de circuito de dados, ou em inglês DCE, Data Communication Equipment):

Circuito de dados e linha de transmissão

O que são as ondas eletromagnéticas

A transmissão de dados num suporte físico faz-se por propagação de um fenômeno vibratório. Resulta daí um sinal ondulatório dependente da grandeza física que fazemos variar: no caso da luz, trata-se de uma onda luminosa; no caso do som, trata-se de uma onda acústica; no caso da tensão ou da intensidade de uma corrente elétrica, trata-se de uma onda elétrica.


As ondas eletromagnéticas são caracterizadas pela sua frequência, sua amplitude e sua fase:


Quais os tipos de suportes físicos

Os suportes físicos de transmissões são os elementos que fazem circular as informações entre os equipamentos de transmissão. Estes suportes em classificados em três categorias, de acordo com o tipo de grandeza física de circulação, ou seja, com a sua constituição física:


Os suportes por cabos permitem deixar circular uma grandeza elétrica em um cabo geralmente metálico;

Os suportes aéreos, o ar ou o vazio, permitem a circulação de ondas eletromagnéticas ou dielétricas diversas;

Os suportes óticos permitem encaminhar informações sob forma luminosa.

De acordo com o tipo de suportes físico, a grandeza física tem uma velocidade de propagação mais ou menos rápida (por exemplo, o som propaga-se no ar a uma velocidade de aproximadamente 300 m/s enquanto que a luz tem uma velocidade próxima dos 300.000 km/s).

O que são as perturbações na transmissão de dados

A transmissão de dados numa linha não se faz sem perdas. Em primeiro lugar, o tempo de transmissão não é imediato, o que impõe uma certa sincronização dos dados durante na recepção. Por outro lado, podem aparecer parasitas ou degradações do sinal.


Os parasitas (frequentemente chamados ruídos) são o conjunto das perturbações que alteram localmente a forma do sinal. Existem três tipos de barulho:

O barulho branco que é uma perturbação uniforme do sinal, ou seja, acrescenta ao sinal uma pequena amplitude cuja média no sinal é nula. O barulho branco caracteriza-se geralmente por uma fração chamada relatório sinal/barulho, que traduz a porcentagem de amplitude do sinal em relação ao barulho (a sua unidade é o decibel). Este deve ser o mais elevado possível;

Oa barulhos impulsivos que são pequenos surtos de intensidade que provocam erros de transmissão;

O enfraquecimento do sinal representa a perda de sinal em energia dissipada na linha. O enfraquecimento traduz-se por um sinal de saída mais fraco que o sinal de entrada e caracterizar-se pelo valor:
A = 20 log  (Nível do sinal em saída/Nível do sinal em entrada)
. Ele é proporcional ao comprimento da via de transmissão e na frequência do sinal; a distorção do sinal caracteriza o desfasamento entre o sinal na entrada e o sinal na saída.

Como é medida a capacidade da largura da banda

A banda larga (em inglês, bandwidth) de uma via de transmissão é o intervalo de frequência no qual o sinal não sofre um enfraquecimento superior a um certo valor (geralmente 3 dB, porque 3 decibéis correspondem a um enfraquecimento do sinal de 50%). Temos então:


Uma linha de telefone tem, por exemplo, uma largura de banda compreendida entre 300 e 3400 Hertz para uma taxa de enfraquecimento igual a 3 dB.

A capacidade de uma via é a quantidade de informações (em bits) que pode ser transmitida na via em 1 segundo. Ela caracteriza-se assim,
C = W log2 (1 + S/N)
: C capacidade (em bps), W a largura de banda (em Hz), S/N representa o relatório sinal sobre barulho da via.

Upload et download

Chama-se download ao carregamento em modo descendente (do servidor para o seu computador) e chama-se upload ao carregamento em modo ascendente (do seu computador para o servidor). É interessante observar que o upload e o download se fazem em canais de transmissões separados (seja num modem ou numa linha especializada). Assim, quando um documento é enviado (upload) a largura da banda não perde nada em relação ao download.

Veja também


Data transmission - The physical connection
Data transmission - The physical connection
Transmisión de datos: La conexión física
Transmisión de datos: La conexión física
Transmission de données - La liaison physique
Transmission de données - La liaison physique
Trasmissione di dati - Il collegamento fisico
Trasmissione di dati - Il collegamento fisico
Última modificação: 19 de maio de 2017 às 09:45 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Transmissão de dados', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.