Introdução à PHP

Março 2017

O que é a PHP?


PHP é uma linguagem interpretada (uma linguagem de script), executada pelo servidor (como os scripts CGI, ASP, ...) e não pelo cliente (um script escrito em Javascript ou em applet Java é executado no seu computador). A sintaxe da linguagem vem da linguagem C, du Perl et de Java. Suas principais vantagens são:
  • Uma grande comunidade de desenvolvedores milhares de exemplos do script PHP ;
  • A gratuidade e a disponibilidade do código fonte (PHP é distribuído sob licença GNU GPL) ;
  • A simplicidade da escrita dos scripts ;
  • A possibilidade de incluir o script PHP numa página HTML (ao contrário dos scripts CGI, nos quais é preciso escrever linhas do código, para exibir cada linha em linguagem HTML) ;
  • A simplicidade da interface com os bancos de dados (inúmeros href= http://pt.kioskea.net/contents/65-bancos-de-dados-introducao'>SGBD - Sistema de Gerenciamento de Bancos de Dados</a> são suportados, mas, o mais utilizado com esta linguagem é o MySQL, um SGBD gratuito disponível em várias plataformas: Unix, Linux, Windows, MacOs X, Solaris, etc...) ;
  • A integração em muitos servidores web (Apache, Microsoft IIS, etc.).

Origens do PHP


A linguagem PHP foi desenvolvida no ano de 1994 por Rasmus Lerdorf. Esta linguagem de script lhe permitiu manter os rastros dos usuários que vinham consultar o seu CV no seu site, através do acesso a um banco de dados por intermédio dos pedidos SQL. Sendo assim, já que inúmeros internautas solicitaram este programa, Rasmus Lerdorf botou en 1995 , on-line, a primeira versão deste programa que ele batizou de Personal Sommaire Page Tools, e depois Personal Home Page v1.0 (traduza página pessoal versão 1.0).

Visto o sucesso do PHP 1.0, Rasmus Lerdorf decidiu melhorar esta linguagem, integrando estruturas mais avançadas, tais como uma estrutura de controle, estruturas condicionais e, integrou também, um pacote de interpretação de formulários, que ele tinha desenvolvido (FI, Form Interpreter) assim como o suporte do mSQL. E foi assim, que a versão 2 da linguagem, chamada PHP/FI version 2, apareceu, em meados de 1995. E foi utilizado, rapidamente, em inúmeros sites (15000 fins 1996, e 50000, em meados de 1997).

A partir de 1997, Zeev Suraski e Andi Gurmans se juntaram à Rasmus e formaram uma equipe de desenvolvedores a fim de desenvolver o PHP 3 (Stig Bakken, Shane Caraveo e Jim Winstead se juntaram a eles, logo depois). Foi assim que a versão 3.0 de PHP apareceu em 6 de junho de 1998.

No final de 1999, a versão 4.0 de PHP, chamada de PHP4, apareceu. PHP já está, hoje, na sua quinta versão.

SGBD suportados pelo PHP


PHP fornece uma interface simples com vários Sistemas de Gerenciamento de Bancos de dados (SGBD), entre os quais:

  • Adabas D
  • dBase
  • Empress
  • FilePro
  • Informix
  • Interbase
  • mSQL
  • MySQL
  • Oracle
  • PostgreSQL
  • Solid
  • Sybase
  • Velocis
  • Unix dbm


Artigo original

Veja também

Este documento, intitulado ' Introdução à PHP ', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.