Prática - Gerenciar os perfis Firefox, Thunderbird, Seamonkey

Dezembro 2016

Prática - Gerenciar os perfis Firefox, Thunderbird, Seamonkey

É possível possuir diversos perfis de usuário para as aplicações Firefox, Thunderbird, SeaMonkey, Mozilla.

Se seu software não arrancar mais, verifique se seu perfil atual não foi corrompido. Como? Utilizando simplesmente um perfil virgem. Pois você pode estar sendo vitima de um conflito entre extensões como uma corrupção depois de um crash.

Gerenciador de perfis


O procedimento que seguirá permite criar um novo perfil e deixar tal e qual o antigo através de uma interface de janela.

Note que todos estes exemplos, mesmo baseados no Firefox, são transportáveis pelos outros softwares citados acima.Adapte de acordo com seu caso.

Windows


Basta copiar o atalho para Firefox.

É necessário editar as propriedades deste atalho para adicionar no final do caminho do link um espaço e P. O que resulta então

"C:\Program files\Mozilla.org\Firefox\firefox.exe" -P

Não esqueça os entre aspas nem o espaço entre a última aspa e o -P !

Linux


Abra um console e entre

mozilla-firefox -P

Pode acontecer que você tenha que entrar Firefox -P (e não mozilla-firefox -P) dependendo de sua versão.

Para Thunderbird : thunderbird -P
Para Mozilla : mozilla -P
Para SeaMonkey : seamonkey -P

Os arquivos recuperáveis


Alguns arquivos dos perfis podem ser recuperáveis nos novos perfis, então ser também salvos.

Onde encontrar?


> <souligne>Windows 95/98/Me com uma só conta
:
C:\Windows\Application Data\Mozilla\
> Windows 95/98/Me com diversas contas :
C:\Windows\Profiles\NOME_DA_CONTA\Application Data\Mozilla\
> Windows NT 4.0 :
C:\Winnt\Profiles\USUÁRIO_NT\Application Data\Mozilla\
> Windows 2000 e XP :
C:\Documents and Settings\UTILISATEUR_X\Application Data\Mozilla\
> Windows Vista e 7 :
C:\Users\USUÁRIO_X\AppData\Roaming\Mozilla\
> No linux e outros Unix :
$HOME/.mozilla

Quais arquivos são interessantes?

Arquivos comuns á todos os softwares


> As definições de tipo Mime dos arquivos gerenciados por aplicações externas :
É o arquivo mimeTypes.rdf (raiz do perfil).
> Os arquivos de regulagens :
Existe diversos:
- pref.js na raiz do perfil,
- user.js na raiz do perfil,
- userChrome.css a pasta Chrome,
- userContent.css na pasta Chrome.

\arquivos próprios aos navegadores internet


> Os favoritos :
Os favoritos estão contidos em um único arquivo nomeado bookmarks.html (raiz do perfil).
Para as versões recentes, os favoritos são salvos na pasta bookmarkbackups em formato date.json.
> As senhas :
A partir de Firefox 1.5, estas palavras são contidos no arquivo signons.txt, um arquivo criptografado (raiz do perfil).
Para as antigas versões de Firefox e para Mozilla, estas senhas estão na série-de-.s (raiz do perfil).
Para as versões recentes, o arquivo signons.txt é substituído por signons.sqlite. É preciso também copiar o arquivo Key3.db, sem o qual, a recuperação não será efetiva.
> Histórico de navegação :
Este é o arquivo history.dat (raiz do perfil) e pode estar na origem da corrupção do perfil. De fato, parece que sej ele mesmo que esteja corrompido !
Para as versões recentes, trata-se do arquivo places.sqlite.

Arquivos próprios á caixa de mensagens


> O diretório de endereços :
abook.mab (raiz do perfil).
> A lista dos correios coletados :
history.mab (raiz do perfil).
> Os filtros virtuais :
mailViews.dat (raiz do perfil).
> O cache dos correios L :
panacea.dat (raiz do perfil).
> As configurações dos correios indesejados :
SpamAssasin.sfd (raiz do perfil).
> As pastas virtuais :
virtualFolders.dat (raiz do perfil).

Você encontrará o conjunto de seus dados pessoais nas seguintes pastas pessoais. Atenção, isto corresponde á configuração padrão, pois é possível estocar seus correios em outro lugar !
> Mail : todos seus correios no protocolo POP e suas pastas locais classificadas por (uma sub pasta por exemplo),
> ImapMail : todos seus correios ao protocolo IMAP,
> News : todos seus dados dos grupos de discussão.

Complementos de informação


www.chevrel.org/fr/faq/

Tradução feita por Ana Spadari

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por ninha25. Última modificação: 16 de janeiro de 2012 às 06:37 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Prática - Gerenciar os perfis Firefox, Thunderbird, Seamonkey', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.