Windows 7: a barra de tarefas e o menu Iniciar

Agosto 2017

A barra de tarefas e o menu Iniciar do Windows ficam na parte inferior da tela. Este é um dos aspectos do sistema que mais evoluiu entre o Vista e o Windows 7. Para começar, a barra está maior do que antes e acolhe ícones maiores, o que permite, em casos de telas touch screen, que o usuário controle uma série de ações com os dedos.


A barra de tarefas

De um modo geral, não muda nada. O papel da barra de tarefas é dar acesso aos programas instalados no computador, permitindo alternar entre janelas abertas e abrir outras ou acessar rapidamente certas configurações do Windows. Ela se divide em três seções:



O botão e o menu Iniciar

Este é o ponto de acesso principal para os softwares e o conteúdo do seu computador. Localizado à esquerda da barra de tarefas, o botão Iniciar, redondo e decorado com o logotipo do Windows, quando clicado, dá acesso ao menu Iniciar. Ele funciona como centro de comando do PC.

Nele encontramos atalhos para os softwares nativos e instalados depois, assim como para as principais pastas que reúnem arquivos de usuário, para a Ajuda e Suporte do Windows ou para o Painel de Controle. Os programas são exibidos no lado esquerdo (clique em ‘Todos os Programas’ para ver os atalhos) enquanto as pastas e outros itens ficam no lado direito.

O menu Iniciar também contém um campo para fazer uma busca no disco rígido, assim como os botões para suspender, desligar ou reiniciar o computador:


A Super Barra

A grande novidade do Windows 7 é que ele substitui tanto a barra de lançamento rápido quanto a área das janelas abertas, que conhecemos desde o Windows 95. Ela contém uma série de ícones para, principalmente, executar softwares, incluindo arquivos mais usados ou pastas favoritas. Além disso, a maioria dos softwares ganharão, automaticamente, um ícone de atalho.

Quando você clica em um ícone, uma janela se abre e o ícone fica enquadrado por um retângulo. Ao clicar neste ícone novamente, você não começa uma nova janela, mas mostra ou exclui a janela em questão. Para abrir uma nova janela, você deverá clicar, desta vez, com o botão direito no ícone e, no menu que aparece, clicar no nome do software, por exemplo, Internet Explorer ou Windows Media Player.

Se várias janelas são abertas para um mesmo ícone (por exemplo, vários documentos do Word ou várias janelas do Windows Explorer), são miniaturas dessas janelas que aparecem quando você clica no ícone ou passa o mouse sobre ele. Clique em uma delas para exibir sua janela em tela cheia:


Para concluir, quando você clica direito em um ícone, um menu de contexto aparece. Ele não só permite fechar a janela, mas também apresenta opções relacionadas ao programa em questão. Por exemplo, com o ícone que dá acesso ao Windows Explorer, você encontrará uma lista de pastas recentemente abertas; com o ícone do Internet Explorer, você encontra a lista dos últimos sites visitados; com o Windows Media Player, você pode reproduzir as últimas músicas tocadas ou os últimos vídeos visualizados.

A área de notificação

Situada à direita da barra de tarefas, ela mostra o relógio e uma série de pequenos ícones. São os programas que se executam na inicialização do Windows, como antivírus e ícones para ajustar o som ou a rede local. Apenas três desses ícones são exibidos por padrão. Para mostrar os outros, clique na pequena seta situada à esquerda desta área de notificação.


A área de notificação termina à direita do relógio, em uma pequena barra vertical chamada Exibir o Desktop. Clicando nele, você minimiza todas as janelas para mostrar o desktop do Windows.

Como personalizar a sua barra de tarefas

Para personalizar a barra de tarefas, você pode adicionar ou remover ícones da Super barra e mudar a forma de exibição dos ícones da área de notificação.

Na Super barra, para adicionar um atalho para um programa na barra de tarefas, clique direito no ícone desse atalho, situado, por exemplo, no menu Iniciar ou na área de trabalho do Windows e escolha Fixar na barra de tarefas. Para excluir um ícone da barra de tarefas, clique direito nele e selecione Desafixar este programa da barra de tarefas.

Para a Área de Notificação, clique na pequena seta situada à esquerda desta área e selecione Personalizar. Na janela que aparece, escolha o comportamento a ser adotado por cada ícone, ou seja, aparecer, não aparecer ou só mostrar as notificações relacionadas:


Foto: © Microsoft.

Veja também

Publicado por pintuda. Última modificação: 20 de junho de 2017 às 13:35 por pintuda.
Este documento, intitulado 'Windows 7: a barra de tarefas e o menu Iniciar', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.