iPad 1 - Acessibilidade

Janeiro 2017


Acessibilidade


Este painel de opções é, sem dúvida alguma, um dos mais esquecidos, apesar dos diversos favores que ele pode nos prestar. Na verdade, a maioria, ou até mesmo a totalidade, dos aparelhos eletrônicos que conhecemos não são desenvolvidos por pessoas com dificuldades visuais (ou motoras). Quem usa óculos pode se dar conta disso: digitar um número de telefone em um celular, sem óculos torna-se uma operação, no mínimo, frustrante.


Ser capaz de ampliar o espaço exibido na tela, seja ele qual for, a qualquer momento, ser lido em voz alta e inteligível (e pelo próprio aparelho) as mensagens de alerta ou ser lembrado onde você se encontra na árvore da aplicação, e reverter o preto e o branco da tela para obter um melhor contraste de leitura, tudo isso permite contornar uma grande parte dos inconvenientes de uma deficiência visual.
Este painel inclui todos os ajustes de interface descritos acima.

VoiceOver


VoiceOver é o nome da tecnologia da Apple que administra a síntese vocal.


Depois de ativada, (clicar no botão que aparece para entrar em uma página em branco) o comportamento dos objetos exibidos pela interface muda. Em vez de um simples clique, clicar duas vezes sucessivas para ativá-los. Um simples clique aciona o VoiceOver, que seleciona o elemento gráfico e o nomeia em voz alta. O desfile da tela exige agora o arrastaento de três dedos na tela.

Selecionar a opção "Ativar os conselhos" não é bobagem, caso você estejacomeçando a usar o VoiceOver, mas vai retardar o seu ritmo. Melhor aprender logo para se livrar o mais rápido possível.

Dica 1


A velocidade da fala (a velocidade em que o iPad pronuncia as frases) é definida por padrão com um valor muito alto. A velocidade do sintetizador é mais rápida do que a de um fofoqueiro estressado por causa de anfetaminas. Mover o cursor para a esquerda (o ícone da tartaruga), para cerca de 1/6 do valor máximo para relaxar o seu pobre iPad.
Através do botão "Declarar a entrada", o sistema lhe dá a possibilidade de declarar a entrada que você está digitando no teclado. Letra por letra, palavra por palavra, ou ambos. Por exemplo: "o", "f", "i", "c", "i", "a", "l", "d", "e" , "j", "u", "s", "t", "i", "ç", "a", "oficial de justiça" (se você desativou o alfabeto de rádio). Ao ativar o alfabeto de rádio, você se sentirá no comando de um Airbus: as teclas "Aveiro", "Lisboa", "Évora", "Guarda", "Rossio", "Itália", "Aveiro" te farão ouvir "Alegria" no final da digitação ...
O alfabeto de rádio é um padrão, mas não internacional. Os exemplos dados acima são válidos para o idioma da interface em português. Para saber mais sobre esse código, veja este link:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Alfabeto_radiotelef%C3%B4nico

Dica 2


Você ativou o VoiceOver para experimentá-lo. Mas você acha que o uso do seu iPhone está parecendo muito complicado, tanto que você não está conseguindo desativar a opção? Não se preocupe: basta conectar o seu iPad ao seu computador e clicar no botão "Configurar o acesso universal" da aba "resumo" do painel, para ativar/desativar todas as opções de acessibilidade do iPad, incluindo o VoiceOver.

Zoom


Outro recurso útil, mas bem mais silencioso: o Zoom. Ative essa propriedade e a página exibida vai dobrar de tamanho. Como o tamanho físico da tela não muda (isto será, provavelmente, para uma versão futura do iPad), é evidente que uma parte da antiga exibição nos escapa.

Observação


A interface continua a reagir como de costume, mas em modo GG. Para navegar para as regiões ocultas da página, basta colocar três dedos na tela e arrastá-los na direção desejada. Um toque duplo dos três dedos, seguido imediatamente (é um truque a ser aprendido) de um arrastamento para cima ou para baixo te permitirá mudar o fator do zoom de forma consequente.

Dica


Um duplo-toque com três dedos traz a tela para o seu tamanho normal. Qualquer novo triplo-toque a ampliará novamente, com foco na área tocada, o que é útil quando trabalhamos com determinados aplicativos que escrevem com caracteres muito pequenos!

Branco no preto


Característica interessante. O reverso branco no preto pode reforçar significativamente o contraste, o que ajuda a discernir melhor os caracteres. Toda a exposição passa em negativo (o que não deixa de interessar os amadores de fotografia analógica) incluindo cores, para um efeito meio psicodélico. A usar com moderação, então.

Mono de áudio


O iPad nos gratifica com um som estéreo, importante para que apreciemos nossas músicas, podcasts, filmes e outros episódios de TV. No entanto, o modo estéreo pode ser frustrante para pessoas com desequilíbrio auditivo: só ouvir as batidas do lado esquerdo, enquanto que o barulho da guitarra está acontecendo do lado direito é inaudível e estraga uma parte do prazer. Passar em mono pode restabelecer o equilíbrio, em detrimento da espacialização do som.

Enunciado


O recurso VoiceOver é bem interessante, mas um pouco invasivo para aqueles que não precisam dele diariamente. Em compensação, é possível beneficiar parcialmente dele, ativando essa opção. Assim que você digitar o texto, as proposições de palavras para completar automaticamente a sua escrita serão feitas em voz alta. Se o iPad anuncia a palavra que você quer escrever, bingo! Basta tocar a barra de espaço para avançar, o que, às vezes, corrigirá eventuais erros ortográficos.

Triple clique no botão principal


Anteriormente, vimos que poderíamos atribuir um comportamento particular ao botão principal clicando duas vezes nele. Então, ainda melhor, veja o clique triplo.


Desativado por padrão, você pode pedir qe ele sirva como ativador do VoiceOver, branco no preto, ou até exibir um diálogo para que você possa escolher no momento do clique (aliás, a terceira opção se encaixa no diálogo permitindo desativar o zoom).


Tradução feita por Lucia Maurity y Nouira

Veja também

Publicado por pintuda. Última modificação: 26 de fevereiro de 2012 às 10:04 por pintuda.
Este documento, intitulado 'iPad 1 - Acessibilidade', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.