Como verificar a integridade do download com o MD5Sum

Maio 2017

Este é um pequeno tutorial para o programa md5 ou md5sum comumente chamado checksum. O utilitário md5sum permite calcular aquilo que chamamos de impressão digital de um arquivo. Em inglês, fingerprint, message-digest ou também checksum é um valor de 128 bits correspondente a uma soma do controle calculada a partir do arquivo.

Um checksum MD5 não tem como finalidade garantir a procedência de um arquivo ou de um grupo de arquivos. Seu interesse é permitir a verificação da integridade dos dados recuperados. Com efeito, ninguém está protegido de uma perturbação ou de um problema de rede, tendo como consequência a corrupção de um arquivo durante o download.


Windows

Para os puristas da linha de comando (sob "Dos")

Comece pelo download com a versão .zip para Windows neste endereço:
baixar MD5.

(Note que você pode baixá-lo pelo site da Fourmilab. Clique aqui para baixar a versão Fourmilab.tar.gz para Linux). Descompacte o arquivo em uma pasta na raiz do C: (em nosso exemplo a chamaremos de md5sum). Abra o console MSDos acesse o Iniciar e Executar. Digite cmd (sob W2K ou XP) ou command (sob Win98). Coloque-se no diretório contendo o arquivo md5.exe:
C:\>cd md5sum
.

Assegure-se que o arquivo md5.exe esteja presente:
C:\md5sum>dir/w/p
[.] [..] index.html main.c
md5.c md5.exe md5.gif md5.h
md5.vcproj rfc1321.html rfc1321.txt
11 arquivo(s) 157 564 bytes
2 Dir(s) 6 791 827 456 bytes livres


Lance então o comando:
md5 'o_caminho_de_sua_imagem_iso'

Exemplo: supondo que nosso arquivo imagem se encontre em D:\image_isoSmoothwall:
C:\md5sum>md5 D:\image_isoSmoothwall\smoothwall-2.0-metro.iso

Após alguns segundos você deverá obter o seguinte resultado:
D0AB11311B866B2332E92479906F2FF9 D:\Linuximage_isoSmoothwall\smoothwall-2.0-metro.iso
Utilize a opção -n se você não quiser ver exibir-se o nome do caminho da imagem, depois da comparação:
C:\md5sum>md5 -n D:\image_isoSmoothwall\smoothwall-2.0-metro.iso

D0AB11311B866B2332E92479906F2FF9

Agora, só falta comparar o resultado obtido com aquele do arquivo que tem como nome md5.txt, ou ainda ...iso.md5 ou mesmo ...iso.md5.asc, baixado ao mesmo tempo que sua imagem "iso".

Um outro método consiste em colocar o programa md5 ou o md5sum (em função do programa "baixado") no repertório: C:\windows\system32\. Você poderá, a partir deste momento, chamar o comando md5 ou md5sum (sempre a partir de um console MSDos) diretamente no diretório de imagem ".iso" a avaliar, exemplo:
D:\image_isoSmoothwall>md5 -n smoothwall-2.0-metro.iso

D0AB11311B866B2332E92479906F2FF9

Para os incondicionais da interface gráfica "GUI"

mst MD5

Baixe o mst MD5, assim que ele estiver instalado, lance-o, uma pequena interface gráfica abrirá convidando você a: Simply drag the file on this window to see the MD5 checksum. (Arrastar simplesmente o arquivo para esta janela para ver o resultado do MD5)

Pronto! É só isto. A única coisa que falta agora é esperar (no máximo um minuto, tudo dependerá do tamanho do arquivo).

WinMD5

Baixe o WinMD5 e proceda da seguinte maneira: selecione o arquivo a ser controlado e clique em Calcular. Digite ou Copie/Cole no campo de comparação a chave que foi comunicada a você. Clique em Comparar para comparar o valor calculado com o valor que você acaba de trazer. O resultado exibe-se na janela, confirmando a autenticidade do arquivo analisado.

GNU/LInux

Em um console

No Linux, o utilitário md5sum é, em geral, integrado na sua distribuição. Se por acaso este não se encontrar ali, acesse o seguinte endereço para baixar um arquivo compactado: Fourmilab. No GNU/Linux, você deverá colocar-se no diretório contendo seu arquivo a verificar e digitar o seguinte comando:
$md5sum nome_do_arquivo
. O resultado deverá aparecer em alguns segundos sob a seguinte forma (na verdade a mesma que para o Windows): D0AB11311B866B2332E92479906F2FF9 nome_do_arquivo.
Se você não estiver no diretório contendo o arquivo a verificar, você pode indicar o caminho da seguinte forma:
$md5sum /home/user/download/o_nome_do_arquivo
.

Para os alérgicos à linha de comando

Existe um projeto chamado Parano que propõe uma interface gráfica no Gnome na criação/edição/verificação de somas MD5 ou SHA-1. (O projeto parece não ser reconhecido agora).

Gerar uma soma MD5

Para Windows e GNU/Linux:
Para calcular uma soma MD5, é preciso primeiro, efetuar a mesma operação para a verificação, desta maneira:
md5sum o_nome_do_arquivo
.

Observação: o_nome_do_arquivo pode ser qualquer tipo de arquivo (arquivo, imagens, texto, ISO, executável, etc.).

Se você quer criar um arquivo texto (meu_arquivo_md5sum.txt), é preciso redirecionar a saída do comando md5sum para o arquivo texto propriamente dito no lugar da saída standard, a tela. Utilize para isso o redirecionar (seta para à direita) ">", comum ao Windows e ao GNU/Linux.
md5sum o_nome_do_arquivo >meu_arquivo_md5sum.txt


Pronto! E bom "checksum" a todos.
Foto: © Pixabay

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por ninha25. Última modificação: 3 de agosto de 2016 às 05:56 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Como verificar a integridade do download com o MD5Sum', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.