Klimt no smartphone! Uma aplicação digital introduz o artista no século XXI

Novembro 2016


(AFP) - O museu do Belvédère em Viena introduz o pintor austríaco Gustav Klimt no XXI século, ao propor aos visitantes, via aplicações para smartphones e tablets eletrônicas, visitas muito além de seus muros. e.

O Belvédère lançou recentemente uma aplicação interativa Klimt, além de sua nova exposição, para ajudar os visitantes a entrar no mundo do artista.

A partir de um simples tocar, os visitantes podem acessar informações referentes a um quadro do artista, bem como uma vídeo que descreve o lugar representado ou um elemento que é importante no contexto da obra : o lago Attersee, perto do Salzbourg, onde Klimt passava seus verões, na Basílica São Marcos de Veneza, cujo estilo bizantino inspirará Klimt em seu "Período Dorado".

A aplicação indica graças ai Google os principais pontos turísticos, como a tumba do pintor em Viena ou uma galeria em Londres onde ele expôs.

O recurso tem suas aplicações, uma primeira para um museu austríaco, vai « fornecer uma experiência nova, que continua para além do museu e da exposição, de acordo com o Belvédère.

Códigis )códigos barra em duas dimensões) para smartphones e tablets facilitam para os visitantes a decodificação de cartas de amor manuscritas dificilmente legíveis, tornadas públicas ela primeira vez.

"Nos precisamos encontrar novas maneiras de apresentar a arte », explicou o comissário Alfred Weidinger, durante uma apresentação da exposição à imprensa.

O perigo agora é que os visitantes passem mais tempo diante destas aplicações interativas do que ir até o museu para ver as obras, no seu palácio barroco,

O Belvédère inaugurou nesta semana uma nova exposição consagrada à Klimt, com 120 quadros, desenhos e lembranças pessoais, ao lado das celebrações do aniversário dos 150 anos do seu nascimento, dia 14 de julho.


Tradução feita por Ana Spadari

Veja também :
Este documento, intitulado « Klimt no smartphone! Uma aplicação digital introduz o artista no século XXI »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.