Faça uma pergunta »

Facebook: segurança e vigilância das conversas privadas

Julho 2015



A rede social passa pelo pente fino todas as conversas privadas, na busca de eventuais criminosos. Uma prática da qual fica a ser provado a sua legalidade.
Facebook utiliza um software que permite espionar as conversas privadas de seus 900 milhões de usuários, para detectar eventuais criminosos e os denunciar à polícia, relata Reuters. O processo se ilustra por um acontecimento policial americano.
No dia 9 de março último, um homem de uns trinta anos foi preso ao marcar encontro com um adolescente de 13 anos. Matéria que serve para flashar o fato de que a rede social escaneia automaticamente as conversas privadas, por chat ou por mensagem.

De acordo com Reuters, esta tecnologia passa no pente fino as discussões para detectar os criminosos potenciais que buscam principalmente senhas, com bases em precedentes discussões de pedófilos condenados. A diferença de idade entre os dois interlocutores, a ferquaência de suas conversas e o seu lugar de « amizade » são igualmente critérios. En cas d'alerte, la conversation est signalée aux équipes de Facebook, qui contactent les autorités.

Interrogados pelo " Nouvel Observateur", um representante da rede social precisa :

Esta ferramenta específica visa os raros casos de adultos que tentam usar sites web com o objetivo de trair crianças. Os casos implicados (predadores sexuais) são muito raros, mas nós adotamos um método vigoroso e agressivo para manter os usuários de Facebook em segurança."

Este "escaner" das conversas não visa somente os pedófilos, mas « todas as atividades criminosas ». Podem ser denunciadas "todas as atividades que vão ao encontro das condições de uso", nas condições, a rede social anuncia que ela pode "ser levada á partilhar informações [...] para impedir a fraude ou qualquer outra atividade ilícita, para prevenir qualquer prejuízo corporal eminente ou proteger nossos interesses. Isto pode incluir a partilha de informações com outras sociedades, juristas, tribunais ou qualquer outra entidade governamental".

Em resumo, Facebook se reserva o direito de assinalar às autoridades qualquer atividade julgada « ilícita, com base nas conversas privadas.

Importantes controles internos


Um sistema que coloca inúmeras questões quanto ao respeito da vida privada. Dois membros do Congresso Americano, Ed Markey e Joe Barton, reclamaram ao Facebook mais informações referentes á forma através da qual as informações são coletadas.

Sem dar muitos detalhes, a rede social assegura e explica que o simples fato de usar certas senhas ou de fazer brincadeiras entre os uusários não basta para provocar um alerta. "Nós não quisemos, jamais, instalar um ambiente onde nossos empregados olhem as comunicações privadas, então é importante usa resta tecnologia (de direção) que tem uma taxa muito baixa de falso positivo (falsos alertas, NDRL) », explica Joe Sullivan, chefe de segurança no Facebook, à Reuters. A rede social ressalta: Importantes controles internos, regulam o uso destas ferramentas para evitar os abusos »,

Ilegal na França?


De qualquer maneira, para a lei francesa, Facebook parece violar o artigo L241-1 do Código da segurança interna :

O segredo das correspondências emitidas pela via das comunicações eletrônicas é garantida pela lei. Isso só pode ser alterado pela autoridade pública, unicamente no caso de necessidade de interesse público, previsto pela lei e nos limites fixados por ela".

tradução feita por Ana spadari



Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Facebook-seguranca-e-vigilancia-das-conversas-privadas.pdf

Veja também

Na mesma categoria

PowerPoint - Rearrange the order of your slides
Por deri58 em 31 de outubro de 2012
Linux: El comando fdisk
Por pablojorgesanguinetti1 em 20 de junho de 2013
Tagliare file audio in PowerPoint 2010
Por apfel9 em 20 de maio de 2015
Publicado por ninha25.
Este documento, intitulado « Facebook: segurança e vigilância das conversas privadas »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.