Ficar protegido contra a piratagem e as fraudes na era do pagemento com dispositivos móveis

Dezembro 2016



Consequência de uma parceria com Square, Starbucks se coloca, nos Estados Unidos, a aceitar pagamentos a partir de dispositivos móveis via a aplicação Pay With Square, as questões de segurança e medidas anti-fraudes são colocadas mais do que nunca.

Além de permitir regular a adição e dar uma gorgeta, a aplicação alerta seus usuários da presença de um salão Starbucks que esteja próximo de sua situação geográfica.

Já líder dos pagamentos móveis, Starbucks engajou mais de 26 milhões de dólares via seu próprio sistema em 20122. Mas, enquanto ele é de cada vez mais fácil de transformar seu aparelho móvel em cartão de crédito, os riscos de fraudes e de usurpação de identidade são cada vez mais elevados.

As funções de segurança inclui na plataforma Square se mostram também reforçadas, se não for mais, que aquelas em vigor nos bancos (monitoring em tempo real, transações para identificar qualquer comportamento suspeito e identificação com foto, principalmente). No comerciante, cada pagamento móvel, o retrato do usuário aparece da tela do sistema informático, para permitir a verificação da identidade do comprador.
Apesar destes dispositivos, é indispensável para os usuários se armarem de precauções.
A última enquete realizada pela Agência Equifax, especializada na informação comercial, confirma que este conforto novo tem efetivamente um preço. É necessário, por exemplo, de bem se desconectar dos serviços bancários e das redes sociais depois de usar, bem como apagar qualquer histórico de atividade e de seus aparelhos móveis.

Isto pode parecer estrondoso, mas a enquete revela que um bom número de questionados admitem guardar na memória nos smartphones suas senhas, informações bancárias e. 45% entre eles nã0 protegem nem mesmo seu telefone por uma senha!

Assim, Action Fraud (hotline britânica dedicada á luta contra a fraude) publicou uma lista de precauções a serem tomadas para evitar ser vitima de uma piratagem :
  • Não botar fora documentos que contenham seu nome, seu endereço e suas informações bancárias.
  • Vigiar as informações pessoais publicadas nas redes sociais e fazer a atualização regular das opções de segurança.
  • Verificar faturas e extratos bancários.
  • Instalar um antivírus eficaz e o atualizar quando for necessário.
  • Trocar de senha regularmente e instalar em seus dispositivos móveis para os proteger.
  • Nunca clicar nos hyperlinks suspeitos.
  • Verificar a autenticidade dos e-mails inabituais.


Tradução feita por Ana Spadari


Veja também :
Este documento, intitulado « Ficar protegido contra a piratagem e as fraudes na era do pagemento com dispositivos móveis  »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.