Windows 8 será que ele salvará o império Microsoft ?

Janeiro 2017


Enquanto que o setor do PC está em declínio, o gigante do software começa sua metamorfose com o lançamento do Windows 8.

Microsoft pode sobreviver ao declínio do PC? O gigante do software irá apresentar o seu novo sistema operacional, o Windows 8, no dia 26 de outubro. Um sistema que foi projetado desde o início para celular e tablet, sem esquecer o computador. "Estamos entrando em uma nova era. Nosso mundo está mudando, com uma infinidade de telas usadas para acessar nossos serviços online favoritos", declarou Alain Crozier, o chefe da Microsoft na França. Para a empresa de Redmond, o desafio é a metamorfose bem sucedida do PC para os dispositivos portáteis.

Para os grandes males, os grandes remédios. O novo sistema operacional da Microsoft não tem nada a ver com as versões anteriores do Windows. Cerca de US $ 1,8 bilhão foi gasto em marketing para promover este novo sistema operacional. Um investimento desesperado para salvar o império? Para a empresa fundada por Bill Gates, o Windows 8 deve particularmente reinventar a experiência da Microsoft e marcar a ocasião.

Jim McGregor, analista da Research Tiras, observa que este é provavelmente o projeto mais ambicioso já realizado pela Microsoft. "É incrivelmente complexo." Contactado pelo "Le Nouvel Observateur", Philippe Torres, diretor da consultoria de estratégia digital e Atelier L'BNP Paribas, acredita que "a Microsoft, com o Windows 8, que é entendido o futuro da mobilidade."

Jim McGregor, analyste chez Research Tiras, ressalta que é seguramente o projeto mais ambicioso jamis realizado por Microsoft. "É de um incrível complexidade ." Contatado pela revista francesa "le Nouvel Observateur", Philippe Torres, responsável Conselho e estratégia digital do Atelier-BNP Paribas, estima que "Microsoft, com Windows 8, compreendeu onde está o futuro: na mobilidade".

A morte do PC


Pela primeira vez em 11 anos, segundo um estudo realizado pela empresa de pesquisa iSuppli IHS, as vendas mundiais de PCs irá diminuir em 2012. No total, 348,7 milhões de computadores devem ser vendidos, representando um decréscimo de 1,2% em relação o ano de 2011.

Outro limiar simbólico ultrapassado: Tem agora mais de um bilhão de smartphones utilizados no mundo, segundo os Strategy Analytics. Já em 2011, se vendeu mais smartphones do que computadores.

Para a Microsoft, o golpe foi duro. O gigante do software anunciou uma queda de 22% no lucro, o qual ainda apresenta, de qualquer forma, 4,5 bilhões de dólares (3,4 bilhões de euros). O volume de negócios caiu de 8%, para US $ 16 bilhões (€ 12,2 bilhões). Estes resultados são a consequência da queda de 33% sofrida pelas vendas da divisão Windows.

O smartphone, futuro precário


A empresa de Redmond, quanto à ela, vai entrar no setor de smartphones para começar a sua transformação/adaptação? Nem tão certo assim. "A Microsoft está muito atrasada neste mercado", explica Philippe Torres. "A empresa tem sido muito criticada no setor do celular. Competir com a Apple e Samsung nesta área?" Difícil. Windows Phone equipa somente 5,7% dos smartphones do mundo. O sistema do Google, o Android, é o ultra-dominante, com 61%, e a Apple com iOS, que representa 20% dos telefones ainda está bem à frente do Windows Phone.

"Além do mais, a Microsoft não teve realmente uma boa ideia se aliando com a Nokia", disse ao "Nouvel Observateur" Virginia Lazès, especializada em novas tecnologias e diretora associada do banco de investimentos Bryan, Garnier & Co. A empresa de Helsinski deve ainda convencer que ela tem potenciaidade para recuperar o terreno perdido. Ela perdeu mais de 900 milhões de euros nos últimos três meses e viu os seus volumes de vendas de smartphones derreter como neve no sol.

Mas o futuro da Microsoft não é tão escuro quanto se está pintando. A empresa de consultoria estratégica, a IDC estima que, até 2016, Windows equipará 19,2% dos smartphones. O sistema operacional Microsoft chegará em segundo lugar, superando ... Apple.

"Embora o Windows 8 deve estar presente na área de smartphones, esta não é a sua principal força", diz seu lado Virgínia Lazès.

Construir o seu smartphone e seu tablet?


"A faz a verdadeira força do Windows Phone 8 é sua conectividade com outros suportes." Para Philippe Torres, a Microsoft sabe que será difícil entrar no setor dos smartphones. "É preciso pensar o sistema operacional Windows 8, como um todo, interdependente."

Quanto ao suporte, toda a atenção estará voltada para o novo Tablet da Microsoft o Surface. Ele está sendo aclamado pela crítica, pois seria capaz de competir com o iPad. "O lançamento do Microsoft Surface permite ter mais controle sobre todos esses suportes e faz parte de sua estratégia de integração: Cuidar do sistema operacional, dos aplicativos e dos suportes. Como a Apple", diz Philippe Torres. O teste ainda dever ser confirmado.

Quando se sabe que o iPhone e iPad ajudaram a Apple a angariar 16,2 bilhões, respectivamente, e 9 bilhões de dólares, a ganância não está muito longe. Especialmente quando a divisão da Microsoft Windows faz somente US $ 3,2 bilhões.

"A Apple realmente descobriu como aliar o sistema operacional eos suportes, tais como smartphones, tablets e computadores. Google, por exemplo, tem Android e seu tablet. Samsung só fabrica smartphones. Com o Windows 8 e o Surface a Microsoft torna-se um sério concorrente ", diz Philippe Torres.


E por que não um smartphone "made in Microsoft"? O "Time China" reeditou o boato de 01 de outubro. "A Microsoft teria como finalidade o controle total sobre o design de u telefone para não deixar as mãos dos parceiros." O China Daily também adiantou que o smartphone poderia chegar ao mercado em meados de 2013, "se as informações forem confirmadas."

Virginia Lazès aproveita para lembrar que o gigante do software lançou o seu serviço de música online, música Xbox, que concorre diretamente com o iTunes. "Mais um passo para a Microsoft em sua metamorfose", de acordo com a especialista.

Steve Ballmer, chefe da Microsoft tem consciência de que o futuro do grupo não é mais o PC. Aliás, ele prometeu em uma carta aos seus acionistas, que muitos outros suportes, tais como a Xbox e o Surface, verão o dia. Para Wired ", a Microsoft finalmente despertou, depois de tantos anos adormecida ao volante."

Tradução feita por Ana Spadari

Veja também

Publicado por ninha25. Última modificação: 23 de outubro de 2012 às 06:36 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Windows 8 será que ele salvará o império Microsoft ? ', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.