Excel 2010 - Fórmulas de matriz

Dezembro 2016


Em algumas planilhas, como do Excel e do Calc, você pode entrar fórmulas de matriz. Uma fórmula de matriz pode realizar vários cálculos e retornar resultados simples ou múltiplos: você usa uma fórmula de matriz, quando você precisa realizar o mesmo cálculo várias vezes usando dois, ou mais, conjuntos de valores diferentes, chamados argumentos matriciais. Cada argumento de matriz deve ter o mesmo número de linhas e colunas.

Você pode identificar facilmente uma fórmula de matriz na barra de fórmulas, porque ela aparece entre chaves. Você cria fórmulas de matriz da mesma forma que as fórmulas padrão simples, colocando um sinal de igual (=) antes, mas você as confirme pressionando, simultaneamente, as teclas CTRL+SHIFT+ENTER e, não apenas ENTER.

Você não pode digitar manualmente uma fórmula de matriz, colocando-a entre chaves. Estas são geradas, automaticamente, quando você valida a fórmula com as teclas CTRL+SHIFT+ENTER. Ao editar uma fórmula de matriz, você deverá validá-la novamente com as teclas CTRL+SHIFT+ENTER. Isso também se aplica no caso de você querer copiar uma fórmula de matriz: validar com as teclas CTRL+SHIFT+ENTER, depois da cópia, é essencial

.
Por exemplo, a fórmula de matriz seguinte só vai calcular a média das células do intervalo B5:B15 se a mesma célula da coluna A contiver valores positivos. A função SE identifica as células do intervalo A5:A15, que contém valores positivos e retorna o valor para a função MÉDIA da célula correspondente no intervalo B5:B15.
{= MÉDIA(SE(A5:A15>0;B5:B15))}


Para calcular vários resultados com uma fórmula de matriz, você tem que introduzir a matriz no intervalo de células com o número de linhas e colunas idênticos aos argumentos da matriz. No exemplo a seguir, dada uma série de cinco números de venda (coluna B) e uma série de cinco datas (coluna A), a função TENDÊNCIA determina os valores lineares para os números de venda. Para ver todos os resultados da fórmula, ela deve ser digitada em cinco células da coluna C (C10:C15).
{= TENDÊNCIA(B10:B15;A10:A15)}


As fórmulas de matriz podem aceitar constantes como as fórmulas não-matriz, mas as constantes matriciais devem ser inseridas em um formato específico. Assim, no exemplo anterior, você pode prever os dados de venda para duas datas futuras adicionais. Na medida em que as fórmulas ou as funções não podem ser constantes matriciais, o exemplo seguinte usa números de série para representar datas adicionais para o terceiro argumento na função TENDÊNCIA:
{=TENDANCE(B10:B15,A10:A15,{35246;35261})}

As fórmulas de matriz são ferramentas poderosas, mas seu uso em uma planilha é complexo. É comum utilizá-las na formatação condicional de uma parte da tabela.
Saiba que, como mostrado na figura abaixo, é possível importar arquivos do Excel e do OpenOffice para as planilhas do Google que, por enquanto, não reconhecem as fórmulas de matriz e exibem uma mensagem de erro. Observe também que ele converteu corretamente as fórmulas do OpenOffice em francês, em fórmulas do Google em inglês.


Tradução feita por Lucia Maurity y Nouira

Veja também :
Este documento, intitulado « Excel 2010 - Fórmulas de matriz »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.