Como modificar um gráfico no Excel 2010

Novembro 2016

Depois de criar um gráfico, é comum querer adicionar informações ou modificar certos elementos. É possível manipular praticamente todos os elementos de um gráfico ou adicionar novos elementos no Excel 2010. Se você criou um gráfico incorporado, você pode transformá-lo em gráfico autônomo uma folha de gráfico independente. As informações de um novo gráfico devem ser quase sempre modificadas para se adaptarem às suas necessidades.

Como deslocar e editar o tamanho de um gráfico incorporado

Após a sua criação, pode ser necessário mover ou redimensionar um gráfico incorporado para integrá-lo à planilha.

Parhttp://br.ccm.net/faq/13677-excel-2010-modificar-um-grafico#a redimensionar um gráfico incorporado, clique nele. Alças de redimensionamento aparecerão em volta do gráfico. Quando você apontar para uma das alças, o ponteiro do mouse sobre se transforma em uma seta dupla indicando a direção possível do redimensionamento. Você pode ampliar o gráfico puxando para fora e reduzi-lo, puxando para dentro.

Durante o redimensionamento, a planilha exibe um marcador retângulo que indica o novo tamanho do gráfico:

Saiba também que o gráfico pode ser incorporado em outro local da mesma planilha, em outra planilha, ou ainda, em uma folha de gráfico separada. Existem várias maneiras possíveis:

Selecione o gráfico, copie-o na Área de transferência, pressionando as teclas CTRL + C ou selecionando as opções Editar > Copiar na barra de menu, escolha a nova célula de início da planilha e cole o gráfico, pressionando as teclas CTR +V ou escolha as opções Editar > Colar.

Selecione o gráfico para mostrar as alças de seleção. Selecione o gráfico inteiro (a bolha de informação indica que esta é a área do gráfico) e não apenas um dos seus elementos. Em seguida, arraste o gráfico e solte-o no novo lugar.

Para mover o gráfico em uma folha de gráfico separada (Excel apenas), selecione o gráfico e escolha as opções Gráfico > Localização para abrir a caixa de diálogo correspondente. Você dispõe de duas opções: Nova planilha e Objeto em. A última opção abre uma lista de planilhas na pasta de trabalho em curso:

Selecionar os elementos de um gráfico para modifica-lo

É comum ter que mudar alguns elementos de um gráfico: remover certas informações, adicionar caixas de texto, alterar a espessura e a cor das linhas, etc. A maneira mais eficaz é começar selecionando o gráfico (um clique simples no Excel, um clique duplo no Calc). Ao mover o ponteiro do mouse no gráfico, bolhas de informações dão dicas sobre os vários objetos do gráfico. Para selecionar o elemento desejado, clique nele:

Os objetos, assim como as sequências de dados, são agrupados. Clicar em um deles seleciona o grupo inteiro. Se você precisar alterar apenas um dos objetos da série, clique outra vez sobre o objeto para selecioná-lo individualmente. Não clique duas vezes. Clique uma vez para selecionar o grupo, espere um momento e, em seguida, clique novamente no elemento desejado.

A barra de ferramentas Gráfico é útil quando você quer editar um gráfico. Seu conteúdo varia de acordo com o software utilizado. Os botões relevantes são exibidas automaticamente com o Calc:


No Excel, se ela não aparecer, clique com o botão direito em outra barra de ferramentas e selecione-a no menu de texto. A tabela a seguir mostra os comandos usuais da barra de ferramentas Gráfico.

Os elementos da barra de ferramentas Gráfico

Comandos comuns ao Excel e Calc
Nome Descrição
Legenda/Exbir e Ocultar a legendaExibe ou oculta a legenda do gráfico
Tipo d gráfico/tipo de diagramaExibe a gama dos diferentes tipos de gráficos. O design do botão pode variar de acordo com o último tipo de gráfico ativado
Por linha/dados em sériesExibe os dados em linhas
Por coluna/dados em colunasExibe os dados em colunas
Comandos específicos do Excel
Nome Descrição
Objetos do gráficoAbre a lista suspensa de objetos do gráfico. Selecione o elemento desejado na lista
Formato... Abre a caixa de diálogo Formato do objeto selecionado. A bolha de informação varia em função do objeto
Tabela de dadosExibe ou oculta os dados no eixo das categorias (X)
Dobrar o texto para baixoAltera a inclinação do texto dos eixos, rótulos... 45° para baixo
Dobrar o texto para cimaAltera a inclinação do texto dos eixos, rótulos... 45° para cima
Comandos específicos do Calc
Exibir/ocultar o títuloExibe ou não o título do gráfico
Exibir/ocultar o título dos eixos Exibe ou não os títulos dos eixos
Exibir/ocultar os eixosExibe ou não os eixos
Exibir/ocultar a grade horizontal Exibe ou não a grade horizontal
Exibir/ocultar a grade vertical Exibe ou não a grade vertical
AutoformataçãoAbre o Assistente novamente permitindo a edição de todas as configurações
Escala de texto Altera automaticamente o tamanho da fonte em caso de mudança de tamanho do gráfico
Reorganização do diagramaColoca todos os objetos do diagrama em sua posição padrão. Esta função não altera o tipo do diagrama nem qualquer um de seus outros atributos, exceto a posição dos objetos

Modificação do tipo de gráfico

Mesmo depois de passar um tempão criando um gráfico, o resultado pode não corresponder às suas expectativas. É muito fácil mudar o tipo de gráfico para escolher aquele que melhor corresponda às suas necessidades. É até possível combinar diferentes tipos de gráficos. Para comparar sequências de dados em um gráfico, pode ser interessante distingui-las, exibindo uma série com o histograma e a outra com o de linha. A comparação ficará muito mais clara.

Com o Calc você terá que modificar o gráfico inteiro, escolhendo o subtipo apropriado, enquanto que com o Excel você poderá mudar apenas um elemento. Siga estes passos para alterar o tipo de gráfico:


Clique no botão Tipo de gráfico/Tipo de diagrama na barra de ferramentas Gráfico e selecione um novo Tipo na paleta.
Clique direito em uma série (ou em qualquer lugar do gráfico para alterar o gráfico inteiro) e ative o comando Tipo de gráfico/Tipo de diagrama do menu de texto, para abrir a caixa de diálogo. Faça as alterações desejadas.
Clique no botão Assistente de gráfico na barra de ferramentas Padrão (Excel) ou Reorganizar o diagrama (Calc). Escolha um novo tipo e subtipo do gráfico e clique no botão Fim/Criar. Esta técnica modifica o gráfico inteiro e não apenas uma série de dados.
Apenas no Excel, escolha Gráfico > Tipo de Gráfico para abrir a caixa de diálogo do mesmo nome. Em seguida, escolha um tipo e um subtipo.

Modificação dos conjuntos de dados

Uma série de dados é representada por barras em um gráfico de barras ou por colunas em um histograma, etc. Em um histograma, as colunas da mesma cor representam uma série de dados. Você pode adicionar ou remover as séries de um gráfico com muita facilidade.

Selecionar uma série de dados em um gráfico

Clique em um dos dados (uma coluna, uma barra, etc) da série. Você verá:

Quando você aponta para uma série, uma dica de ferramenta informa a natureza da série e exibe o dado em questão.
Quando você clica em um dado, toda a série é selecionada e a seleção é representada por um pequeno quadrado em cada dado da série.
Quando uma série é selecionada, os dados correspondentes na planilha são cercados por uma borda azul:

Excluir uma série do gráfico

De um modo geral, quando você cria um gráfico é para analisar informações com e sem determinados dados. Em uma comparação entre previsões e realizações, você pode precisar apresentar apenas um ou outro desses dados. Para excluir uma sequência de um gráfico do Excel, selecione-a e pressione a tecla DEL ou escolha, na barra de menu Editar > Excluir > Série. No Calc, você deve alterar o intervalo afetado pelo gráfico.

Alterar os dados fonte para adicionar uma série

Com o tempo, você deverá adicionar séries a um gráfico para se dar conta da evolução das informações. Você pode criar outro gráfico ou preferir adicionar novos dados ao gráfico existente.

O método para adicionar dados a um gráfico difere de planilha para planilha. O Excel é mais flexível do que o Calc neste ponto. Em todos os casos, comece mudando os dados fonte, de acordo com as suas necessidades. Em seguida, no Excel:

Selecione o gráfico e escolha no menu as opções Gráfico > Adicionar dados, para abrir a caixa de diálogo de mesmo nome. Especifique o intervalo de células que você quer adicionar. Você pode usar o botão Minimizar para reduzir a caixa de diálogo, ou movê-la, para ver melhor a sua planilha. Esta é uma maneira mais prática para adicionar dados de outra planilha:

Copie os dados, selecione o gráfico e cole nos dados nele. Você pode usar tanto o comando Colar do menu de texto, o comando Editar > Colar, o botão Colar na barra de ferramentas Padrão, quanto o atalho de teclado CTRL + V.

Se você quiser ter mais controle sobre como o Excel cola os dados, use o comando Editar > Colagem especial, para abrir a caixa de diálogo correspondente:

A caixa de diálogo Colagem Especial oferece as seguintes opções:
Nova série: adiciona os dados selecionados como uma nova série de dados.
Novo(s) ponto(s): adiciona os dados selecionados como uma série do mesmo eixo.
Linhas ou Colunas: cria uma série com os dados selecionados em linhas ou colunas.
Categorias (rótulos X) na primeira linha: usa a primeira linha ou coluna de dados copiados como rótulo da série.
Nome da série na primeira coluna: usa a primeira linha ou coluna de dados copiados como rótulo do eixo X.
Substituir as categorias existentes: substitui os rótulos das categoria existentes pelos dos dados selecionados. Você pode, por exemplo, substituir os rótulos De janeiro a dezembro por De 1 a 12.

Você também pode inserir novos dados no gráfico, arrastando e soltando. Se os dados fazem parte de outra planilha, mantenha pressionada a tecla ALT enquanto você arrasta os dados para a guia da planilha com o gráfico. Quando esta planilha for ativada, solte a tecla ALT e solte os dados no gráfico. Se os dados estiverem em outra pasta de trabalho, abra a mesma e ative o comando Janela e Reorganizar, para mostrar as duas pastas na tela. Exiba a planilha com os dados e a planilha com o gráfico. Selecione os dados e arraste-os para o gráfico. Tal colagem entre duas pastas gera uma ligação entre elas.

No Calc, você deverá abrir o assistente clicando em Reorganizar o diagrama, criar um novo gráfico ou usar a técnica de arrastar/soltar mas, selecionando todos os dados fonte do gráfico. Assim sendo, somente os dados fonte serão alterados, os outros parâmetros do gráfico permanecerão idênticos.

Redimensionar a Área de plotagem

É possível alterar o tamanho da área de plotagem, a fim de equilibrar o gráfico ou, ao contrário, ampliar os efeitos visuais.

Modificações possíveis apenas no Excell

As seguintes alterações são possíveis no Excel, mas não no Calc.

Mudar as escalas dos eixos

A escala dos eixos em um gráfico pode afetar suas características visuais. Você pode utilizar a escala dos eixos para acentuar certos contrastes, alterar a localização da interseção dos eixos (a origem), definir o valor máximo e o intervalo entre os valores.

Para alterar as configurações de um eixo, selecione-o no gráfico, clique direito para selecionar a opção Formatar eixo, e em seguida, clique na guia Escala.

Esta janela, cuja aparência depende do eixo selecionado, ajuda a modificar vários parâmetros interessantes. Comecemos pelo eixo Y (ordenadas/valores):

Como você pode ver, em princípio, todas as opções estão marcadas, o que significa que o Excel está em modo Escala automática. Desmarque a caixa correspondente ao valor que você quer especificar, que pode ser o valor máximo, o valor mínimo, a unidade principal e a unidade secundária.Você também pode especificar o lugar onde o eixo Y intercepta o eixo X e se o uso da escala logarítmica é necessário.

Se você marcar a opção Escala Logarítmica, o padrão de origem é 1, o mínimo, o máximo, a unidade principal e a unidade secundária serão calculados usando potências de 10, com base no intervalo de dados.

Concluindo, você pode preferir exibir os valores na ordem inversa, o que às vezes pode ser interessante. A caixa de diálogo do eixo X (abcissas/categorias) também oferece várias possibilidades, dependendo do tipo de valores. Pelo menos, você pode mudar a localização da sua interseção com o eixo Y, o número de categorias entre os rótulos e as marcas de escala quando colocar as categorias na ordem inversa:

Adicionar uma linha de tendência a uma série

A adição de uma linha de tendência permite seguir certas tendências. Com uma análise de regressão, você pode definir uma tendência e fazer projeções. Claro, você poderia construir essa linha você mesmo, criando uma sequência com uma fórmula com funções adequadas; porém, a tarefa é árdua se você não for um perito em estatística! No entanto, as linhas de tendência só estão disponíveis para certos tipos de gráficos: histogramas, de áreas, de linhas, de barras, e de dispersão. Para adicionar uma linha de tendência, faça o seguinte:

Selecione o gráfico ou a série.
Escolha, na barra de menu Gráfico > Adicionar uma curva de tendência para abrir a caixa de diálogo Inserção de curva de tendência.
Escolha o tipo de curva na guia Tipo.
Clique em OK:

A tabela a seguir resume os tipos de linhas disponíveis na caixa de diálogo. Você pode aprender mais sobre a análise de regressão e suas equações com o Assistente do Excel.

Linhas de tendência

Tipo Ação
LinearInsere a reta dos mínimos quadrados de equação: y = mx + bm é a inclinação e b o valor de origem.
LogarítmicaInsere a linha dos mínimos quadrados de pontos de equação: y = c ln x + bc e b são as constantes e In a função do logaritmo natural.
PolionomialInsere a linha dos mínimos quadrados de pontos de acordo com a equação: y = b + c1x + c2x2 + c3x3+ ... + c6x6b et c1 ... c6 são as constantes
PotênciaCalcula a linha dos mínimos quadrados de equação: y = cxbc e b são constantes
ExponencialCalcula a linha dos mínimos quadrados de pontos de equação: y = cebxc e b são constantes e e a base do logaritmo natural.
Média Móvel Insere uma linha em média móvel. O número de pontos de uma média móvel é igual ao número de valores no conjunto, menos o número especificado para o período
Ordem Ao inserir um número no campo, você especifica a ordem polinomial mais elevada. O valor é um número inteiro entre 2 e 6
Período O valor inserido neste campo é o número de períodos a serem levados em conta para o cálculo da média móvel
Série de base Para selecionar a série relevante para a linha de tendência


De um modo geral, é sempre melhor formatar uma linha de tendência para enriquecer a apresentação do gráfico. Por exemplo, é aconselhável usar linhas pontilhadas que indicam uma previsão, em vez de linhas cheias, que se referem mais à realidade. Da mesma forma, por padrão, as linhas de tendência não são da mesma cor que os conjuntos de dados que as acompanham. O ideal é harmonizá-las para que o leitor a compreenda melhor a relação entre a linha e a série. Isto dispensará qualquer explicação adicional.

Para formatar uma linha de crescimento, selecione o gráfico e clique duas vezes na linha de tendência. A janela que se abre permitirá que você faça as alterações usuais de formato, além de propor uma guia de Opções interessante, com os seguintes parâmetros:

Nome da linha de tendência: para especificar se o Excel dá, automaticamente, um nome à linha ou se é você que a escolhe.
Previsão: para definir o número de períodos prospectiva, ou retrospectivamente.
Cortar o eixo horizontal(X) em: para especificar onde a linha tendência deve encontrar o eixo.
Exibir a equação no gráfico e o coeficiente de determinação (R ²) no gráfico: para mostrar as informações correspondentes no gráfico. Se você desenvolver diferentes tipos de tendência, talvez seja melhor exibir os valores:

Excluir um gráfico

Excluir um gráfico e começar de novo é, às vezes, mais fácil do que corrigi-lo: ao clicar em Concluir (ou em Criar), você percebe que não escolheu as opções corretas ou acha que deveria ter utilizado outros esclarecimentos do Assistente. No entanto, você não pode cancelar a inserção de um gráfico. Mas se o gráfico ainda estiver selecionado, basta pressionar a tecla DEL para eliminá-lo. Se o gráfico estiver em uma folha de gráfico separada, exclua a folha e comece tudo de novo.

Outra solução é selecionar o gráfico e reativar o Assistente de Gráfico. Você poderá alterar ou completar as suas opções e clicar em Concluir (ou Criar).

Foto: © LINE ICONS shutterstoock.Medium.

Veja também :
Este documento, intitulado « Como modificar um gráfico no Excel 2010 »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.