HTML 5 deixa de atender muitas necessidades do mercado

Fevereiro 2017

Quando falamos em desenvolvimento para web uma das primeiras linguagens na qual pensamos é o HyperText Markup Language, mais conhecido como HTML. "A última versão desta linguagem foi lançada em 2010 e, em princípio, imaginamos que o HTML 5 traria diversos recursos e inovação, e trouxe. Mas hoje, dois anos depois, deixa de atender muitas necessidades do mercado", disse o diretor da MobilePeople, João Moretti.

Segundo Moretti, as aplicações desenvolvidas com HTML 5 não permitem o uso off-line de maneira robusta. "Podemos exemplificar com as soluções utilizadas pelas empresas para o gerenciamento força de trabalho. O técnico que vai atender uma solicitação, precisa manter sincronizado o banco de dados no cartão de memória e ter serviços em background para monitoramento. Como ele fará para resolver isso? Utilizando uma solução nativa mais algumas funcionalidades em HTML 5", ressaltou.

"O HTML 5 é uma linguagem multiplataforma, o que cria uma expectativa de escrever um código compatível com todas as plataformas. É claro que todas as tecnologias têm suas restrições, mas no momento atual não podemos pensar em uma linguagem sem aderência total das features nas principais plataformas móveis. A questão da usabilidade ainda é fortemente depende de framework de terceiros que nem sempre mantém a identidade e as características da plataforma e o desempenho fica a desejar, as limitações para armazenamento local de dados e os desafios de sincronização", finalizou Moretti.


Veja também

Publicado por Kioskea-Michele. Última modificação: 18 de janeiro de 2013 às 11:02 por Kioskea-Michele.
Este documento, intitulado 'HTML 5 deixa de atender muitas necessidades do mercado', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.