CMS Open Source : Gerenciar facilement un site web profissional

Janeiro 2017


Os CMS ou sistemas de gerenciamento de conteúdo tornaram-se ferramentas essenciais para o desenvolvimento de sites profissionais. Na verdade, este tipo de software pode animar e gerenciar um site sem conhecimentos técnicos. Com o CMS, é possível criar páginas dinâmicas e instalar recursos avançados: fórum de discussão, loja on-line, galeria de fotos e vídeos, formulários, etc.

O que significa CMS Open Source ?


Um software de gerenciamento de conteúdo (ou "content management system ") cria e atualiza um site (ver nossa definição), sem o uso de linguagem ou código de programação. "Open source" significa que você pode acessar livremente esses softwares (ou seja, gratuitamente).

Por que usar um sistema de gerenciamento de conteúdo para o site web da empresa ?


Os CMS são, antes de tudo, destinados à comunicação corporativa (internet ou externa). Depois do sistema instalado e, eventualmente, os funcionários poderão acessar o site, propor o conteúdo e, se for o caso, interagir com clientes usando ferramentas dinâmicas, tais como: fóruns de discussão, newsletters, comentários, etc.

CMS são particularmente adequados aos profissionais que querem modificar e enriquecer rapidamente o conteúdo de suas páginas web.

Vantagens dos CMS

  • Não precisa de iInstalação no computador: o sistema de gestão de conteúdo não funciona a partir do seu PC. Ele se instala no alojador do seu site.
  • Compatibilidade com todos os sistemas operacionais. Os CMS também pode ser acessados a partir de qualquer navegador da internet.
  • Simplicidade de gestão e administração. Os usuários autorizados podem publicar conteúdos (artigos) graças a uma interface simples e autônoma.
  • Gratuidade: sem taxa de licença para certos CMS (Open Source). Uma vantagem em relação a certos softwares de edição de sites cujas licenças Profissionais podem custar caro.
  • Economa de tempo: você pode criar seu site a partir de modelos de formatação já existentes.
  • Possibilidade de trabalhar simultaneamente com outras pessoas na mesma plataforma (consulte nosso artigo sobre as ferramentas de trabalho colaborativo on-line).
  • Participação valorizante dos funcionários ao conteúdo editorial relacionado às atividades da empresa.
  • Reatividade: os CMS facilitam o relacionamento com clientes e sócios da empresa.

Desvantagens

  • Os CMS estão intimamente ligados às restrições da publicação. Você deverá definir uma organização editorial (determinar quem vai publicar, quem vai corrigir, quantas vezes) e uma convenção (que tipo de assunto, que tom, etc).
  • Você deverá, se for o caso, formar os trabalhadores em técnicas de redação.
  • Se o uso de um sistema de gerenciamento de conteúdo é simples, sua implementação requer a intervenção de um provedor.

Principais sistemas de gerenciamento de conteúdo


Os CMS mais comuns são :

Características de sistemas de gerenciamento de conteúdo


Os CMS compartilham certas características essenciais:

Acesso à Internet


Para adicionar conteúdo ao seu site, cada CMS tem uma interface web acessível com um navegador. Todos os documentos são armazenados em um banco de dados independente que gerencia as alterações em tempo real (publicação de um artigo, inscrição de um usuário do fórum, etc).

Separação entre a forma e o conteúdo


Quando você adiciona um conteúdo, sua forma (estilo) já está configurada. Assim, cada tipo de documento (artigo, imagem) tem sua própria arquitetura (título, legenda, etc), que determina o layout do conteúdo da página.

Integração simplificada de dados


A inclusão de artigos e/ou dados no console é simplificada. Ela é feita através de uma almofada com ícones semelhantes aos de processamento de texto (ex: negrito, itálico, etc) . É possível visualizar o artigo na sua forma final antes do lançamento on-line.

A estas três funções principais são adicionadas várias opções de armazenamento de informações (por autor, data de alteração, tipo), que permitem classificá-las e encontrá-las rapidamente.

Como escolher o bom sistema de gestão de conteúdo ?


Para fazer a escolha certa, você deverá considerar três critérios.
  • O seu projeto de comunicação. Você só deseja publicar informações, criar uma loja on-line, envolver usuários e configurar uma intranet. Em outras palavras, você deverá definir a complexidade do seu projeto.
  • Recursos do CSM. Os sistemas de gerenciamento de conteúdo são mais ou menos completos. O Typo3 tem mais recursos e configurações disponíveis que o Spip, por exemplo. Mas, para simplificar o layout de um site, o Spip coloca "esqueletos" (modelos de página) à disposição de seus usuários.
  • A notoriedade do CSM. Critério muito importante. Na verdade, os CMS são desenvolvidos e enriquecidos por uma comunidade de usuários. Quanto maior a comunidade, mais provável você encontrar tutoriais e extensões (recursos adicionais) para fazer o seu gerente evoluir.


Tradução feita por Lucia Maurity y Nouira

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por pintuda. Última modificação: 22 de janeiro de 2013 às 14:21 por pintuda.
Este documento, intitulado 'CMS Open Source : Gerenciar facilement un site web profissional', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.