Leve um dispositivo móvel profissional para o exterior: prática e segurança

Dezembro 2016

Em algumas situações, um profissional pode ser obrigado a viajar para o exterior com um laptop ou tablet, o que facilitará a mobilidade do trabalho. Muitos aplicativos também tornam acessíveis os dados da empresa remotamente.

Mas esta facilidade também pode representar um problemas de segurança. Para evitar o roubo de dados e proteger a confidencialidade da empresa, algumas boas práticas devem ser observadas. Reflexos de adotar antes da viagem.


Prever as viagens profissionais ao exterior

Quais os suportes móveis a privilegiar?


Diversas operadoras de celular permitem o acesso a dados específicos (e-mails profissionais, calendário, projetos da empresa ....). Laptops, tablets ou mesmo smartphones: cada um desses dispositivos tem suas vantagens e desvantagens.

Para selecionar o dispositivo mais adequado, considerando as condições de deslocamento, definir as suas necessidades no estrangeiro e aprender mais sobre as condições de trabalho no local.
  • Smartphone: acesso aos e-mails, documentos compartilhado, aplicativos, tipo de nuvem, comunicação visual (por exemplo, Skype),
  • Tablet: mesmos acessos que para um smartphone, mas com um maior conforto visual,
  • Laptop: todas as ferramentas de colaboração e comunicação, bom conforto de trabalho, mas mais volumoso.

Recarga e conectividade


Garantir o funcionamento adequado do equipamento antes da partida. Verifique as conexões e baterias. Em alguns países, o adaptador pode ser necessário para recarregar os dispositivos eletrônicos. Este é o caso, por exemplo, dos Estados Unidos, do Reino Unido, da Austrália ...

Atenção! Recomenda-se carregar um computador, tablet ou smartphone antes de um voo para os Estados Unidos, sob pena de confisco do dispositivo.

Nota: os smartphones e tablets podem ser recarregados a partir de um PC com um cabo USB.

Instale as aplicações certas para trabalhar remotamente


Várias aplicações promovem o trabalho colaborativo remoto e facilitam o acesso aos arquivos. É aconselhável instalar e testar antes de viajar.

Selecione os aplicativos que podem ser facilmente utilizados por funcionários de um computador desktop. Este é o caso, por exemplo, do Skype, uma ferramenta de conferência de vídeo que pode ser usada em um computador, tablet ou smartphone. O uso deste tipo de solução também funciona no exterior.

Saiba mais sobre aplicações móveis para o teletrabalho

Entrar no exterior

Proteja o acesso aos dispositivos móveis


Smartphones e tablets também podem ser alvo de tentativas de invasão. Eles são geralmente menos protegido do que laptops. No entanto, eles contêm dados sensíveis.
Algumas boas práticas podem evitar invasões maliciosas. As conexões seguras WiFi em primeiro (veja abaixo), mas também o dispositivo de proteção com uma senha segura são fundamentais. A segurança também requer vigilância: cuidado para não baixar um aplicativo desconhecido e phishing via SMS.

Em um dispositivo móvel, os dados também podem ser criptografados. Os pedidos são dedicados para criptografar e proteger dados em iOS, Android, Windows Phone e Blackberry.

Leia mais sobre a segurança nos dispositivos móveis.

Leia mais sobre escolher uma senha segura.

Proteja suas conexões sem fio


Quando ligado ao wi-fi, um dispositivo móvel é mais sensível à pirataria. É, portanto, essencial proteger suas conexões Wi-Fi, particularmente quando o dispositivo contém dados sensíveis ou confidenciais para a empresa.
  • Verifique se o computador tem um firewall: Firewall pode impedir tentativas de invasão,
  • Verifique a autenticidade e confiabilidade da conexão sem fio,
  • Bloquear a possibilidade de uma conexão "cliente-cliente", quer dizer a partir de outro dispositivo móvel diretamente para seu próprio dispositivo,
  • Sempre que possível, evite ligar a partir de um ponto de acesso ou um ponto de conexão aberto, proposta por exemplo, por um restaurante ou café: eles são práticos, mas muito poucos seguro!


No caso de usar um tablet ou um smartphone em Wifi, também é aconselhável garantir a confiabilidade do sistema. Desligue o modo wireless de qualquer dispositivo quando ele não for mais necessário.

Proteger os dados da empresa

Proteja os dados sensíveis


Os dados de negócios mais sensíveis ou confidenciais devem ser especialmente protegidos no exterior.
  • Bloquear o acesso a qualquer dispositivo móvel com uma senha
  • Se necessário, instale um software que permita que você desabilite o dispositivo remotamente em caso de roubo, ou apagar todos os dados, por exemplo, id = com.lsdroid.cerberus Cerberus Lock ou Android Device Manager para dispositivos Android,
  • Desabilitar o compartilhamento de diretórios e arquivos em um computador portátil, para evitar a conexão wi-fi de terceiros
  • Desligue o Bluetooth e Wi-Fi quando não estiver em uso.


É também possível criptografar os dados transmitidos por um computador, utilizando o túnel VPN proposto em alguns sistemas operativos.

Proteger o acesso ao cloud


Armazenar documentos on-line permite um acesso mais fácil a todos os dados da empresa. Mas, o uso de cloud deve ser acompanhado por uma maior segurança, para garantir que esses dados não sejam acessíveis aos hackers.
  • Escolha soluções de cloud computing com reforço, por exemplo, com a validação através de um código de segurança enviado para autenticação móvel
  • Opte pela transferência de dados criptografados
  • Certifique-se que o acesso à nuvem possa ser bloqueado remotamente, em caso de roubo do dispositivo móvel.


Foto © Fotolia

Veja também :
Este documento, intitulado « Leve um dispositivo móvel profissional para o exterior: prática e segurança  »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.