O que é design thinking?

Novembro 2016

O design thinking é uma espécie de maiêutica da inovação inspirada nos métodos de design. Ele pretende incrementar a inovação empresarial através da reunião de condições necessárias para a expressão da criatividade, passando do estado de ideia para o da produção.

Origem do design thinking

Historicamente, podemos voltar ao design thinking da década de 50, quando o publicitário Alex Osborn fez trabalhar suas equipes em modo de brainstorming. Mas o verdadeiro boom aconteceu no início dos anos 70, com a publicação do livro "Experiences in Visual Thinking" de Robert H.McKim. Esses preceitos são repetidos e amplamente desenvolvidos por Rolf Faste na Universidade americana de Stanford e, em seguida, na década de 2000 por Tim Brown e David Kelley da empresa IDEO, especializada em gestão de inovação.

Seu aparecimento aconteceu ao mesmo tempo que a economia da experiência. Depois da economia agrícola, industrial e de serviços, entramos na era da economia da experiência. O cliente, além de um produto ou serviço, procura uma experiência, única, forte, nova e, principalmente, de acordo com suas expectativas. O design thinking ajuda a desenvolver produtos ou serviços que atendam à experiência esperada.

Grandes princípios do design thinking

Gerenciar a inovação em design thinking requer uma observação e análise profundas do ambiente e da sociedade e, sobretudo, do ser humano, que deve estar no centro do processo de inovação. Como vivem as pessoas em torno de mim? Do que eles falam? Do que eles gostam? Será que eles têm novos comportamentos? Esta abertura para o mundo vai alimentar reflexões, que acontecerão em equipes abertas e, sobretudo, entre os mais criativos. Se o ser humano não for deixado de lado, as suas necessidades sempre serão atendidas.

O princípio do design thinking é acabar com as barreiras entre os padrões de pensamento para progredir e realizar, efetivamente, a finalização de um produto ou de um serviço. Uma síntese permanente é realizada entre as competências analíticas do técnico e a intuição dos criativos. A progressão linear do design dos produtos, à moda antiga, é abandonada em favor de um encaminhamento por do espaços que se cruzam com serviços da empresa que trabalham em conjunto (o "cross-department").
Outro nível de abertura ensinado pelo design é a síntese do que é desejado (cliente), possível (tecnicamente) e rentável (economicamente).

Os passos do design thinking

Este caminho foi muito teorizado e vários métodos coexistem.

De acordo com Tim Brown

As três etapas de acordo com Tim Brown, fundador da empresa IDEO:
  • Atualizar uma problemática,
  • Encontrar a resposta conceitual a esta problemática,
  • Aplicar esse conceito em um objeto, um serviço...

De acordo com Rolf Faste

Os 7 passos de Rolf Faste (diretor da seção de design de produtos da Universidade de Stanford) :
  • Définir: identificar o problema a ser resolvido, priorizar o projeto e determinar o que vai garantir o sucesso,
  • Pesquisar: definir um problema a ser resolvido,
  • Brainstorm: propor ideias, sem barreiras, para atender às necessidades dos clientes finais,
  • Prototipar: desenvolver projetos,
  • Selecionar: a ideia mais inovadora e, ao mesmo tempo, viável e rentável,
  • Implementar: é a fase de produção "material"
  • Levar em conta os feedbacks: anotar os pontos de melhoria.

Vantagens e desvantagens do design thinking

As vantagens do design thinking são competitivas. Uma empresa formada com este método sempre estará um passo à frente dos seus concorrentes, ela fará a coisa certa e criará novos mercados.
Em termos de gestão, o espírito de coesão, responsabilização e valorização de cada funcionário são consequências positivas de sua implementação.

No entanto, ele provoca muita incerteza, uma sensação de tomada de riscos e contínua mudança, que podem desestabilizar alguns funcionários. O medo do fracasso é o inimigo do design thinking, já que é graças ao fracasso que progredimos. O gerente deve verificar se sua equipe está pronta para trabalhar de acordo com os preceitos do design thinking.

Para saber mais


Foto © stellalevi - Fotolia.com

Tradução feita por Lucia Maurity y Nouira

Veja também :
Este documento, intitulado « O que é design thinking? »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.