Atualizar o seu PC

Janeiro 2017

Existem várias possibilidades para atualizar um PC meio antigo, dep endendo dasua geração:


Acréscimo de memória


É a atualização mais simples.
Você deve conhecer as características da sua placa-mãe:
Para aumentar a RAM do seu PC, é preciso identificar, precisamente, as suas características.
Existem diversos programas para identificar a marca e o modelo da sua placa-mãe:
Softwares para identificar o seu hardware.

Para identificar as barras existentes, o melhor software é o CPU-Z, aba SPD.

Se você só quiser aumentar a quantidade de RAM:
Para evitar incompatibilidades entre diferentes marcas e modelos, é melhor comprar exatamente o mesmo modelo de barras.

Se você quiser mudar completamente de RAM :
Para um PC montado, vá ver no site do fabricante da placa-mãe as memórias RAM da compatíveis.

Para um PC de marca, veja no site do fabricante do PC, ou no site do fabricante de barras de memória. Não é obrigatório mas, é mais seguro para não arriscar uma tela preta...
Para obter mais informações sobre como escolher suas barras de RAM em função da sua placa-mãe, leia esta dica: Escolher sua memória viva.

Substituir a placa gráfica



Não é muito complicado, mas é preciso ter cuidado com alguns pontos:

Verificar a porta gráfica da sua placa-mãe:
Ela deve corresponder com a porta da placa gráfica, que você quer comprar.

Atualmente, as placas gráficas são com PCI-Express x16 v2. Se, por um lado, não há nenhum problema para instalá-las em placas-mãe com porta PCI-Express x16 v1, existem placas-mãe antigas, com AGP, não compatíveis.
Neste caso, também, será melhor consultar esta dica: Softwares gratuitos para identificar o seu hardware.
Depois, também, levar em conta o seu processador e a sua tela.

Não é preciso comprar uma placa gráfica muito poderosa, se você tiver um processador (CPU) antigo:

Na verdade, um CPU menos potente pode limitar a placa gráfica (ou de vídeo), isto é conhecido como CPU Limited. Também depende do tamanho da tela: uma tela com 17 ou 19" tornará o CPU Limited mais sensível.

Para atualizar um PC com AGP, uma das melhores opções é a HD 3650 512MB DDR2 AGP a 50 €.

Para atualizar um PC com PCI-Express x 16, excistem diversas opções, dependendo da sua configuração. Dê uma lida nesta dica: CPU Limited em função do CPU.

Verifique a potência da alimentação : a original será, na maioria das vezes, insuficiente para uma placa gráfica poderosa: em geral, os computadores de marcas são vendidos com uma alimentação de "300W"genéricos...

Se a sua placa de vídeo precisa de uma tomada PCI-E com 6 pinos, como esta, verifique se sua fonte de alimentação é capaz de transportar, pelo menos, 28A no + 12V, e se ela dispõe de uma tomada PCI-com 6 pinos ou, pelo menos, um conector Molex com 4 pinos, para usar um adaptador, como este.

Se a sua placa de vídeo requer duas tomadas PCI-E com 6/8 pinos, você deverá mudar sua fonte de alimentação.

Cuidado com os tamanhos : verifique se a sua nova placa gráfica entra em sua caixa, especialmente se você tiver uma caixa Compact.

Se você tiver uma caixa "Mid Tower", as dimensões LxPxH = 20 x 45 x 50 cm, em princípio, não haverá problema.

Mas os PCs de marca são frequentemente compostos de caixas compactas ou estreitas, tornando difícil, ou até impossível, a troca de componentes, tais como a placa gráfica ou a fonte de alimentação.

A maioria das placas gráficas atuais tem "slots duplos", ou seja, ocupam o lugar de 2 placas de largura padrão: Verifique se você tem espaço no seu PC.

Algumas caixas de marca muito estreitas (<10 cm) chamadas SFF exigem uma placa gráfica "Low Profile", com altura reduzida. As escolhas, neste caso, são muito mais limitadas, e não há placa de vídeo da 'gamer', sendo a HD 5570 um dos modelos mais poderosos.

Riscos de incmpatibilidade : incmpatibilidades entre hardwares de diferentes idades podem aparecer: Não compre a última geração de placas gráficas se o seu PC tem mais de 5 anos.

Se você obtiver uma tela preta com a sua nova placa gráfica, uma atualização do BIOS da placa-mãe poderá, muitas vezes, resolver o problema.

Caso contrário, você deverá substituir a placa-mãe, ou seja, comprar uma placa gráfica mais antiga, para encontrar uma exibição.

Para obter mais informações sobre o risco de incompatibilidade, leia: Qualquer placa gráfica é compatível com meu PC.

Para escolher sua placa gráfica, você pode ler a dica: Escolher a placa gráfica para o seu PC.

Para a substituição: Trocar de placa gráfica

Mudar de processador


Isto não será muito complicado, se seguirmos esta regra essencial:

É preciso identificar a placa-mãe do PC com um destes softwares, e:

Ir no site do fabricante para verificar que processadores são compatíveis: ao contrário da crença popular, a observância do suporte e do FSB não é suficiente para garantir a compatibilidade!

Na verdade, outros fatores entram em jogo, como as fontes de alimentação do processador ou a versão do BIOS.

Se for um PC montado, ou com uma placa-mãe de marca e referência conhecidas, a forma mais segura é visitar o site do fabricante para encontrar o manual correspondente ao modelo, que te dará todos os modelos de CPU suportados por essa placa-mãe, com a versão do BIOS correspondente.


Se for um PC de marca,ir no site do fabricante do PC para ver os CPUs suportados, mas as informações fornecidas são, geralmente, muito sucintas em comparação àquelas fornecidas pelo fabricante da placa-mãe. E as atualizações são raras, limitando o upgrade.

Por exemplo, para uma placa-mãe com suporte 775, veja a dica: Como substituir o seu processador com suporte 775.

Para a troca do processador em uma placa-mãe AM2/AM2+/AM3, leia a dica :
Compatibilidade AM2/AM2+/AM3 Escolher seu microprocessador na prática

Troca de fonte de alimentação


Verifique se a sua fonte de alimentação é suficiente para essas atualizações
: as novas placas gráficas consomem muito mais do que as gerações anteriores, uma fonte de alimentação limitada vai, no máximo, reinicializar o seu PC durante o uso ou, na pior das hipóteses, pifar....

Idem, se você mudou o processador: o novo pode consumir mais.
Para escolher uma nova fonte de alimentação, veja:
Como escolher sua fonte de alimentação.
Nesta dica, mostra-se como calcular a potência necessária para o seu PC.
Para evitar a perda de tempo com os inúmeros conectores: Reconhecer os conectores da minha fonte de alimentação

Troca da placa-mãe


Em casos extremos, microprocessador muito limitado e impossível de trocar, com porta gráfica AGP, é preciso trocar a placa-mãe.

Esta operação não é muito complicada em si, mas necessita muita cautela e minúcia.
Cuidado com os tamanhos: A maioria das placas-mãe atuais são do formato ATX (24 x 30.5 cm) ou micro-ATX (24 x 24 cm no máximo). Verifique se a nova placa-mãe se encaixa direitinho, principalmente se você tiver uma caixa Mini Tower.

Verificar o conector dos botões da fachada (Power, Reset...):
Em algumas placas-mãe, o conector é específico, será impossível trocar a placa-mãe, sem trocar a caixa...

Para escolher a sua nova placa-mãe, leia: Como escolher uma placa mãe para o seu PC.

Finalmente, recomenda-se reinstalar o Windows após a troca da placa-mãe, porque, sendo os drivers diferentes, o Windows não poderá se reinicializar ou ficará instável.

Mas existem soluções para evitar a reinstalação do Windows, em alguns casos. Você pode ler, por exemplo, este fórum ou este.

Observação para os usuários do Windows:

Microsoft considera que o PC mudou se a placa-mãe for substituída
Se você comprou uma licença para um único PC, entre em contato com a Microsoft para explicar que a sua placa-mãe anterior quebrou, para não ficar em estado de ilegalidade...


Nota: Depois de substituir o seu componente, você deverá reinstalar os drivers adequados.

Para isso, use o CD que veio com o seu hardware.
Você pode ler esta dica: Como encontrar drivers.


Tradução feita por Lucia Maurity y Nouira

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por pintuda. Última modificação: 14 de outubro de 2016 às 05:40 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Atualizar o seu PC', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.