Gestão de rede com o Shell do Linux

Fevereiro 2017


Veja alguns comandos úteis para a gestão de rede no Linux:

ping [-n] máquina : Envia um ping para uma máquina (-n : sem DNS)

traceroute [-n] máquina : Rastreia uma rota para uma máquina (-n : sem DNS)

netstat [-n] : Mostra o uso da rede pelos processos

netstat [-n] -a : Idem, com a exibição dos processos dos servidores

fuser, fstart, lsof: Lista detalhada do uso dos arquivos e da rede

ifconfig -a : Mostra a configuração das interfaces de rede

ifconfig interface IP oculta : Configura uma interface de rede

route [-n] show : Mostra a tabela de roteamento (-n : sem DNS)

route [-n] add rota [gw] gateway : Adiciona uma entrada de roteamento [gw apenas]

route add default [gw]gateway : Adiciona uma rota padrão [gw apenas]

route delete default : Deleta a rota padrão

hostname: Mostra e configura o nome da máquina

/etc/resolv.conf : Arquivo de configuração da resolução DNS

whois nome do domínio (whoisccm.net, por exemplo): Exibe as informações sobre o nome do domínio

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por pintuda. Última modificação: 11 de outubro de 2010 às 16:14 por pintuda.
Este documento, intitulado 'Gestão de rede com o Shell do Linux', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.