Linux - Gestão dos atributos de arquivos no ext2

Dezembro 2016


Linux - Gestão dos atributos de arquivos no ext2

Introdução


Existe para o sistema de arquivos Second Extended Filesystem (ext2) então igualmente para o Third Extended Filesystem (ext3) atributos de arquivos pouco conhecidos, e no entanto muito práticos.

Para visualizar ou fixar estes atributos nós temos à nossa disposição dois comandos (contidos em e2fsprogs), lsattr e chattr.

lsattr


Permite listar os atributos.

As diferentes evocações:

lsattr [ files ... ] [ dir ... ]
Afixa os atributos dos arquivos dados, dos arquivos das pastas dadas, dos arquivos da pasta corrente.

lsattr -d [ dir ... ]
Afixa os atributos das pastas dadas ou da pasta corrente antes que o seu conteúdo.
lsattr -a
Lista os atributos de todos os arquivos.

lsattr -R dir
Lista recursiva dos atributos dos arquivos.

chattr


Permite fixar os atributos.

As diferentes evocações:
chattr +attr file
chattr -attr file
chattr =attr file

No mesmo princípio de funcionamento que chmod
+attr adiciona o atributo
-attr retira o atributo
=attr deixa somente os atributos dados

A opção -r permite trocar recursivamente os atributos.

Os atributos


Eles são em número de 16, todos identificáveis por uma letra [ASacDdIijsTtuEXZ]

-A


A data do último acesso não é atualizado (unicamente útil para reduzir os acessos disco nos dispositivos móveis)

-S


O artigo é sincronizado, as escrituras no arquivo são imediatamente efetuadas no disco. (equivalente a opção sync do mount aplicada à um sub-conjunto de arquivos)

-a


O arquivo não pode ser aberto a não ser se for adicionado para a escritura (arquivos jornais, etc)
Somente o redirecionamento >> pode ser utilizado , o arquivo não pode ser suprimido.
Somente o usuário root ou um programa que dispõe dos direitos necessários pode trocar este atributo.

-c


O arquivo é automaticamente compactado antes da escritura no disco, e compactado antes da leitura.

-D


A pasta é sincronizada (cf: -S) (equivalente à opção dirsync de mount nos subconjuntos de pastas)
Utilizável a partir do núcleo 2.5.19

-d


O arquivo não será salvo pelo comando dump

-I


Não pode ser fixo por chattr, unicamente listado por lsattr
Indica que a pasta está indexada.

-i


O arquivo/diretório não pode ser modificado, apagado, renomeado ou ligado simbolicamente, nem mesmo pelo root.
Somente o root ou um binário possuindo os direitos pode fixar este atributo

-j


EXT3 unicamente.
Se o sistema de arquivo estiver montado com a opção "data=ordered" ou "data=writeback", todos os dados do arquivo são escritas no jornal antes de serem escritas no arquivo.
Se o sistema de arquivo estiver montado com a opção "data=journal", todos os dados de todos os arquivo já estão no jornal, o atributo é sem efeito.
Somente root ou um binário que possuem os direitos necessários pode fixar este atributo.

-s


Quando o arquivo é destruído, todos os blocos de dados liberados são zerados.

-T


Utilizável a partir da versão 2.5.46 do núcleo.

-t


Se refere a fragmentação.
Isto não foi até o momento implementado no ext2 et l'ext3 até onde sei.

-u


Se o arquivo for apagado, seu conteúdo é salvo

-E


Experimental, permite detectar um erro de compactação, não pode ser fixado por chattr, mas pode ser listado por lsattr

-X


Experimental, indica que os dados brutos de um arquivo compactado podem ser acessados diretamente.
Não pode até o momento ser fixado por chattr

-Z


Experimental, dá as informações sobre o estado de um arquivo compactado.
Pode ser unicamente listado por lsattr

Os atributos A c s et u só são utilizados a partir do núcleo 2.3, mas não são implementados nos núcleos 2.4, isto parece ser o caso nos 2.6.

Em todos os casos, eu lhe convido a verificar o bom funcionamento de todos estes atributos antes de fazer uso!


Tradução feita por Ana Spadari

Veja também :
Este documento, intitulado « Linux - Gestão dos atributos de arquivos no ext2 »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.