Problemas de som no Linux

Dezembro 2016

A gestão do som no GNU/Linux é bastante complexa e pode gerar muitos erros. Esta dica não explica em detalhes como o Linux gera o som, mas propõe soluções para certos problemas comuns.


Problemas possíveis

1° caso: o som está bem, mas eu não estou conseguindo escutar os CDs áudio.
2° caso: eu não sei ler os arquivos wma/wmv.
3° caso: estou com o erro
/dev/dsp não foi encontrado
.
4° caso: o piloto é reconhecido, mas não tem som e o mixer está bloqueando.
5° caso: estou completamente sem som.

Propostas de soluções

1° caso: CD de áudio

Eu pude constatar que uma solução simples para os usuários do Mandriva é a de ler o CD no Kaffeine. Senão, pode tratar-se de um simples problema de conexão entre o CD e/ou DVD e a placa de som pelo cabo de som. Não sei porquê, mas parece que o som do CD é analógico e não passa pelo cabo IDE, e temos que passar por um cabo curto (2 fios trançados) para o som. Se você tem dois leitores, pode acontecer de haver apenas um cabo de som; neste caso, você deverá escolher o leitor a ser usado para ouvir seus CDs favoritos. Para verificar isso, temos que abrir o som do computador (para laptops, eu não aconselho). Isto também explica porquê não se monta CD de áudio para reprodução.

2° Caso: WMA/WMV

Saiba que os formatos WMV e WMA significam, respectivamente, “Windows Media Video” e “Windows Media Audio”. São formatos proprietários que não são suportados por todos os leitores de mídia.

Se você usar um sistema de distribuição com os pacotes RPM, você está com sorte, porque não há um pacote XMMS-WMA para “Red Hat”, por exemplo dag. wieers.com e, portanto, as fontes estão disponíveis para quem quer compilar sozinho.

Senão, a solução mais fácil é usar o VLC Media Player, pacote VLC, Mplayer ou pacote Mplayer-k6 para amd e mplayer-586 para Pentium I a IV, www.mplayerhq.hu que acabaram de fechar por causa de novas leis da UE sobre patentes! (Para debian (sarge), adicione deb ftp.nerim.net). Eu não sei onde ainda podemos encontrar as fontes.

Observação: o site do Mplayer não fechou, mas há uma mensagem na página inicial. Basta clicar no link abaixo para acessar o resto do site. As fontes do mplayer estão disponíveis aqui.

3° Caso: /dev/dsp

Neste caso, se a sua placa de som estiver em uma porta PCI, verifique se ela está bem encaixada. Se sim, ou se for uma placa de som integrada, ela deve estar queimada.

4° Caso: problema de mixer

Eu ainda não entendi de onde vem esse erro, mas para resolvê-lo, uma atualização do sistema, ou apenas do kernel, pode ser suficiente. Para atualizar o sistema não se esqueça de remover as fontes antigas (urpmi.removemedia-a). Veja Como instalar um programa Linux Ubuntu.

Para atualizar um núcleo do Mandriva, depois da instalação de base, atualize todos os URPMI (contrib, update, etc) e inicie o comando
urpmi alsa
. Ele proporá uma série de kernel com uma escolha (com o comando uname –r, o 2.6.8.1-10, por exemplo). Escolha o mais próximo (ex: 2: 2.6.8.1-24mdk, neste caso). Reinicie a máquina (pode ser indispensável). Inicie o KMIX e reze para que tudo funcione...

5° Caso: sem som

Isso pode significar várias coisas! Vamos começar pelo mais simples. Eu suponho que o seu hardware seja novo e que você utilize o alsa.

Para começar, você deve definir corretamente o volume para os alto-falantes. Mas também é preciso coloca-lo no mixer. O mixer de base começa pelo comando
alsamixer
. Ele deve estar disponível para todas as distribuições, mas o uso do som não é instintivo. Man alsamixer vai dizer-lhe tudo e o Google completará. Existem vários mixers diferentes para serem usados facilmente: aumix, kmix para os usados, alsamixergui para interface do gráfica do alsamixer, gamix, gom, gom-x, gnome-alsamixer, etc (veja a descrição dos pacotes respectivos para a sua distribuição). São sempre softwares que utilizam o alsamixer, mas que são mais fáceis de usar.

Verifique também se tem os codecs para ler o formato de áudio. Eu penso que a maior parte é fornecida pelo pacote mpg321. Normalmente, eles devem ser dependências do leitor e, desta forma, não deveriam causar problemas, a não ser que você tenha compilado o leitor sozinho.

Sua conta foi reposta no grupo de áudio. Para verificar, digite groups em um terminal, e ele lhe enviará todos os grupos cuja sua conta faz parte, e verifique se o áudio foi retomado. Se não foi, digite
# adduser toto audio
.

O plugin do leitor de mídia: nunca soube de um problema desta natureza, mas é melhor verificar, é bem fácil. Por exemplo, para XMMS, clique com o botão direito em Opção > Preferências > Plugin de entrada. Deve haver várias linhas deste tipo:
Gerador de tonalidade 1.2.10 [libtonegen.so]
Leitor de CD de Áudio 1.2.10 [libcdaudio]
Leitor de MPEG camada 1 / 2 / 3 1.2.10 [libmpg123.so]

Para o Mplayer, idem, clique com o botão direito em Preferências > codec and demixer e você verá aparecer a lista das famílias de codecs (se houver, deve ser a boa). Se eu entendi bem, o VCL é um pouco especial pois ele não precisa de codecs.

Se tudo isto que foi dito não resolveu o seu problema, deve ser porque a sua placa de som não é reconhecida. Eu sei um meio de verificar isto com as interfaces gráficas de cada distribuição mas, como é diferente para cada distribuição e que eu conheço melhor em linha de comando, vamos fazer em linha de comando.

A primeira coisa a verificar é se já existem módulos para o som carregados no seu núcleo. Para isso, o comando é
lsmod
, em usuário simples, que deve retornar algo parecido com isso:

Module                  Size      Used by  
snd_cmipci 26624 2
snd_opl3_lib 8640 1 snd_cmipci
snd_hwdep 7044 1 snd_opl3_lib
snd_mpu401_uart 5632 1 snd_cmipci
snd_rawmidi 19232 1 snd_mpu401_uart


Neste caso, todos os módulos carregados dizem respeito ao som (snd no início) e eles dependem, diretamente ou não, do “snd_cmipci”, que é o driver de minha placa de som.

Se você não tiver nenhum módulo começando com “snd”, isso pode ser a origem de seus problemas. E se houver um, verifique se é o bom. Também é possível que o driver da placa de som seja montado em rígido, mas também é preciso ser verificado. O método é exatamente o mesmo.

Para começar, é preciso determinar qual é exatamente a sua placa de som (lspci pode ajudar), em seguida, confira no site alsa, se sua placa é suportada. Para terminar, recompile o kernel, ativando, em módulo, o driver correto. Nos casos mais comuns, não é nem preciso corrigir o núcleo, aquele fornecido pelo “kernel.org”, que já é bem completo.

Na configuração do menu, vá em Device Drivers > Sound > Advanced Linux Sound Architecture > PCI devices (mesmo para as placas de som integradas, elas são consideradas como colocadas no PCI) e aí, escolher o driver que corresponde à sua placa de som. Não hesite em ler o Help (Ajuda), pois ela fornece muitas informações. As placas de som integradas mais comuns são Intel/SiS/nVidia/AMD/ALi AC97 Controller (módulo snd-intel8x0) e VIA 82C686A/B, 8233/8235 AC97 Controller (módulo snd-via82xx).

Alguns comandos úteis

lsof /dev/sua-placa-de-som
indica os processos que utilizam a placa atualmente.
grep sound-slot /etc/modprobe.conf
mostra que piloto é utilizado atualmente.
/sbin/lsmod
permite verificar se este módulo foi carregado.
/sbin/chkconfig --list sound
e
/sbin/chkconfig --list alsa
lhe dirão se os serviços sound e alsa foram configurados para serem iniciados a partir do nível de execução 3 (init runlevel 3).
aumix –q
permitirá que você veja se o volume sonoro foi cortado ou não.
/sbin/fuser -v /dev/dsp
denunciará o programa que está sendo usado ou bloqueará a sua placa de som.
lspcidrake -v | grep AUDIO
lhe indicará o padrão do driver que sua placa utiliza.

Boa sorte!

Veja também :
Este documento, intitulado « Problemas de som no Linux »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.