Como utilizar o Google+ em um contexto profissional

Julho 2017

O Google+ seria o futuro cruzamento de influência para as marcas e empresas adeptas do marketing em redes sociais? Concorrente direto do Twitter e do Facebook, o novo fenômeno social do Google propõe uma nova maneira de compartilhar conteúdos na web. Além de sua organização em círculos, que permite que o usuário controle as informações que ele compartilha, ele oferece diversas ferramentas e recursos, que integrados ao ecossistema do Google, oferecem perspectivas interessantes para os profissionais, como desenvolver a sua marca pessoal, trabalhar em modo colaborativo, ou ainda, organizar uma jornada de informação.


Mas, enquanto esperamos que o Google+ se abra oficialmente para o mundo dos negócios, qual a melhor forma de explorar as possibilidades desta plataforma no trabalho? Veja esta dica completa sobre o funcionamento e os meandros do Google+, além das dicas e conselhos para usar esta nova rede social em um contexto profissional.

Como se cadastrar no Google+ e começar a criar uma rede

Atualmente, o cadastramento no Google+ é feito apenas por convite, enquanto aguardamos a disponibilidade total do serviço. Os convites só podem ser distribuídos por todos os membros depois que eles estiverem inscritos na rede, seja por e-mail, seja compartilhando um link agrupado (ex: no Facebook, Twitter, etc), que é gerado pela interface do Google+

Mesmo se ninguém a sua volta estiver inscrito no Google+, assim mesmo você pode se cadastrar, usando um truque bem simples: faça uma pesquisa por palavra-chave no Twitter (ex: "Convite do Google+", ou em inglês "Google Plus invites"). Vários membros postam convites em grupo que possibilitam a adesão à rede.

Depois de se inscrever na rede, você poderá enviar convites em grupo (até um máximo de 150 unidades). Você também poderá importar seus contatos do Yahoo!Mail ou Hotmail para simplificar o envio de convites.

Como funcionam os círculos do Google+

Com o Google+ os membros podem organizar suas redes e as informações que eles compartilham, dentro de círculos, ou seja, grupos de contatos independentes uns dos outros. O objetivo é criar comunidades separadas e deixar aos cuidados do usuário as informações que ele compartilha (links, fotos, vídeos e dados de geolocalização), e com quem ele compartilha (para cada item publicado) . Muitas comunidades podem coexistir dentro da mesma rede, sem risco de que um membro não autorizado pelo usuário tenha acesso às informações que não lhe digam respeito.

Resumindo:
Você pode criar círculos, ou seja, grupos de usuários, para classificar seus contatos por nível de relacionamento (amizade, família, trabalho, etc.).
Só você conhece o título dos círculos, ou seja, uma pessoa adicionada a sua rede não pode saber a que círculo ela pertence, em sua rede.
Você pode adicionar a mesma pessoa em vários círculos.
Ao compartilhar o conteúdo do seu mural (fotos, vídeos ou links), você pode escolher, individualmente, os círculos (e os contatos ligados a estes círculos) que serão autorizados a visualizar este conteúdo (ex: quando eles visualizam o seu perfil).
Este conteúdo aparecerá no mural deles, se eles tiverem te adicionado a um de seus círculos.

O princípio dos círculos estendidos e do filtro "Modo público"

O Google+ permite definir um nível de visibilidade para cada informação publicada. Cada feed de informações (recebidas ou compartilhadas) corresponde a um círculo e o usuário pode navegar de um círculo para outro, para exibir os diversos feeds. Por padrão, um a informação publicada só pode ser vista pelos membros do círculo selecionado. Assim, uma mensagem postada no círculo Amigo, só pode ser visualizada pelos contatos do mesmo.

Para maior flexibilidade, você também pode optar por estender a visibilidade de uma publicação aplicando, manualmente (para cada item postado), dois outros filtros:
Círculos estendidos: a publicação é vista por uma relação de segundo grau, ou seja, por uma pessoa que está no círculo de alguém que, por sua vez, se encontra em um dos seus círculos.
Em modo público: a publicação é visível para todos os usuários que te adicionaram a um círculo, assim como em seu perfil público.

Como preparar sua conta do Google+ para uso profissional

Como preencher seu perfil

O perfil e, mais especificamente, a página de biografia do Google+ oferecem diversos campos de informações para ajudá-lo a se apresentar para a comunidade e para orientar a sua conta para o uso "profissional", mesmo que o princípio da rede seja viabilizar muitos tipos de trabalhos ao mesmo tempo (através dos círculos)

Vá na guia Perfil > Biografia e preencha os seguintes campos:
Introdução: ou informações que permitirão que os contatos te identifiquem formalmente. Saiba que você pode adicionar links através do editor de texto disponível para este campo,
As "coisas das quais você pode se vangloriar" (ex: promover sua marca pessoal),
Profissão,
Empregos (cronologia dos cargos ocupados),
Formação (cronologia dos estabelecimentos escolares frequentados),
Lugares onde você morou,
Contato (e-mail profissional, telefone, endereço para correspondência, etc.),
O que você está procurando: você pode selecionar a menção "rede profissional",
A coluna links, à direita, permite criar links para os diversos perfis em redes sociais, blogs ou completar a lista de links inseridos na introdução. Saiba que você pode escolher um tag (palavras-chave) para cada URL inserido. É melhor usar palavras-chave significativas para cada link (ex: web marketing, fotógrafo, etc.) por uma questão de SEO.

Observação: você pode aplicar um filtro de visibilidade em cada campo preenchido. Portanto, é possível marcar a opção ”Visível para todos os internautas." Verifique também se o seu perfil do Google+ aparece nos motores de busca (última opção na parte inferior da tela).

Como dinamizar o seu feed de notícias

Se você optou pela visualização pública de certos conteúdos compartilhados (links, fotos e vídeos), você terá mais chances de ser identificado como um contribuinte interessante e, consequentemente, de expandir sua rede de relações. Sabendo que uma conta do Google Plus muita ativa aumentará as oportunidades de networking.

Como criar uma Página de empresa no Google+

O Google+ permite criar e gerenciar Páginas de empresas (ou páginas temáticas) a partir de uma conta pessoal. Este espaço de comunicação está aberto para novas entidades, como empresas ou endereços locais, produtos ou marcas, instituições/organizações, artes/espetáculos/esportes ou outros.


As páginas de empresas são gerenciadas como as contas pessoais: o administrador da página pode adicionar os membros do Google+ aos seus círculos. Ele também pode animar o feed de notícias da página compartilhando diferentes tipos de conteúdo (status, URL, vídeo, etc.).

Os membros podem adicionar Páginas de empresas aos seus círculos, recomendá-los através do botão +1 e, obviamente, compartilhar os conteúdos publicados nas páginas dos seus círculos.

Entre as informações e itens que as empresas podem adicionar a sua página, estão:
Logotipo,
Informações práticas como endereço, horários de abertura, URL, etc.,
Vista do Google Maps da empresa,
Fotos/vídeos em uma aba separada.

Como criar uma comunidade no Google+

As comunidades do Google+ são espaços temáticos de comunicação situados dentro da rede social. Elas se destinam a provocar discussões e trocas entre os membros do Google+.

Elas se opõem às páginas, que são pontos de comunicação privilegiados para as marcas e seus clientes.

Contudo, uma comunidade temática pode ser apoiada pela atividade de uma empresa, como um lugar para discussões em torno de uma determinada área: marketing, SEO, novas tecnologias, etc. Leia a nossa dica sobre Como criar e animar uma comunidade do Google+.

Agora vamos ver algumas ações possíveis para profissionais:

Como criar um portfólio

O Google+ pode se conectar ao Picasa, o serviço de hospedagem de fotos do Google. Assim, você terá a possibilidade de destacar os trabalhos fotográficos no Google+ (ou fotos que ilustram suas atividades), hospedados no Picasa ("Criar um book"). Assim como em outros serviços do Google+, você pode monitorar a visibilidade deste álbum (círculos, círculos estendidos ou todos os usuários da Internet).

Observações

Você pode adicionar fotos armazenadas no seu computador para enriquecer um álbum já existente.
Instant Upload é uma função do de Google+ para transferir, automaticamente, as fotos do seu smartphone e compartilhá-las no álbum de sua escolha. Você também pode marcar suas fotos (colocar a identidade das pessoas). Pense em adicionar um link para o álbum a partir do seu perfil, para aumentar a sua visibilidade.

Veja esta dica: Como compartilhar suas fotos com o Google+

Como criar círculos voltados para o "profissional"

Se você estiver em contato com os clientes através de seu perfil pessoal do Google+, você pode organizá-los em um círculo próprio para isso (ex: clientes ou clientes potenciais), para compartilhar apenas informações susceptíveis de interessá-los (notícias, promoções, eventos, etc).


Outra utilização possível do Google+ é a criação de grupos de trabalho, ou seja, cada membro pode criar um "círculo" dedicado, para compartilhar informações, links, estatutos relacionados com a implementação de um projeto, por exemplo. Este trabalho é particularmente interessante para profissionais ligados a vários serviços do Google (Picasa, Google Docs ou Agenda), que também precisam se comunicar em VoIP com colaboradores distantes (veja abaixo)

Bate-papo e videoconferência com “Hangouts"

Os Hangouts do Google+ permitem abrir sessões de videoconferência e bate-papo com vários usuários, simultaneamente, dentro de um círculo. Um recurso interessante para se comunicar com funcionários à distância, dentro de um grupo de trabalho, por exemplo. O Hangout também propõe um recurso de compartilhamento de tela e se integra com o Google Docs, a suíte burótica online do Google.

Quando a conversa começar (Hangout), os usuários poderão selecionar documentos a serem compartilhados pela interface do Hangout (botão "Google docs"), alternar de um documento para outro e editar um mesmo documento com outras pessoas, simultaneamente, permanecendo no modo de videoconferência.

Além dos Hangouts, o Google+ oferece o serviço de mensagens instantâneas Google Chat integrado no Gmail, que é usado para iniciar as conversas de áudio e vídeo, ou em grupos.

Vigília de informações

O recurso Spark do Google+ te ajuda no acompanhamento de notícias relacionadas aos seus centros de interesse. Você pode personalizar os mesmos através da designação de uma ou mais palavras-chave e gerar um feed de notícias de vários sites relevantes. Cada área de interesse pode ser salva e acessada diretamente do seu perfil (atualização automática), que permite a implementação de um sistema de monitoramento rapidamente operacional. Em seguida, você poderá compartilhar as notícias consideradas relevantes, dentro de seus círculos, para animar o seu mural.

Ferramentas móveis para criar uma rede em viagens

Existem dois aplicativos nativos disponíveis:

Google+ para Android
para iPhone, iPod Touch e iPad

O Google+ também pode ser acessado por um navegador web nas principais plataformas móveis disponíveis (iOS, Android, BlackBerry, Nokia/Symbian, Windows Mobile, WP7, etc.).

Saiba mais

Google+
Google+ para Android
Google Plus como rede social
Foto: © Google.

Veja também

Artigo original publicado por . Tradução feita por pintuda. Última modificação: 3 de dezembro de 2016 às 11:37 por pintuda.
Este documento, intitulado 'Como utilizar o Google+ em um contexto profissional', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.