PULPino é processador de código aberto

MarinaShimamoto - 11 de abril de 2016 - 16:13

PULPino é processador de código aberto

O gadget, que foi feito com base no chip single-core de 32-bit RISC-V, deverá ser lançado até o início de 2016.

Com baixo consumo de energia e capacidade de funcionar em aplicações variadas de hardware, uma recente criação de estudiosos da Universidade de Bolonha, na Itália, e do Instituto ETH de Zurique, na Suíça, não possui restrições comerciais.

Chamado de PULPino, o chip é totalmente baseado em códigos open source, ou seja, o usuário pode modificar as funções do componente para que seja possível que a mídia se adapte a vários projetos. As instruções são alteradas diretamente via processador, conforme a demanda.

Uma das funcionalidades da novidade está na aplicação do gadget na Internet das Coisas. A frequência máxima é de 400 MHz, bem como o consumo estimado de energia é de 32.8 mW.

Projetado com base no chip single-core de 32-bit RISC-V, o PULPIno deverá chegar ao mercado até o começo do próximo ano em uma edição multicore. Também estará disponível uma ferramenta virtual e um kit de desenvolvimento (SDK).

Foto: © ETH Zurich

Adicionar comentário

Comentários

Comentar