Bug nos direitos de autor no Chrome

ninha25 - 1 de julho de 2016 - 05:35

Bug nos direitos de autor no Chrome

De acordo com especialistas, os vídeos com direitos de autor não são protegidos no Chrome.

(CCM) — No lançamento da linguagem HTML, os editores de conteúdo alertaram muitas vezes, dizendo que este formato de dados não protegia, de nenhuma forma, os vídeos sujeitos aos direitos de autor. Na época, estes alertas não foram levados a sério pelo Google e Apple, Steve Jobs em primeiro lugar.



No entanto, os engenheiros dos diferentes navegadores trabalharam em conjunto para tentar proteger esses vídeos. Assim, eles desenvolveram conjuntamente o Encrypted Media Extensions (extensões EME), um sistema apresentado, como de costume, como inviolável. No Google, o projeto, chamado Widevine (link em inglês), revela seus primeiros pontos fracos.

Tecnicamente, os EME conectam o dispositivo de proteção dos fornecedores de conteúdo, como o Netflix, e o navegador, para sincronizar a chave ou a licença do vídeo. No entanto, apesar deste processo ser aparentemente simples e eficiente, os pesquisadores descobriram uma falha. Eles localizaram o arquivo no qual os dados de vídeo são armazenados, na reprodução em streaming. Assim, fica perfeitamente possível salvar estes vídeos quantas vezes os usuários quiserem.

Os pesquisadores relataram esta falha para o Google no dia 24 de maio. No entanto, o gigante californiano parece não ter pressa para corrigir a situação e ainda não lançou nenhum patch. Quem se beneficia com isso?

Ler em francês

Photo : © iStock.
Siga o CCM Brasil no Twitter
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do usuário anônimo