Fases de um projeto



Como administrar um projeto

Para administrar um projeto em um contexto de qualidade, ele deverá seguir várias etapas ou fases e definir quais serão os pontos de controle. Cada etapa comportará uma entrega e uma validação a partir de um documento específico. Isto permitirá verificar a conformidade das entregas na definição das necessidades e garantir a adequação dos objetivos de custo e prazo.


Como estas etapas de validação constituem uma das tarefas de gestão do projeto, elas permitem então detectar as anomalias rapidamente e adaptar-se às novas restrições, ou seja, aos riscos não previstos inicialmente. O controle do tempo atribuído para cada tarefa é primordial e a análise dos riscos é indispensável. Na verdade, no início do projeto existem muitas incertezas, na medida em que as características ainda não foram formalizadas. Isto representa muitos riscos para o projeto, tantos que é primordial tentar identificá-los para reagir a tempo. Desta forma, devem ser previstos meios não só para prevenir o aparecimento destes riscos, mas também para corrigi-los.

Em cada etapa, o projeto pode ser interrompido, caso o responsável considere que os objetivos não poderão ser atingidos tal como se pretende.

O termo milestone (marco/acontecimento) é utilizado para designar os eventos importantes envolvidos na realização do projeto, que devem ser controlados. Cada marco permite verificar as condições necessárias para continuar o projeto. O sistema de datas de eventos se chama programa.

O ciclo de vida do produto

A cadeia de etapas e validações entre o aparecimento da necessidade e a entrega do produto chama-se ciclo de vida do produto. Este ciclo corresponde às etapas e aos produtos necessários à realização dos trabalhos:

Condução do projeto

Quais são as principais etapas de um projeto

O projeto pode ser delineado da seguinte maneira:


Fase preparatória: esta fase permite que os participantes entendam o projeto, estudem o tema para garantir que a sua implementação seja relevante e que se ajuste à estratégia da empresa. De um modo geral, esta fase é considerada como um ‘rascunho do projeto’ e deve ser concluída com o término dos documentos que formalizam o projeto e indicam as condições administrativas de sua realização.

Fase de realização: é a fase operacional em que se realiza o trabalho. Ela é efetuada pelo contratante juntamente com o cliente. Ela começa com a recepção do caderno de especificações e termina com a entrega do trabalho.

Fase de finalização: trata-se da produção do projeto, ou seja, ambas as partes garantem que o trabalho atenda às expectativas dos usuários e que sua ‘instalação’ e uso estejam corretos. Já que o contratante conhece o produto criado, cabe a ele instalá-lo.

Estas três fases também são conhecidas como ‘3C’, isto é, contextualizar, conduzir e concluir. Cada uma delas pode ser subdividida em diversas etapas. A divisão proposta se baseia no método MERISE. Este é um dos métodos mais utilizados, porém existem outros. O mais importante no início do projeto é garantir que o contratante e o cliente estejam de acordo com um método comum e conheçam as suas respectivas responsabilidades (ciclo de tomada de decisões).

Veja também

Última modificação: 3 de julho de 2017 às 13:58 por Pedro Muxfeldt.

Este documento, intitulado 'Fases de um projeto', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (https://br.ccm.net/) ao utilizar este artigo.