Discos rígidos ou pendrives no Mac OS ou OS X

Discos rígidos e pendrives não são destinados a um sistema operacional específico. Estes meios de armazenamento são previstos para todos os sistemas operacionais. É o uso que fazemos destes materiais que determinarão o tipo de formato a ser aplicado. As explicações fornecidas nesta dica aplicam-se tanto aos discos rígidos quanto aos pendrives.


Formato para uso de disco rígido ou pendrive no Mac

Para uso no Mac, o formato HFS+, também conhecido como Mac OS Extended, deve ser escolhido. Este formato é compatível com todas as versões do Mac OS, desde o Mac OS 8 até hoje e incompatível com o Windows, exceto se um utilitário específico for instalado no PC, como MacDrive e MacDisk.


Observação: antes do Mac OS 8, o formato para Mac era o HFS e não o HFS+.

Formatos para uso de disco rígido ou pendrive no Windows e Mac

O formato NTFS

O NTFS é o formato utilizado em todas as versões do Windows desde o XP. Ele não está sujeito a limitações de tamanho de arquivo. O formato NTFS é legível pelos televisores modernos. O Mac OS X pode ler nativamente o formato NTFS, mas precisa de um utilitário dedicado para escrever neste formato. Para escrever em um volume NTFS no Mac, existem vários utilitários e a escolha vai depender da versão do Mac OS:

No OS X 10.11 El Capitan: NTFS for Mac ou Mounty for NTFS
No OS X 10.9 Mavericks e OS X 10.10 Yosemite: Paragon NTFS for Mac ou Mounty for NTFS
No OS X 10.8 Mountain Lion: Paragon NTFS for Mac ou Tuxera NTFS for Mac
No Mac OS 10.7 Lion: Paragon NTFS for Mac versão 12 ou Tuxera NTFS for Mac
No Mac OS 10.6 Snow Leopard: Paragon NTFS for Mac versão 12 ou NTFS Mounter ou Tuxera NTFS for Mac
No Mac OS 10.5 Leopard: Paragon NTFS for Mac versão 12 ou NTFS-3G ou Tuxera NTFS for Mac
No Mac OS 10.4 Tiger: NTFS-3G ou Tuxera NTFS for Mac

Observação 1: a experiência mostra estabilidade muito boa do Paragon NTFS for Mac, enquanto que com o Tuxera podem ocorrer problemas. Portanto, prefira o Paragon. Para solução alternativa, veja esta página.

Observação 2: no Mac OS X 10.6, o utilitário gratuito NTFS Mounter, apesar de menos amigável pode ser suficiente. Também há o utilitário Mounty for NTFS, também gratuito, cujo editor anuncia compatibilidade com o OS X 10.9 e superiores.

Observação 3 nunca use mais de uma ferramenta de cada vez. Se não ficar satisfeito com um utilitário, desinstale-o completamente antes de instalar outro.

O formato FAT32

Também conhecido como MS DOS, o FAT32 é o antigo formato do Windows, ou seja, antes do XP. O formato MS DOS (FAT32) é compatível com a maioria das TVs que têm portas USB. O formato MS DOS é nativamente compatível em leitura e escrita com Mac OS e Windows. A grande desvantagem do formato MS DOS é que o tamanho máximo por arquivo é limitado a 4 GB.

O formato exFAT

O exFAT tem a vantagem de ser compatível com as últimas versões do Mac OS X e Windows, sem limitação de tamanho de arquivos, ao contrário do FAT32. No entanto, ele é muitas vezes incompatível com discos rígidos de multimídia e TVs que tenham portas USB. O formato exFAT é compatível com o Windows a partir do XP SP3 e com o Mac OS a partir da versão 10.6.5.

Discos rígidos de multimídia

Observação: quando falamos de discos externos de multimídia, subentende-se discos com recursos de multimídia integrados no próprio disco rígido, especialmente os codecs, que permitem ler diversos formatos de áudio e vídeo. Na maioria dos casos, esses discos se conectam à TV por cabo HDMI. Por sua vez, um disco comum não multimídia com conexão USB e formatado em NTFS poderá ser usado em uma TV recente, dotada de tomadas USB, se a TV tiver os codecs apropriados para os arquivos contidos no disco.

Uma atenção especial deve ser dada aos discos rígidos do tipo multimídia. Alguns só funcionam no modo de multimídia, no formato FAT32 ou NTFS e, em nenhum caso, ele deve ser formatado, pois há risco de se perder suas características de multimídia.

Antes de qualquer formatação, é importante salvar os arquivos presentes originalmente no disco rígido para reinstalá-los mais tarde, principalmente o arquivo autorun.inf, se ele existir. Consulte o manual do seu disco rígido ou o site do fabricante, para saber se o disco aceita ou não formatação do disco e, neste caso, que tipo de formato é aceito.

Formatação pelo Utilitário de Disco

Para formatar, é preciso usar o aplicativo Utilitário de Disco presente em qualquer Mac e localizado em Aplicativos/Utilitários. Esta ação apagará todo o conteúdo presente no disco rígido ou pendrive. Sendo assim, é preciso, em primeiro lugar, salvar este conteúdo, caso você queira mantê-lo.

Abra o Utilitário de Disco, selecione o ícone do disco rígido físico - não sua partição já existente, situada logo abaixo, à direita, mas o próprio disco rígido. Esse ícone leva o nome do fabricante e indica sua capacidade, na parte esquerda da janela.

Clique na guia Particionar na parte direita da janela. Acima da área, substitua a palavra Atual (menu suspenso) por uma partição, ou mais se necessário. Na parte inferior do campo, clique em Opções. Aqui, nos deparamos com várias opções, dependendo da solução que você escolheu para aplicar:

Tabela de partição GUID para Mac com processador Intel, quando este disco for usado como disco de arranque;
Cartão de partição da Apple para Mac com processador PowerPC quando este disco for usado como disco de arranque;
Master Boot Record (MBR) (MBR) se você quiser usar este disco tanto no Mac OS quanto no Windows.

Clique em Ok para confirmar sua escolha. Em seguida, volte para a janela principal e escolha o formato desejado:

Mac OS Extended para usar exclusivamente no Mac;
MS-DOS (FAT) para usar no PC e no Mac, mas com um limite de 4 GB por arquivo;
NTFS para usar no PC e Mac. Esta opção só estará disponível depois de instalar um driver de gestão do NTFS em seu Mac.

Dê um nome para este volume e, na parte inferior da janela, clique em Aplicar. Espere o processamento do seu pedido e, quando a operação terminar, o seu disco estará pronto.

Observação: o Utilitário de Disco a partir do OS X 10.11 é diferente, mas o princípio é o mesmo. Veja esta dica para o Utilitário de Disco no OS X 10.11 e superiores. Veja mais explicações sobre isso em Utilitário de Disco no OS X 10.11.

Saiba mais

Esta pagina do suporte da Apple
Artigo original publicado por *_Francis_*. Tradução feita por pintuda. Última modificação: 23 de fevereiro de 2018 às 14:59 por Jeff.
Este documento, intitulado 'Discos rígidos ou pendrives no Mac OS ou OS X', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (https://br.ccm.net/) ao utilizar este artigo.
Formatar um pen drive ou um disco no OS X 10.11 e versões posteriores
Locais dos itens a serem salvos no Mac OS X