Tidal pode acabar em seis meses

MarinaShimamoto - 14 de dezembro de 2017 - 17:31

Tidal pode acabar em seis meses

Informações do jornal norueguês Dagens Næringsliv apontam que serviço de streaming Tidal estaria prestes a encerrar as atividades.

(CCM) — Conforme anúncio do jornal norueguês Dagens Næringsliv, o Tidal, serviço de streaming de música do rapper Jay-Z, vai encerrar as atividades. Segundo a publicação, a plataforma possui condições de se manter em funcionamento apenas por mais seis meses.



Após um prejuízo de 44 milhões de dólares (R$ 145 milhões) em 2016, neste ano a empresa recebeu um aporte da operadora Sprint, que adquiriu, por 200 milhões de dólares (R$ 661 milhões), 33% do Tidal, o que não foi o suficiente para sanar o rombo financeiro. Além disso, o software, diferentemente do Spotify, por exemplo, disponibiliza apenas planos pagos.

A mesma publicação norueguesa, após análise dos números fornecidos pela companhia de Jay-Z, questionou os valores de 1 milhão de clientes em 2015 e 3 milhões nos seis meses seguintes. O jornal dá conta de que a plataforma dispunha de 350 mil usuários em 2015, alcançando a marca de 850 mil seis meses depois e atualmente estaria com, aproximadamente, 1,2 milhão de consumidores. Em termos comparativos, enquanto o Apple Music atingiu 30 milhões em setembro deste ano, o Spotify contava com 60 milhões em julho.

Foto: © baloon111 - 123RF.com
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do usuário anônimo