Comentar

Nikon encerra em definitivo atividades no Brasil

MarinaShimamoto - 18 de setembro de 2018 - 12:24
Nikon encerra em definitivo atividades no Brasil
Companhia anunciou decisão em seu site oficial; saída do país faz parte de uma reestruturação global.

(CCM) — A Nikon, empresa de origem japonesa e fabricante de materiais fotográficos semi-profissionais e profissionais, anunciou o fechamento definitivo de suas atividades no Brasil. O comunicado foi publicado no site oficial da companhia. A saída da empresa do mercado brasileiro é tida como uma reestruturação global da companhia.


A venda de câmeras, lentes e acessórios fotográficos em sua loja virtual já estava suspensa desde o final do ano passado. A partir de agora, todas as atividades estão encerradas por aqui.

Segundo o comunicado, "para produtos fotográficos com garantias válidas, os reparos continuarão sendo honrados pelo Grupo Nikon. A assistência técnica e as solicitações de reparo de produtos em garantia deverão ser realizadas pelo site da Nikon do Brasil por meio de formulário online. Equipamentos fotográficos e acessórios que estejam fora de garantia terão os serviços de assistência técnica assumidos diretamente pela marca nos Estados Unidos".

Já no que diz respeito à Nikon Instruments, responsável por produtos de microscopia, assim como acessórios e assistência técnica, a nota informa que "o atendimento continuará a ser oferecido no país pela empresa BioLab Brasil. Os outros distribuidores para microscópios educacionais e clínicos, Spectrun, Hoven e PMH, permanecerão inalterados e continuarão a atender seus clientes normalmente".

A unidade brasileira foi aberta em abril de 2011 após um investimento de 10 milhões de dólares (R$ 15,697 milhões) e foi a primeira filial da companhia na América do Sul.

Foto: © Nikon.
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do usuário anônimo