Comentar

Twitter apaga 10 mil contas falsas nos EUA

Ana Paula Cardoso - 6 de novembro de 2018 - 05:47
Twitter apaga 10 mil contas falsas nos EUA
Tomada às vésperas das eleições legislativas americanas, medida pode incentivar investida mundial contra 'fake news'.

(CCM) — O Twitter deletou mais de 10 mil contas da rede social nos EUA, anunciou a empresa na última sexta-feira (2/11). De acordo com notícia publicada pelo site da companhia de mídia alemã 'Deutsche Welle (DW)', as contas postavam mensagens pedindo aos eleitores para não irem votar nas eleições legislativas americanas desta terça-feira (6/11).


Acontece que estas mensagens partiam de perfis falsos, atribuídas a membros do Partido Democrata, a sigla de oposição ao atual governo de Donald Trump. As falsas mensagens foram investigadas a partir de denúncias dos democratas e foram prontamente removidas pelo Twitter.

O porta-voz da rede social de mais de 300 milhões de usuários justificou que estas contas estavam compartilhando automaticamente desinformação e que isso é uma violação das diretrizes da empresa. Segundo a agência de notícias Reuters, as contas foram apagadas de maneira rápida e com identificação da origem, o que pode gerar investigações posteriores.

Na campanha presidencial dos EUA em 2016, o Twitter havia fechado milhões de contas que espalhavam informações erradas, em particular, para prejudicar Hillary Clinton, a candidata presidencial democrata. Recentemente no Brasil, uma série de denúncias de veiculação de notícias faltas pontuou as eleições presidenciais.

As empresas de redes sociais têm sido investigadas e cobradas pelas autoridades do mundo inteiro para que tomem medidas contra a difusão das chamadas 'fake news'. E a medida tomada pelo Twitter pode servir de exemplo em outros países na luta contra a manipulação de informações não verdadeiras.

Foto: © iStock.com
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do Anonimous