Comentar

Câmera transforma Minority Report em realidade

Ana Paula Cardoso - 11 de março de 2019 - 08:50
Câmera transforma Minority Report em realidade
No Japão, software VaakEye seria capaz de detectar roubos em lojas antes que eles aconteçam.

(CCM) — Uma startup japonesa afirma ter desenvolvido um software de inteligência artificial que pode analisar vídeos de vigilância de lojas para detectar comportamentos suspeitos.

O mecanismo desenvolvido no software VaakEye funcionaria de forma semelhante ao roteiro de ficção visto no filme Minority Report (2002), estrelado por Tom Cruise e inspirado no livro homônimo de Philip K. Dick.

Segundo informações divulgada pelo jornal 'Japan Times', ao analisar os clientes de uma loja ou estabelecimento comercial, o software detectaria movimentos suspeitos e comportamentos de pessoas que passam pelo visor de uma câmera. O algoritmo determinaria, então, a probabilidade de roubo, enviando um alerta para um aplicativo dedicado a fazer a leitura de dados e avisar à segurança.

Na ficção, o sistema de segurança polêmico permite prender possíveis assassinos. Na realidade, o que os desenvolvedores defendem é aumentar a segurança dos comerciantes, colocando, por exemplo, um segurança para acompanhar o suspeito e, assim, evitar que o furto se concretize. Mas quais seriam os critérios para avaliar se alguém é suspeito ou não?

Segundo a notícia, o software usa um algoritmo complexo que aproveita os registros de imagem adquiridos com mais de 100 mil horas de videovigilância. A análise é feita através de 100 fatores diferentes, como o rosto da pessoa, roupas, movimentos, mas também o número de incidentes semelhantes no bairro ou no setor.

Foto: © Nopparat Inuthai - 123RF.com
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do usuário anônimo