Comentar

Facebook endurece regras de vídeos ao vivo

Ana Paula Cardoso - 15 de maio de 2019 - 05:38
Facebook endurece regras de vídeos ao vivo
Rede social vai bloquear usuários logo na primeira violação de segurança.

(CCM) — O Facebook anunciou novas restrições à transmissão de vídeo ao vivo em sua plataforma Facebook Live, informou nesta quarta-feira a agência de notícias 'Reuters'.

A empresa de Mark Zuckerberg também afirmou que vai disponibilizar cerca de US$ 7,5 milhões em parcerias com pesquisadores que façam estudos para melhorar a capacidades de análise de imagens.

Em relação ao Facebook Live, a principal rede social do mundo anteriormente aplicava uma política de sanções progressivas. Agora, planeja-se implementar uma estratégia chamada de "primeira ofensa".

Na prática, se um usuário violar as regras "mais sensíveis" da plataforma, explica o Facebook, ele será proibido de usar o serviço por um determinado período desde a primeira violação.

A medida foi divulgada dois meses após os ataques de Christchurch, na Nova Zelândia. O autor dos ataques de Christchurch, que matou 51 pessoas em duas mesquitas, transmitiu seu massacre ao vivo por 17 minutos através do aplicativo Facebook Live.

Foto: © Northfoto - Shutterstock.com
Adicionar comentário

Comentários

Comentar a resposta do usuário anônimo