Folhas de estilo - CSS

Agosto 2015

Apresentação das folhas de estilo

O conceito de folhas de estilo apareceu em 1996 com a publicação pelo W3C de uma nova recomendação intitulada “Cascading StyleSheets” (folhas de estilo em cascata), notadaCSS.

O princípio das folhas de estilo consiste em agrupar num mesmo documento características de formatação associadas a grupos de elementos. Basta definir por um nome um conjunto de definições e características de formatação, e chamá-lo para o aplicar a um texto. É assim possível criar um grupo de títulos com o tipo Arial, de cor verde e itálico.

As folhas de estilo foram criadas para compensar as lacunas da linguagem HTML no que diz respeito configuração da página e à apresentação. Com efeito, o HTML oferece diversas balizas que permitem configurar a página e definir o estilo de um texto, contudo cada elemento possui o seu próprio estilo, independentemente dos elementos que cercam. Graças às folhas de estilo, quando a carta gráfica de um site composto de várias centena de páginas web deve ser alterada, basta alterar a definição das folhas de estilo num só lugar para alterar a aparência de todo o síte!

Chamam-se “folhas de estilo em cascata” (em inglês “Cascading Estilo Sheets”) porque é possível definir vários e os estilos podem ser herdados em cascata.

As folhas de estilo permitem nomeadamente:

  • obter uma apresentação homogénea sobre todo um site, recorrendo a uma mesma definição de estilo para todas as páginas ;
  • a mudança do aspecto de um site completo inteiro pela única modificação de algumas linhas;
  • maior legibilidade do HTML, porque os estilos são definidos à parte;
  • carregamentos de página mais rápidos, por as mesmas razões que a anterior;
  • posicionamento mais rigoroso dos elementos.

CSS 2.0

Desde 12 de Maio de 1998, a norma CS 2.0 é o standard em vigor. A norma CS traz um grande número de novas funcionalidades em relação à norma precedente (1.0), entre as quais:

  • A tomada em conta da diversidade de meios de comunicação social (ecrã, impressora, Braille, sintetizador vocal, etc.);
  • A adição de propriedades auditivas para os cegos e amblíopes;
  • A manipulação de cursores;
  • A gestão das profusões e a visibilidade dos elementos.

A compatibilidade dos navegadores

Apesar da existência de recomendações do W3C, as folhas de estilo não são reconhecidas da mesma maneira por todos os navegadores. O primeiro navegador a ter integrado as folhas de estilo foi o Microsoft Internet Explorer 3.0, seguidamente a utilização das folhas de estilo generalizou-se com as versões 4.0 e superiores de Internet Explorer e Netscape Navigator.


Navegadores suportando as folhas de estilo :

  • Microsoft Internet Explorer 3.0 (parcialmente)
  • Microsoft Internet Explorer 4.x
  • Microsoft Internet Explorer 5.x
  • Microsoft Internet Explorer 6.x
  • Netscape Navigator 4.x
  • Netscape Navigator 6.x
  • Netscape Navigator 7.x
  • Mozilla x.x
  • Firefox x.x
  • Opera 5.x
  • Opera 6.x
  • Opera 7.x
  • Camino 0.8x
  • Safari 1.xx

Ver também

O síte ZenGarden propõe testar a potência das folhas de estilo permitindo escolher diferentes estilos a aplicar para um mesmo conteúdo.

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Folhas-de-estilo-css .pdf

Veja também


CSS - Style sheets
CSS - Style sheets
CSS: Hojas de estilo
CSS: Hojas de estilo
Stylesheets - CSS
Stylesheets - CSS
CSS (Feuilles de style)
CSS (Feuilles de style)
Fogli di stile - CSS
Fogli di stile - CSS
Este documento, intitulado « Folhas de estilo - CSS »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.