Como diferenciar Remake e Remaster em videogames

Vemos cada vez com mais frequência games clássicos famosos que reaparecem quase ou totalmente modificados ou apenas com gráficos melhorados. Eles retornam com dois atributos Remake e Remaster que não significam a mesma coisa. Convidamos vocês a continuarem aqui para ficar por dentro das diferenças entre um e outro.

Qual a diferença entre games Remake e Remaster?

Não é raro escutar que um game foi remasterizado e, ao mesmo tempo, em outro lugar, que é ele um remake. A confusão entre os dois termos pode ser dissipada ao verificarmos o que cada uma das palavras significa. A frequência em que games antigos entram no rol de Remaster e Remake mostra uma tendência nostálgica, crescente, dos dias atuais, em relação a games de outras gerações. A demanda por esses tipos de versões melhoradas ou modificadas permite aos gamers saudosistas, ou mais novos, resgatar franquias e clássicos de outros tempos. Chegou a hora agora de perguntar: qual a diferença entre um game remaster e um remake?

Remaster

Remaster é uma palavra já bem conhecida em se tratando de filmes, músicas e, cada vez mais frequente, se referindo aos videogame, Ela quer dizer que a mídia foi retrabalhada ou remasterizada e tem a ver com uma nova camada melhorada em um determinado jogo; no caso dos games, quer dizer que eles passam por um processo de melhorias da qualidade visual. Esse processo é feito diretamente a partir do arquivo original, ou seja, o game não sofre modificações. A remasterização vai melhorar principalmente a resolução para eliminar o visual pixelado, por exemplo, para adaptá-lo às novas gerações de consoles e PCs. Neste caso, a gameplay será similar e familiar, porém rodando com um visual muito melhor.

Um exemplo de game remaster é o Call of Duty®: Modern Warfare Campaign Remastared para PC que pode ser comparado com a versão original Call of Duty: Modern Warfare II para PC, ao reproduzir o vídeo abaixo: basta clicar na seta no centro da tela:

Remake

Remake é um novo jogo baseado no original. Sendo assim, uma versão remake significa que houve mudanças mais significativas que entrega um game parcialmente inédito. Vale lembrar, no entanto, que o remake pode apresentar não somente um game parcialmente novo, mas também outro quase que totalmente novo, afora pequenos elementos como a ideia desenvolvida e o contexto do original. O remake pode, desse modo, guardar apenas os conteúdos do game original, enquanto que todos os recursos e mecânicas são criados do zero. Um bom exemplo é o
Final Fantasy VII Remake que foi entregue completamente diferente do seu original.

Quando o editor resolve criar um remake total de um jogo, ele será mais do que uma versão melhorada, ele entrega um novo jogo, embora podendo usar a mesma história, ambiente, cenários, músicas ou jogabilidade. Logo, há um aproveitamento mais subjetivo e menos prático, de conteúdo.

Veja o vídeo, abaixo, comparando as versões do Final Fantasy VII e Final Fantasy VII Remake:

Você curtiu o conteúdo do artigo? Se você é um gamer ligado e está sempre procurando saber mais sobre o setor, não deixe de voltar sempre ao CCM Brasil! Aqui, sempre tem novidades e curiosidades interessantes para você 'ficar por dentro'.

Foto: © Ron Lach

Veja também
Este documento, intitulado 'Como diferenciar Remake e Remaster em videogames', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Assine nossa newsletter!