As marcas HTML

Julho 2015

HTML, uma linguagem de marcação

O HTML não é uma linguagem de programação. Trata-se de uma linguagem que permite descrever a fomatação da página e a forma de um conteúdo redigido em texto simples.


Uma página HTML é assim um simples ficheiro texto que contém marcas (às vezes chamadas balizas, indicadores, marcas ou tags em inglês) que permitem formatar o texto, as imagens, etc.

Como utilizar as marcas HTML ?

Uma marca é um elemento de texto (um nome) precedido do carácter menor do que (<) e seguido do carácter maior do que (>). por exemplo “<H1>”.

As marcas HTML não são não sensíveis à diferença entre maiúsculas e minúsculas, quer dizer que podem ser escritas indiferentemente em minúsculas ou em maiúsculas!

As marcas HTML funcionam em par para agir sobre os elementos que enquadram. A primeira chama-se “marca de abertura” (às vezes marca que abre) e a segunda “marca de fecho” (ou encerramento). A baliza que fecha é precedida do carácter/) :

<marqueur> o seu texto formatado </marqueur>


Por exemplo, as marcas <b> e </b> permitem pôr a negrito o texto que enquadram :
<b> Este texto está em negrito </b>

As balizas HTML podem às vezes ser únicas: a baliza <br>, por exemplo , representa um regresso à linha.

Para ser o mais parecido possível com o standard XHTML (muito mais estrito que o standard HTML), é aconselhável utilizar a notação seguinte: <br/>.

Imbricação das balizas

As balizas HTML têm a particularidade de poderem ser encaixadas de maneira hierárquica para permitir a cumulação das suas propriedades. Por outro lado, a sobreposição de balizas não é tolerada pelo standard HTML. Eis um exemplo de texto formatado com balizas encaixadas:

<i><u>Comment ça Marche</u>, enciclopédia informática libre</i>


O exemplo acima dá o resultado seguinte:

<u>Comment ça Marche</u>, enciclopédia informática livre

Em contrapartida, o exemplo abaixo não está correcto:

<i><b>Comment ça Marche</i>, encyclopédie informatique libre</b>

Noção de atributo

Um atributo é um elemento, presente na marca de abertura, permitindo definir propriedades suplementares. Os atributos apresentam-se, na maior parte do tempo, como um par chave=valor, mas certos atributos às vezes são definidos apenas pela chave.

Eis um exemplo de atributo para a baliza <p> (marca que define um parágrafo), permitindo especificar que o texto deve ser alinhado à direita:
<p align= " right " >Exemple de paragraphe</p>
Cada marca pode comportar um ou vários atributos, podendo cada um ter nenhum, um ou vários valores.

Espaços, salto de linha e tabulações

A linguagem HTML não tem em conta o espaços, as tabulações e os saltos de linha ou, mais exactamente, considera uma sequência de um ou vários espaços/tabulações/salto de linha como um só espaço. Isto permite nomeadamente de espaçar o código HTML para ser mais legível, sem estar a alterar a aparência da página HTML no navegador. Há uma excepção para o código contido em balizas

, cujo objectivo é precisamente     
conservar a formatação do texto (espaços, saltos de linhas,     
etc.)!     

Nota: existe uma excepção para o código contido em balizas <PRE>, cujo objectivo é precisamente conservar a formatação do texto (espaços, saltos de linhas, etc.)! etc.) !

Os dois códigos HTML seguintes dão assim o mesmo resultado : <pre class="code">Exemplo de código HTML


Exemplo de código HTML


A linguagem HTML possui, em contrapartida, elementos que permitem expressamente definir cada um destes elementos de configuração:

  • Espaço insecável : trata-se de um espaço que não pode ser quebrado por um fim de linha. A sua representação em HTML é &nbsp;.
  • Salto de linha manual : trata-se de um salto de linha explícito. A sua representação em HTML é <br> (<br/> para estar conforme ao XHTML).

Notar : A marca <NOBR> </NOBR> permite pelo contrário
impedir o regresso automático à linha realizado pelo navegador!

Comentários

É possível acrescentar elementos de informação numa página web sem que estes sejam afixados no ecrã graças a um jogo de marcas específico, chamado narcas de comentários.

<!-- Eis um comentário -->



As marcas de comentários permitem pôr em comentário texto, mas podem igualmente servir para comentar o código HTML.

Nota : existe uma excepção para o código contido em balizas <PRE>, cujo objectivo é precisamente conservar a formatação do texto (espaços, saltos de linhas, etc.)!

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
As-marcas-html .pdf

Veja também


HTML Markup
HTML Markup
Marcado HTML
Marcado HTML
 HTML-Tags
HTML-Tags
Balise HTML
Balise HTML
Tag HTML
Tag HTML
Este documento, intitulado « As marcas HTML »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.