Bus PC Card (PCMCIA)

Julho 2015

O bus PC Card

O bus PC Card foi inventado em 1989 pelo consórcio PCMCIA (Personal Computer Memory Card International Association, daí o nome dado às vezes ao bus) a fim de aumentar as capacidades de acolhimento de periféricos dos computadores portáteis.

Características técnicas

Os periféricos PCMCIA têm o formato de um cartão de crédito (54 mm por 85 mm) e possuem um conector de 68 pinos.



Existem três tipos de factor de forma (form fator) que correspondem a três espessuras standard :


TipoLargura (mm)Comprimento (mm)Espessura (mm)
PC Card Type I54853.3
PC Card Type II54855.0
PC Card Type III548510.5


Os cartões de tipo I são utilizados geralmente para cartas de extensão de memória. Os cartões de tipo II servem habitualmente para periféricos de comunicação (modem, placa de rede, carta rede sem fios) e pequenos discos duros. Por último, os cartões de tipo III, muito mais espessos, em geral são reservados para periféricos que contêm elementos mecânicos (discos duros de grande capacidade).

CardBus

A partir de 1995, a norma CardBus (às vezes chamada PC Card 32-bit) apareceu, permitindo transferências de dados em 32 bits, cadenciados a uma frequência de 33 MHz com uma tensão de 3V (contra 5.5 para o PCMCIA).

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Bus-pc-card-pcmcia .pdf

Veja também


The PC Card bus (PCMCIA)
The PC Card bus (PCMCIA)
El bus PC Card (PCMCIA)
El bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Bus PC Card (PCMCIA)
Este documento, intitulado « Bus PC Card (PCMCIA) »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.