0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Como conseguir passagens mais baratas no Google Flights

Está planejando sua próxima viagem? Normalmente, o principal gasto de uma viagem são as passagens aéreas. Assim, encontrar bilhetes mais baratos é fundamental e o Google Flights (Google Voos) pode ser um grande aliado nessa busca. Além de uma interface intuitiva como outros serviços da empresa, o Google Flights também possui recursos que facilitam que você encontre o menor preço dentro das suas necessidades. Confira a seguir as principais dicas para encontrar passagens mais baratas na ferramenta.




Como usar o Google Flights

Usar o Google Flights é muito simples. Acesse o site e você verá logo a barra para determinar origem e destino, duração da viagem - em caso de passagem de ida e volta - e número de viajantes. Basta inserir os dados nos campos exibidos e clicar em Pesquisar quando todas as informações estiverem como você deseja. Nada mais fácil:



Na página seguinte, você verá em destaque as viagens de ida com melhor preço dentro das escolhas que você fez de destino e datas. Com o monitoramento de preços que ele faz, o Google Flights também consegue informar (veja na parte inferior da imagem a seguir) se o preço está dentro da média para esse trajeto:


Dicas para pesquisar passagens no Google Flights

O Google Flights é um dos muitos buscadores de passagens aéreas da internet. Porém, ele possui algumas vantagens em relação aos seus concorrentes. Entre elas, a interface intuitiva e simples que caracteriza todas as demais ferramentas do Google, uma ampla base de dados de voos de centenas companhias aéreas e diversos filtros para encontrar a melhor passagem para você.

Use a navegação em modo anônimo

Essa é uma dica bastante importante. Antes de começar suas buscas no Google Flights, acesse o modo anônimo do seu navegador. Com isso, o site não terá acesso aos cookies do browser. Em geral, os cookies - especialmente quando você tem buscado com frequência um certo destino - podem acabar aumentando os valores exibidos para você. Assim, acesse o Flights sempre em modo anônimo.

Aumente o número de partidas e destinos

A depender dos seus locais de origem e destino, você pode adicionar cidades extras para aumentar a quantidade de voos buscados e, consequentemente, suas chances de encontrar preços mais em conta.

Por exemplo, se você estiver saindo do Rio de Janeiro, pode inserir São Paulo e Belo Horizonte como origens alternativas. Por outro lado, se seu destino é Paris, pode escolher aterrissar em Londres ou Bruxelas, cidades próximas, ou buscar outros países e ajustar sua viagem com base no valor das passagens.

Para fazer isso, clique no campo de origem ou destino e pressione o botão + (sinal de mais) para poder adicionar novas cidades:



Contudo, fique atento a um detalhe importante: o aeroporto de destino. Muitas vezes, principalmente nas companhias low-cost (baixo custo), os voos mais baratos são para aeroportos muito distantes das cidades de destino ou mesmo fora delas. Isso pode acabar se tornando uma dor de cabeça e gasto extra de traslado. Assim, atenção ao local em que você chegará.

Busque as datas com preços mais baixos

Outra excelente funcionalidade do Google Flights é a possibilidade de visualizar rapidamente os dias com passagens mais baratas. Não hesite em usá-la para gastar menos se você tiver liberdade para definir quando sua viagem ocorrerá. Para fazer isso, é muito simples. Após fazer sua pesquisa inicial, clique nas datas na parte superior da tela para abrir o calendário.

Você verá o valor mais baixo de cada um dos dias. Para percorrer o calendário, utilize as setas para esquerda e direita. Na parte de baixo, você também poderá ajustar a duração da viagem para tentar encontrar voos com preço mais baixo:


Use os filtros para refinar suas buscas

Para concluir, você também pode aplicar diferentes filtros à pesquisa para refinar os resultados e encontrar exatamente o que você está buscando. Os filtros aparecem logo abaixo da barra de origem e destino. Entre eles, está o filtro Escalas, onde você pode selecionar somente voos diretos, por exemplo:



Você também pode, entre outras opções, selecionar companhias aéreas específicas, exibir apenas voos que deem direito a despacho de bagagem e determinar horários de decolagem.

Foto: © primagefactory - 123RF.com

Este documento, intitulado 'Como usar o Google Flights', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Receba toda semana o melhor conteúdo

Assine nossa newsletter!