Google melhora a busca "Entre Aspas": veja como ficou

O Google, melhorou o mecanismo de busca usando palavras-chave entre aspas. Assim, as páginas de resultados destacarão melhor a seção dos sites que contém expressões e citações exatas. Fique conosco e continue lendo o artigo para saber tudo sobre o recurso atualizado no algoritmo do Google Search.

A estratégia do Google

No campo da pesquisa na web, o Google domina amplamente seus concorrentes, como Yahoo, Bing, Qwant ou DuckDuckGo. E para ficar sempre na frente, o gigante da web atualiza regularmente seus algoritmos enquanto adiciona silenciosamente novas funções ao seu mecanismo. Apesar de ser uma pequena melhoria, ela é, certamente, útil e muito prática para colocar palavras, nomes ou uma frase entre aspas – por exemplo, “como funciona” – para exibir nos resultados apenas as páginas que contenham a expressão exata. A ferramenta é uma opção inteligente para refinar a busca, fornecendo sobretudo resultados relevantes e, também, encontrar a fonte exata de uma citação em um artigo. Ao digitar uma citação entre aspas, por exemplo, o mecanismo destaca diretamente os locais no site onde ela está escrita. Genial, não é?

Como funciona o "Entre Aspas" na busca de citações e de resultados precisos do Google

Talvez a maioria dos usuários nem notarão o recurso, mas ele tem o mérito de facilitar a localização de elementos, entregando resultados com o alvo bem definido. Antes, é bem verdade, o Google realmente mostrava resultados que incluíam a palavra ou frase citada. No entanto, o pequeno trecho na descrição não indicava exatamente onde estava a frase. As visualizações agora mostram diretamente onde a citação foi escrita, exibida em negrito: você pode então identificá-lo, facilitando muito encontrá-lo depois de clicar no link e visitar o conteúdo. O melhor de tudo é que você não precisa abrir um site e pesquisá-lo para encontrá-lo, pois ele é exibido no resumo do resultado, você pode vê-lo sem entrar nele. O engenheiro Yonghao Jin, em uma postagem no blog sobre as atualizações do Google, explica que a ferramenta foi atualizada após muitos pedidos dos usuários:

O que se deve considerar no uso do "Entre Aspas", porque nem tudo é perfeito

Algumas ressalvas devem ser consideradas, de acordo com Yonghao Jin. Se uma página web contiver o termo citado ou snippet (trecho em português) várias vezes, “o snippet pode não exibir todos eles se for for muito distante.”

Assim, se algumas citações estão presentes em um site, mas não são diretamente visíveis na página, no momento em que o algoritmo explora os metadados da página alvo, ou descrição de uma imagem ou o URL, por exemplo. Isto pode estar relacionado com várias situações, por exemplo, a página pode ter sido modificada desde a última visita do Google e não conter mais a citação. A pontuação também deve ser considerada, o que às vezes pode alterar a busca.

Os termos em negrito são principalmente exclusivos da Pesquisa Google para computador. O texto em negrito não aparecerá em snippets encontrados em determinados modos de pesquisa, como imagens ou notícias, ou em dispositivos móveis.

No entanto, e sem dúvidas, é esse tipo de pequena melhoria que permite que o Google permaneça no topo dos buscadores.

Foto: © commentcamarche.net

Este documento, intitulado 'Google melhora a busca de frases precisas com "Entre Aspas": veja como ficou', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Assine nossa newsletter!