Gerenciar partições no Windows

Julho 2016

Para quem quiser gerenciar suas partições no Windows XP, Vista ou Seven sem carregar nenhum software adicional, veja como fazê-lo neste tutorial.


Acessar o gerenciador de disco

O procedimento é o mesmo para os três sistemas: menu Iniciar e,depois, clique com direito em Computador > Gerenciar:


Você se encontra no gerenciador do computador. Clique em Gerenciamento de disco, que se encontra no item Armazenamento , no menu esquerdo:


Particionar seu disco

Reduzir uma partição

Esta parte não é válida para o Windows XP.

Clique com o botão direito do mouse na partição a ser dividida e, depois em, Diminuir volume:


Uma janela vai aparecer e perguntar quanto espaço você quer reduzir da sua partição, escreva este tamanho em (1000 MB = 1 GB) e, em Diminuir:


Agora, você tem um espaço não alocado. Para usar esse espaço, é preciso criar uma partição ou aumentar uma antiga.

Criar uma partição a partir de um espaço não alocado

O procedimento a seguir é explicado nesta dica: Criar uma nova partição com o gerenciador dos discos Windows.

Aumentar uma partição a partir de um espaço não alocado

Esta parte também não é válida para o Windows XP.

Clique com o botão direito do mouse, na partição que você quiser aumentar e, Estender volume:


O assistente de extensão de volume aparece, digite o tamanho que você quiser para estender o volume, caso você não queira utilizar toda a partição, se não, deixe o padrão:


Clique em Avançar e em Terminar:

Remover uma partição

Atenção: a remoção de uma partição apagará todos os dados presentes nela.

Para remover uma partição, clique direito na partição em questão e, em Excluir volume:


Clique em Sim para confirmar:


Limitações de particionamento com o gerenciador de discos Windows

Ele não suporta os sistemas de arquivos Ext específicos ao Linux:

Um limite de redução (apesar do espaço livre). O Windows sempre deixa uma grande margem de espaço livre que não vai abaixo do percentual do espaço total do disco.
Não é possível aumentar uma partição se o espaço não alocado se encontrar a sua esquerda.
Saibam que existem dois tipos de estruturas de partições: Primária e Extendida, uma partição extensa deve, obrigatoriamente, conter partições lógicas. O gerenciador de discos do Windows administra mal esse tipo de coisa. As condições gerais (seja qual for o método) para poder aumentar uma partição, a partir de um espaço não alocado, é: Que ela esteja ao lado do espaço não alocado ou, que ela esteja na mesma partição extensa que ele. Às vezes, no gerenciador de discos, é impossível aumentar uma partição, mesmo que haja espaço não alocado, ao lado. Isto é devido à estrutura das partições.

Exemplos com o Gparted:

Exemplo 1:

A partição P Lógica (/dev/hdb5) pertence à partição extendida (/dev/hdb1) e só é extensível a partir do espaço não alocado que se encontra à sua direita (na mesma partição aumentada). No Windows, não é possível utilizar o espaço não alocado à esquerda, para aumentar esta partição, diretamente. É possível com o Gparted, para isso, é preciso aumentar a partição extendida (/dev/hdb1) em primeiro lugar.

Exemplo 2:

Com esta estrutura, é impossível aumentar qualquer partição no Windows, pois:

O espaço não alocado e a partição P1 (/dev/hdb2) não têm o mesmo tipo de partição, o primeiro é primário e a segunda fica em uma partição extensa. Gparted pode fazê-lo facilmente, basta tirar o espaço não alocado, diminuindo assim a partição aumentada.
O espaço não alocado estando à esquerda da partição P Lógica (/dev/hdb5), Gparted poderá fazê-lo, mais facilmente ainda.

Veja também

Particionar um disco rígido
Novo disco rígido: o que fazer?
Modificar a letra de um leitor

Veja também :
Este documento, intitulado « Gerenciar partições no Windows »a partir de CCM (br.ccm.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.