Criar um pendrive de instalação para o OS X 10.9 Mavericks

Dezembro 2017


Os pré-requisitos

Para qualquer dúvida que você se confrontar quando estiver fazendo os procedimentos indicados neste tutorial, acesse a página de suporte do Mavericks aqui.

Saiba também quais são as versões compatíveis com esse procedimento: iMac (meio de 2007 ou mais recente); MacBook (fim de 2008 em alumínio, início de 2009 ou mais recente); MacBook Pro (metade/fim de 2007 ou mais recente); MacBook Air (fim de 2008 ou mais recente); Mac mini (início de 2009 ou mais recente); Mac Pro (início de 2008 ou mais recente); Xserve (início de 2009).

Quais são as configurações necessárias

Você deverá ter no mínimo OS X versão 10.6.8 ou posterior; 2 Gb de memória; 8 Gb de espaço disponível. Certas funcionalidades precisam de um ID da Apple; sujeito à condições e outras requerem um fornecedor de acesso à Internet compatível, taxas de inscrição podem ser aplicadas.

Como atualizar o sistema a partir de uma versão anterior

A partir do OS X Snow Leopard: se você tiver o Snow Leopard (10.6.x), instale a versão mais recente do OS X Snow Leopard antes de baixar o OS X Mavericks no Mac App Store. Clique no ícone da Apple e selecione Atualização de Software para instalar o OS X Snow Leopard 10.6.8, a versão mais recente.

A partir do OS X Leopard: se você tiver o Leopard e quiser passar para o OS X Mavericks, você deve primeiro instalar o OS X Snow Leopard. Você pode comprar o OS X Snow Leopard aqui.

Como baixar o Mavericks - OS X 10.9

Abra o Mac App Store e clique em OS X Mavericks depois em Download e siga as instruções na tela para instalá-lo. Se você não tiver uma conexão de banda larga, acesse a Apple Store, para obter ajuda para o download.

É preciso ter, pelo menos, 4 Gb de RAM instalada, dispor de uma conta iCloud e anotar seu ID (Apple ID) > iCloud. Você deve ter 2 pendrives de 8 GB, ou de um pendrive de 8 Gb e um disco externo.

Para começar, vá em Finder > Preferências > Barra lateral e verifique na categoria Dispositivos se as caixas Discos rígidos e Discos externos foram assinaladas. Isto será útil para mais tarde.

Etapa 1 - Download do Mavericks

Execute o aplicativo da App Store e se você não estiver conectado em sua sessão, faça-o com os seu ID da conta do iCloud. Clique no OS X Mavericks e no botão Download (cerca de 5,3 GB de download). Depois que o pacote de instalação bruto tenha sido baixado, a janela de instalação será iniciada automaticamente, mas ainda não clique em Continuar. Na barra de menu, vá em Instalação do OS X > Fechar Instalação do OS X. Localize na sua pasta de Aplicativos o pacote bruto de instalação chamado Instalar OS X Mavericks

Copie este aplicativo (é realmente um aplicativo) em um dispositivo externo (disco externo ou um dos pendrives de 8GB). O objetivo é mantê-lo intacto para o futuro.

Etapa 2 - Preparar o pendrive de instalação

Insira o seu pendrive virgem em uma porta USB e lance o utilitário de disco que se encontra em Aplicativos > Utilitários. Na coluna lateral esquerda do Utilitário de Disco, selecione o seu pendrive - não a partição já existente, mas o próprio pendrive - com o nome do fabricante e a indicação de sua capacidade. À direita na janela, clique no botão Partição e na área Esquema de Partição você verá um botão indicando Atual.

Clique no botão Atual e escolha 1 Partição. Clique em Opções ... na parte inferior desta área. Selecione GUID no alto das 3 melhores opções e pressione o botão OK. Confirme que o formato escolhido é o Mac OS Extended (Journaled). Clique no botão Aplicar no canto inferior direito, Valide a confirmação e deixe a operação se fazer. Neste ponto, o pendrive está pronto.

Agora é preciso tornar visíveis os arquivos do sistema, que normalmente são invisíveis. Para isso, usaremos um freeware simples e prático, o iTweax. Execute-o e clique no botão Tweaks. Marque a caixa Show Hidden Files and Folders e clique no botão Apply. Você verá agora, por toda parte, vários arquivos cujo nome começa com um ponto: não mexa!

Etapa 3 - Extração de arquivos úteis

Para maior comodidade, alinhe lado a lado as janelas do Finder e do Utilitário de Disco. Vá na sua pasta de Aplicativos, clique direito no aplicativo Install OS X Mavericks e escolha Mostrar o conteúdo do pacote. A partir da pasta Conteúdo, navegue até SharedSupport para ver o arquivo InstallESD.dmg. Clique duas vezes nesta imagem de disco para o subir no Finder. Deixe a verificação de integridade ser feita - a imagem de abertura da imagem de disco diz para Verificar e depois de montado, o conteúdo visível mostra uma outra imagem de disco, chamada desta vez de BaseSystem.dmg,. (Note a presença de um arquivo chamado Pacotes ao lado. Vamos usá-lo mais tarde.

Esta imagem de disco está acinzentada porque normalmente ela é invisível. Clique direito e escolha Abrir, porque não podemos montá-la com o clique duplo. Mais uma vez, deixe a verificação ser feita. Neste ponto, temos duas imagens de disco montadas na coluna da esquerda do Finder e, também, na coluna da esquerda do Utilitário de Disco. Uma é chamada OS X Instalação ESD e a outra, saída da primeira, de OS X Base System. Para evitar uma possível confusão em outras operações: na coluna da esquerda do Finder, arraste o item OS X Base System na parte superior da guia Dispositivos e volte para a janela do Utilitário de Disco.

Clique na linha BaseSystem.dmg para selecioná-la; agora ela aparecerá destacada em azul. Clique no botão Restaurar no lado direito da janela. Arraste para a área Destino a partição do pendrive e não o pendrive. Esta partição se chama Untitled (Sem nome) ou o nome que você deu a ela, na fase de preparação do pendrive.Verifique se você tem a área Fonte preenchida pelo BaseSystem.dmg e a área Destino, pelo nome da partição do pendrive. Clique no botão Restaurar no canto inferior direito da janela e confirme o pedido da janela seguinte clicando no botão Apagar. O sistema vai pedir a sua senha de administrador do Mac (a senha da sua sessão). Você deverá digitá-la e clicar em OK. O processo vai começar, aguarde até terminar.

Etapa 4 - Finalizar o pendrive

O pendrive está quase pronto, ele é uma cópia fiel da imagem de disco OS X Base System original que usou um arquivo localizado em outro lugar e isso, através de um pseudônimo. Por isso, você deverá remover esse pseudônimo e substituí-lo pelo arquivo original. Este pseudônimo é chamado de Pacotes e fica no OS X Base System > System > Instalação. A pasta original útil, está na imagem de disco InstallESD.dmg montada. Trata-se da pasta Pacotes, que fica ao lado da imagem de disco cinza, chamada BaseSystem.dmg, pasta mencionada acima .

Vamos modificar o conteúdo do pendrive, mas não o conteúdo das imagens de disco originais usada para construir o pendrive. Para evitar qualquer erro de manipulação, vamos ejetar a imagem do disco que não devemos mexer. Mais acima, foi dito para arrastar para o topo da guia Dispositivos na coluna da esquerda do Finder, a imagem de disco chamada OS X Base System; foi uma boa forma para diferenciá-la da imagem de disco com o mesmo nome e também visível na guia Dispositivos e que corresponde ao pendrive recém-criado.

Vá no Finder e na coluna da esquerda, ejete a imagem de disco OS X Base System que está no topo da lista. Nesta fase, você só deverá ter duas imagens de disco montadas: uma imagem de disco chamada OS X Install ESD, saída do seu pacote de instalação original, uma imagem de disco chamada OS X Base System, que é o seu pendrive montado. Volte para o seu pendrive, ou seja, para o OS X Base System. Navegue em Sistema > Sistema > Instalação, ejete o arquivo pseudônimo chamado Pacotes e esvazie a lixeira.

Vá na imagem de disco InstallESD.dmg e selecione a pasta Pacotes. Combine as teclas CMD + C para copiá-la. Volte para OS X Base System > Sistema > Instalação. Agora, combine as teclas CMD + V para colar o arquivo aqui (ele substitui o pseudônimo). Espere copiar o arquivo inteiro. Ele é muito pesado e pode levar algum tempo. Foi indicado o método Copiar-Colar mas, obviamente, o método arrastar-largar também funciona mas, com o primeiro há menos risco de erro de manipulação, caso você tenha várias janelas abertas. Depois de efetuar todas essas etapas, o seu pendrive deve estar operacional.

Agora você pode ejetar as duas imagens de disco a partir do Finder e, novamente, ocultar os arquivos do sistema com o iTweaX.

A execução de uma instalação a partir de zero pode ser feita de duas maneiras:

Vamos lançar o Mac a partir do pendrive (tecla ALT pressionada na inicialização enquanto o pendrive estiver sendo inserido, em seguida, a escolha do pendrive ... etc). Em seguida, para começar, ignoramos a janela de instalação que aparece e vamos na barra de menus para selecionar o Utilitário de Disco.

Aqui, duas opções são possíveis: ou nos contentamos de excluir (formatar) a partição de trabalho padrão do disco rígido ou refazemos a partição do novo disco rígido novamente, conforme esquema GUID. Qual a diferença?

No primeiro caso, conservamos uma eventual partição de backup existente e no segundo caso, removemos essa partição e ficamos com o Mavericks totalmente instalado e funcionando, mas sem partição de backup. Se isso ocorrer com você, a solução é muito simples.

Basta colocar o pacote bruto de instalação da App Store na pasta Aplicativos e reiniciar a instalação. Em seguida, vamos instalar o Maverciks sobre o Mavericks e encontramos uma partição de backup no seu disco rígido. É bom saber, porque podemos precisar desta partição de backup, quando não tivermos o nosso pendrive à mão (Mac laptops), mas também, e sobretudo, a presença da partição de recuperação é necessária para que a função Localizar meu Mac das preferências do iCloud seja possível.

Foto: © Apple.
Artigo original publicado por deri58. Tradução feita por pintuda. Última modificação: 7 de novembro de 2017 às 13:56 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Criar um pendrive de instalação para o OS X 10.9 Mavericks', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Redefinir a senha no iOS (Lion e Mountain)
Barra vertical no Mac