Compressão de um vídeo (codecs)


O que é um codec


Uma imagem de um vídeo não compactada ocupa uma tamanho de cerca 1 Mo. Para obter um vídeo mais fluido, é necessário ter uma frequência de pelo menos 25 ou 30 imagens por segundo, o que produz um fluxo de dados de cerca de 30 Mo/s, ou seja, mais de 1.5 Go por minuto. É evidente que este tipo de débito não é totalmente compatível com os espaços de armazenamento dos computadores pessoais, nem mesmo com as conexões de rede de particulares ou de pequenas ou médias empresas.

Assim, para superar esta dificuldade, é possível recorrer a algoritmos que permitem reduzir significativamente os fluxos de dados compactando/descompactando os dados vídeo. Estes algoritmos são denominados de Codec (Compressão/Descompressão).


O M-JPEG


A primeira ideia que surge ao nos interessarmos pela compressão de imagens, é aplicar este tipo de método a uma sucessão de imagens digitais (animação ou vídeo).
O princípio da Motion JPEG (ou seja, MJPEG ou M-JPEG, a não confundir com o MPEG) consiste em aplicar sucessivamente o algoritmo de compressão JPEG às diferentes imagens de uma sequência vídeo.

Dado que o M-JPEg codifica separadamente cada imagem da sequência, ele permite acessar aleatoriamente qualquer parte do vídeo. Assim, o seu débito de 8 a 10 Mbps o torna- utilizável nos estúdios de montagem digital.

Este documento, intitulado 'Compressão de um vídeo (codecs)', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.