Sua avaliação

Free Doc Xls PPT Txt to Pdf Converter

10 vote - 4.5 /5
Comentar
Editor:
Versão:
5.8 (última versão)
Free Doc Xls PPT Txt to Pdf Converter
Windows 2000 Windows XP Windows Vista - Inglês
Este programa leve e prático ajudará você em suas conversões de arquivos Doc, Xls, PPT e txt para o formato Pdf com poucos cliques. Ele tem um suporte em português facilitando a sua compreensão e utilização.
Baixar e instalar este programa é extremamente simples sem necessidade de configurações complicadas para funcionar.
Quando você terminar sua instalação aparecerá uma janela onde você poderá escolher a versão: gratuita com algumas limitações ou a versão paga com todas as funções.

Aqui estão algumas características-chave de "Free Doc Xls PPT Txt Para Pdf Converter":


· Batch Convert Word, DOC, DOCX, DOCM para PDF
· Lote Convert Excel, XLS, XLSX, xlsm para PDF
· Batch Convert PowerPoint, PPT, PPTX, PPTM para PDF
· Batch Converter RTF, TXT para PDF
Converta diversos formatos de arquivo para um formato de uma só vez
· Qualidade de saída excelente e velocidade super alta
· Manter o estilo original
· Projetado para novatos e veteranos




Veja também

Ortografia alternativa: free_doc_xls_ppt_txt_to_pdf_converter-5.8.exe, free_doc_xls_ppt_txt_to_pdf_converter.exe
Última modificação: 16 de agosto de 2012 às 01:09.
Adicionar comentário

Comentários


Os Prós Otiamo programa de conversão de documentos:fiel ao original e a paginação Muito compretente naquilo que promete

Os Prós Esse software ai não é completo, não tem a opção de idioma em português que é apontada no site e apresentou problemas quando tentei executar e depois converter!!

Os Prós Todo em portuguê! que felicidade!!!!! Tudo fica simples para a conversão. grande ajuda para o escritorio! Programa a ser baixado
Posts
70
Data de inscrição
domingo 14 de junho de 2009
Status
Membro
Última visita
16 de setembro de 2010
324
Os Prós Bom conversor, fiel na transferência de um formato ao outro. A paginação continua igual. Muito bom
Ver todos os 8 comentários
Comentar a resposta do Ana Spadari