0
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

O que sabemos sobre a possível versão paga do Twitter

Começou a circular nos últimos dias a informação de que o Twitter planeja lançar o chamado Twitter Blue, uma versão paga que inclua alguns recursos adicionais muito pedidos pelos usuários da rede social. Essa medida, caso seja confirmada, é uma tentativa do Twitter de aumentar seu faturamento e se insere no conjunto de novidades lançadas recentemente pela empresa.

Quando o Twitter Blue será lançado

O Twitter Blue ainda é um rumor e seu desenvolvimento não foi confirmado pela rede social. As primeiras informações sobre essa iniciativa da rede social foram divulgadas pela pesquisadora Jane Manchun Wong, que costuma acertar suas previsões.

No entanto, ainda não é possível apontar uma data para o lançamento oficial dessa novidade, nem mesmo se a versão paga estará disponível no Brasil desde o início da sua liberação. O mais provável é que o Twitter Blue seja inicialmente testado para usuários ou mercados selecionados.

Quanto custará o Twitter Blue

Ainda de acordo com Manchun Wong, a assinatura do Twitter Blue terá como preço inicial 2,99 dólares por mês (R$ 16). Vale reforçar que ainda há confirmação da própria rede social sobre essa informação. Essa, aliás, é uma característica do Twitter, que não costuma comentar rumores nem o desenvolvimento de seus produtos.

Quais os recursos do Twitter Blue

Até o momento, dois recursos do Twitter Blue foram divulgados de maneira extraoficial. O primeiro é a possibilidade de desfazer um tweet por alguns segundos logo depois da publicação. Uma barra de progresso clicável permitirá que o usuário reverta a postagem do comentário no feed. Não se sabe se será possível editar as publicações, uma velha demanda dos usuários do Twitter.

Outra novidade anunciada pela pesquisadora é a organização de tweets favoritados, permitindo que o usuário encontre com mais facilidade os conteúdos salvos quando quiser. Além disso, é muito provável que a versão paga do Twitter não tenha anúncios, já que a renda da rede social será obtida pela assinatura do usuário.

Foto: © Alexander Shatov - Unsplash.

Este documento, intitulado 'O que sabemos sobre a possível versão paga do Twitter', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Receba toda semana o melhor conteúdo

Assine nossa newsletter!