14
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

As variáveis em C++

Todos os programas precisam, em algum momento, armazenar dados inseridos pelo usuário. O valor desses dados é representado nas linhas de comando no que chamaos de variáveis. Na linguagem C++, como em qualquer outra linguagem, essas variáveis devem ter um tipo, que é associado a ela para que o programa possa fazer a compilação correta. É importante levar em conta que não é possível mudar o tipo de uma variável depois que ele é definido.

Tipos de variáveis

Existem vários tipos de variáveis e cada uma corresponde a um tamanho máximo de números, caracteres ou, inclusive, uma verdade. Os principais tipos são char, int, double, float e bool. Além disso, a linguagem C++ também permite a modificação de algumas das propriedades de cada tipo. Entram em cena os chamados modificadores - os mais utilizados são short, long, signed e unsigned, que podem ser combinados.

Bool: em geral, utiliza 1 byte da memória e os valores True ou False.

Char: em geral, utiliza 1 byte da memória, permite armazenar um caractere ou uma cadeia de caracteres.

Int: em geral, utiliza 4 bytes de memória e armazena números inteiros (sem casas decimais) com valores que vão de -2.147.483.648 a 2.147.483.647.

Double: em geral, utiliza 8 bytes de memória e armazena números com menos de 15 casas decimais com valores que vão de 2.2e-308 a 1.79e308.

Float: em geral, utiliza 4 bytes de memória e armazena números com menos de seis casas decimais com valores de vão de 1.2e-308 a 3.4e-38.

Quanto aos modificadores, eles alteram a faixa de valores. Por exemplo, unsigned aceita apenas valores com sinal positivo. O modificador long garante que o tipo terá comprimento de 32 bits enquanto short restringe a 16 bits.

Esses modificadores aplicam-se somente aos tipos int e char, com exceção do long, que também pode ser empregado no tipo double. O tamanho das variáveis também pode variar conforme as especificações do computador.

Declaração e atribuição das variáveis

Para declarar uma variável, basta indicar o seu tipo seguido do seu nome. Existem várias convenções sobre o nome das variáveis. Alguns preferem separar as diferentes partes do nome com _ (traço baixo). Outros preferem escrever uma letra maiúscula para separá-los. Exemplo:

int receitaMês;
ou
int receita_mês;

O importante é ser coerente e utilizar sempre a mesma convenção para os seus próprios programas.

Ao declarar uma variável, você também pode atribuir um valor para ela. Para isso, basta inserir o sinal de igual (=) e o valor da variável apresentada:

int receitaMês = 12301;

Você também pode fazer várias declarações em uma mesma linha mas, neste caso, todas as variáveis da linha terão o mesmo tipo:

int receitaMês = 12301, receitaAno = 45644545;

Erro ao definir um tipo de variável (inteiros sem sinal)

O que acontece se o tipo que escolhemos for muito pequeno? Se o número for maior que o máximo permitido pelo tipo, o valor da variável será o valor mínimo permitido por esse tipo. Veja o que ocorre:

unsigned short int número = 65535; 
cout << número << endl; 
número++; 
cout << número << endl;

Se você executar esse código, a segunda linha não escreverá 65.536, mas sim 0. Isso vale para todos os tipos.

Erro ao definir um tipo de variável (inteiros com sinal)

Para os números inteiros com sinal, vale a mesma lógica. Ao atingir seu tamanho máximo, a variável retorna seu valor mínimo:

short int número = 32767; 
cout << número << endl; 
número++; 
cout << número << endl;

Se você executar esse código, a segunda linha não escreverá 32.768, mas sim -32.768.

Foto: ©123RF

Veja também
Este documento, intitulado 'As variáveis em C++', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Receba toda semana o melhor conteúdo

Assine nossa newsletter!