3
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Alternativas gratuitas ao Dreamweaver

O Adobe Dreamweaver é um excelente software de criação de páginas na internet. Contudo, seu preço pode não ser acessível para quem está começando ou apenas deseja criar um site para seu negócio. Conheça opções gratuitas a essa ferramenta.



Para não precisar pagar o alto valor cobrado pela Adobe para utilizar o Dreamweaver, existem alguns softwares gratuitos na internet para a criação de sites com funcionalidades tão boas e completas quanto o programa pago. Conheça alguns deles.

Kompozer

O Kompozer é a evolução do software NVU. Ele é um programa simples para criação de páginas HTML que já foi diversas vezes comparado ao Dreamweaver dada a riqueza de seus recursos. Baixe o programa aqui.

WordPress

O WordPress é a solução de criação de sites mais adaptada para usuários que não tenham conhecimentos de programação em HTML ou outra linguagem. Isso porque a codificação é automática, exigindo apenas que o usuário selecione os temas e a diagramação da página. O sistema cuida de todo o resto. Baixe o programa aqui.

Aptana Studio

O Aptana Studio tem como grande diferencial a possibilidade de criar páginas da internet nas mais diferentes linguagens de programação, tais como HTML, CSS, Javascript. O software também tem código aberto, permitindo que qualquer usuário realize alterações para seu melhor uso. Baixe o programa aqui.

Notepad++

Notepad++ é um software bem similar ao Aptana em suas funcionalidades: possui código aberto e suporta diversas linguagens. Também se destaca seu sistema de abas, permitindo organizar seu trabalho de modo mais eficiente. Baixe o programa aqui.

Foto: © Monsit Jangariyawong - 123RF.com

Veja também

Este documento, intitulado 'Equivalente ao Dreamweaver (gratuito)', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

1 Comentário