4
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Montagem de um PC: escolher componentes compatíveis entre eles

Na montagem de um PC, a escolha dos componentes é a parte mais difícil. A principal razão é a compatibilidade entre eles. Esta dica pretende mostrar o que você precisa saber para não esbarrar em problemas de compatibilidade. Quais elementos devo observar no momento da escolha dos componentes?</ital>




A placa-mãe

Você deverá considerar na escolha dos componentes:

O soquete do processador

Trata-se do suporte do processador, presente na placa-mãe. O soquete suportado pela placa-mãe deve ser o mesmo do processador. Não podemos montar um processador Intel com uma placa básica AMD e vice-versa.

Esta compatibilidade é essencial na hora de montar o computador. Por exemplo, uma placa-mãe com soquete Intel LGA1150 só suportará processadores LGA1150. Cuidado, no entanto, um processador com um soquete LGA1155 não será compatível com uma placa-mãe que suporte um soquete LGA1150 e vice-versa.

É necessário revisar a documentação da CPU para garantir que nossa placa básica é compatível. Os soquetes do processador variam de acordo com a compatibilidade baseando-se na generação, no rendimento ou os pinos. Por exemplo, o soquete LGA1150, compatível co os processadores de 9ª geração, têm 1150 pinos.

Assim, o objetivo é verificar a geração do processador e buscar o soquete compatível com ele. Deve-se levar em conta, também, que existem soquetes compatíveis com gerações anteriores, como é o caso do AM4 da AMD.

RAM: qual é a memória viva suportada

Quanto à RAM, existem várias coisas a serem observadas:

  • A frequência máxima suportada pela placa-mãe e processador (1066Mhz, 1333Mhz, 1600Mhz, 1866Mhz, 2133Mhz).

  • O tipo de RAM suportada (por exemplo: DDR, DDR2, DDR3, DDR3L, DDR4).

  • A quantidade máxima de RAM suportada pela placa-mãe (por exemplo, 16 GB no máximo).

  • A quantidade máxima de RAM suportada por slot de memória (por exemplo, não mais de 8GB por slot).



No geral, basta saber o número de slot e a capacidade máxima suportada pela placa-mãe, para conhecer o limite de cada slot memória. (capacidade máxima da placa-mãe / número de slot = capacidade máxima por slot).

Também é uma boa ideia verificar se a placa-mãe é Single Channel, Dual Channel, Triple Channel ou Quad Channel. No caso de uma placa-mãe Dual Channel, por exemplo, será mais interessante usar um kit de memória consistindo em 2 barras idênticas para obter a capacidade de memória desejada e melhor desempenho do que com um único módulo de memória.

Para obter mais informacçoes sobre o Dual Channel, consulte: Como usar o modo dual channel.

Ainda assim, em caso de dúvida sobre a compatibilidade das barras com uma placa-mãe, alguns sites de fabricantes fornecem listas de compatibilidade, este é o caso da ASRock, ASUS MSI ou Gigabyte, onde são encontradas listas de kits compatíveis com placas-mãe, na documentação.

Os slots para a placa de vídeo (PCIe x16)

Você deve verificar a versão do PCIe x16 (PCI Express). Dependendo da placa de vídeo escolhida, será necessário prestar atenção à versão do PCIe x16 presente na placa-mãe.

Na verdade, essas placas de vídeo, têm um bus PCIe 3.0 (PCI Express ): mesmo que essas placas foram compatíveis com slots PCIe 2.0 (PCI Express ), elas serão mais lentas. É melhor favorecer uma placa-mãe com um slot PCIe x16 3.0. Por outro lado, será inútil optar por uma placa-mãe com um slot PCIe 3.0 (PCI Express ) para uma placa de vídeo cujo bus é indicado para PCIe 2.0 (PCI Express). Isso funcionará, mas uma placa-mãe com um slot PCIe 3.0 (PCI Express) geralmente é mais cara do que uma placa-mãe com slot PCIe 2.0 (PCI Express).

Slots de expansão (PCI e PCIe 1x/4x/8x)

Se você planeja comprar uma placa de som, uma placa Wi-Fi ou outras placas de expansão, você terá que saber quais slots estão disponíveis na placa-mãe. Existem 2 tipos de slots de expansão: PCI e PCIe (PCI Express) x1/x4/x8/x16. Dependendo dos slots que estarão disponíveis na sua placa-mãe, será necessário prestar atenção à versão do cartão de extensão que você escolherá.

Além disso, note que, se a sua placa de expansão for PCIe x1, enquanto a placa-mãe oferece apenas slots de x4 ou x8, isso não causa nenhum problema: você pode colocar sua placa em 1x, o número de conectores sendo menor e assim, o comprimento do slot, mais curto.

Foto: © Unsplash
Veja também
Este documento, intitulado 'Montagem de um PC: escolher componentes compatíveis entre eles ', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.

Assine nossa newsletter!

Receba toda semana o melhor conteúdo

Assine nossa newsletter!