Governança dos sistemas de informação


Noção de Governação

O termo “Governação” designa a capacidade de uma organização de estar em condições de controlar e regular o seu próprio funcionamento para evitar os conflitos de interesses ligados à separação entre os beneficiários (accionistas) e os actores.

O termo Governação é um termo genérico que pode declinar-se. O termo “Governação política” é utilizado no caso da interacção entre o Estado (governo) e a Sociedade (cidadãos e empresas privadas). No caso de uma empresa ou de um grupo industrial, fala-se antes de “Governação de empresa”.


O termo “Governação” tristemente popularizado nomeadamente aquando de negócios que implicam grandes grupos industriais (Enron, Swissair) nos quais desvios, como uma falta de vigilância ou confusões de papéis, conduziram à falência.

Por último, o tema recorrente da Governação de Internet refere-se ao controlo do governo americano sobre os servidores raiz (servidores centrais) do sistema de nomes de domínio que governam o próprio funcionamento da Internet.

Governação do SI

A “Governação dos Sistemas de Informação” ou “Governação informática” refere-se aos meios de gestão e regulação dos Sistemas de Informação (SI) implementados numa empresa para atingir os seus objectivos. A esse respeito, a Governação faz parte integrante da Governação da empresa.

Os métodos ITIL(IT Infrastructure Library) e COBIT são suportes que permitem pôr um sistema de informação sob controlo e fazê-lo evoluir em função da estratégia da empresa.

Este documento, intitulado 'Governança dos sistemas de informação', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (br.ccm.net) ao utilizar este artigo.