17
Obrigado

Algumas palavras de agradecimento nunca são demais.

Como saber quem está usando minha conexão WiFi


Se a conexão à internet ficou muito lenta de uma hora para outra, isso pode ser sinal de quem alguém está roubando sua Wi-Fi. Conheça alguns aplicativos para identificar os invasores e dicas para evitar que desconhecidos se conectem à sua rede.





O sinal mais evidente que alguém, além de você, está usando a sua internet é a lentidão repentina da conexão. Outra pista a ser considerada e analisada é a WLAN (a rede de área local Wireless), pelo seu indicador luminoso no roteador. Se ele continua piscando, mesmo quando todos os dispositivos domésticos estejam desconectados, é sinal que o Wi-Fi está sendo usado em algum outro dispositivo. Se você ficar desconfiado, é bem simples descobrir se, de fato, é o que está acontecendo. Existem programas que informam se alguém a mais se conectou à sua rede e ajudam a identificar o invasor, mostrando, por exemplo, o endereço IP e o nome cadastrado nele. Veja abaixo alguns aplicativos para realizar esta tarefa e truques para evitar que a Wi-Fi seja roubada novamente.

Aplicativos para descobrir quem está usando a Wi-Fi

Para computadores

- Wireshark e Angry IP Scaner compatíveis com Windows, Linux e Mac.

- Network Watcher e Microsoft Network Monitor são os mais usados, embora compatíveis apenas com a plataforma Windows.

Para dispositivos móveis

- Net Scan e Fing para iOS ou Android: os dois apps foram projetados para detectar e identificar quem roubou o Wi-Fi nos smartphones e tablets.

Programas avançados para empresa

- Whofi: é capaz de indicar quais dispositivos, e por quanto tempo, estão conectados a sua rede. Ele é ideal para empresas e comércios.

Como minimizar os riscos de invasão do Wi-Fi

Pode parecer difícil roubar sinal Wi-Fi, já que é preciso de uma senha para se conectar. No entanto, tem aplicativos, como o WiFi Hack que permitem se conectar a qualquer roteador, mesmo sem conhecer as chaves de segurança, incluindo equipamentos como antenas e amplificadores com alcance de vários quilômetros. De qualquer modo, se você tem certeza que outras pessoas estão invadindo a sua conexão, é recomendado alterar a senha e trocar o nome da conexão para evitar que isso se repita.

Trocar a senha do roteador

Para fazer esta operação, insira no navegador a sequência de números que identificam o IP - 192.168.1.1 - para abrir a página internet do roteador. Na página aberta, são encontradas as informações básicas do roteador - nome de usuário e senha. Além disso, você poderá ver uma lista com os IPs de cada dispositivo com permissão de acesso à conexão sem fio. Nela, você poderá ver todos os dados de identificação do roteador. Consulte a ficha Como descobrir o IP do roteador e alterar a senha do Wi-Fi para saber mais sobre o assunto.

É nesta página também que você poderá mudar a configuração do roteador para permitir somente o acesso a certos endereços MAC (identificador físico do equipamento que, diferente do endereço IP, não pode ser alterado).

Alterar ou ocultar o nome da conexão

Para fazer esta operação, é preciso digitar o IP na barra de endereços do navegador e entrar na página web do roteador. Na opção SSID ou Wireless é possível alterar o nome da conexão Wi-Fi ou escondê-la para que nenhum intruso possa vê-la.

Por fim, não se esqueça de desligar o modem quando não estiver usando e, é evidente, não divulgue para ninguém as senhas de acesso à internet.

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você.

Foto: © Kittichain Boonpong - 123RF.com

Publicado por . Última modificação: por Bruna de França.

Este documento, intitulado 'Como saber se alguém utiliza minha conexão Wifi?', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (https://br.ccm.net/) ao utilizar este artigo.

0 Comentário