Fonte de alimentação: o que é a certificação 80 Plus

Optando por uma fonte de energia certificada 80 Plus, você certamente economizará energia no tempo em comparação com a fonte de energia não certificada, mas não só isso, ela tem outras vantagens. É uma garantia de qualidade e de durabilidade, pois os fabricantes de fontes de alimentação são forçados a usar componentes de boas qualidades, o que garante uma maior vida útil em relação aos modelos não-certificados. Uma dica: se você for comprar uma fonte de alimentação, não compre menos menor do que a certificada 80+.


O que é a certificação 80 Plus

Esta certificação é atribuída a fontes de alimentação com um rendimento (relação entre a potência consumida e a energia fornecida) maior de 82%, 20, 50 e 100% de carga. É garantido que, pelo menos, 80% da energia recebida na entrada é efetivamente transmitida para o computador (por exemplo, para entregar 250 W, uma fonte de alimentação de 500 W não deve consumir não mais do que 300 W). A maioria dos principais fabricantes de computadores estão empenhados em usar apenas fontes de alimentação certificadas, incluindo HP e Dell.

Quais são os níveis de certificação existentes

A certificação foi reforçada, em março de 2014, o 80 Plus padrão corresponde a partir de então a um máximo de 18% de perda de energia de carga a partir de 20% e, passa portanto, a 82% de no mínimo de rendimento, os outros níveis foram também foram revistos enquanto que um novo nível mais um foi criado: titânio:



Fonte de alimentação 80 Plus Standard

82, 85 e 82% de rendimento mínimo a 20%, 50% e 100% de carga respectivamente.

Fonte de alimentação 80 Plus Bronze

85, 88 e 85% de rendimento mínimo a 20, 50 e 100% de carga, respectivamente.

Fonte de alimentação 80 Plus Silver

87, 90 e 87% de rendimento mínimo, respectivamente, 20, 50 e 100% de carga.

Fonte de alimentação 80 Plus Gold

90, 92 e 89% de rendimento mínimo, respectivamente, 20, 50 e 100% de carga.

Fontes de alimentação 80 Plus Platinum

92, 94 e 90% de eficiência mínima a 20, 50 e 100% de carga, respectivamente.

Fonte de alimentação 80 Plus Titânio

90, 94, 96 e 94% de eficiência mínima em 10, 20, 50 e 100% de carga, respectivamente:



Como escolher corretamente uma fonte de alimentação

Para escolher a potência de uma fonte de alimentação adaptada a sua necessidade, observe na tabela acima uma fonte de alimentação certificada 80 Plus oferece seu melhor desempenho quando trabalha à 50% de carga, então basta avaliar aproximadamente o consumo máximo de seu PC e multiplicá-lo por dois. Exemplo: uma configuração normal, dotada de um bom processador e de uma placa de vídeo média consome entre 200 e 250w, será preciso um bloco entregando idealmente entre 400 et 500 watts de acordo com o uso (escritório ou jogos) e, é claro, certificada 80 Plus.
Se você quiser acessar o site da certificação 80 neste link.


Foto: © Wikipedia.
Artigo original publicado por flo88. Tradução feita por ninha25. Última modificação: 21 de fevereiro de 2018 às 12:46 por ninha25.
Este documento, intitulado 'Fonte de alimentação: o que é a certificação 80 Plus ', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM (https://br.ccm.net/) ao utilizar este artigo.
Como escolher uma boa fonte de alimentação
Como verificar o funcionamento de sua fonte de alimentação